Segunda-feira, 9 de Maio de 2022

Lancia Stratos HF de velocidade - Um olhar sobre as minhas miniaturas

Lancia Stratos HF de velocidade - Um olhar sobre as minhas miniaturas

564ª – Lancia Stratos Solido

Nº 45 Lancia Stratos 2,4 Targa Florio Giorgio Pianta Giorgio Schon 7º classificado

 Modelo real

O primeiro carro de produção projetado especificamente para ralis também participou em provas de velocidade.

O Lancia Stratos no Targa Florio de 1973, no pequeno circuito da Madonie em 11 voltas e 792km com Sandro Munari-Jean Claude Andruet terminou em segundo lugar nas 11 voltas em 7h 00`30`` sendo o vencedor o Porsche Carrera RSR

No ano seguinte no pequeno circuito da Madonie agora com 7 voltas e 504km, Amilcare Ballestrieri-Gérard Larrouse também está entre os 59 inscritos na corrida, pilotando um Lancia Stratos termina a prova em primeiro lugar ao completar as 7 voltas do circuito em 4h, 35', 02" a uma média de 109.946 km/h. Emilio Palcari/ Mauro Pregliasco também em Stratos é o 4º classificado.

Em 1975 a 20 de Julho realizou-se a 59ª edição da Targa Florio a última desta prestigiada competição de estrada que fazia parte do calendário Mundial de Marcas. No último Targa, o pequeno circuito da Madonie nas 8 voltas e nos 506Km, duas equipas em Lancia Stratos 2.4 estiveram presentes Erasmo Bologna/Mauro Pregliasco e Giorcio Pianta /Giorgio Schon em Lancia Stratos foram 6º e 7º classificados.

Lancia Stratos G.Schon - G.Pianta com uma decoração muito original.

No último Targa Florio, a 60º edição realizada somente para o campeonato Italiano, o Lancia Stratos compareceu com Carlo Faceti/ Gianfranco Ricci em Lancia Stratos foi o 2º classificado entre 52 classificados.

Modificação na miniatura

Pintadas as listas e colocados os decalques e colocadas as persianas traseiras.

IMG_20220509_183631.jpg

IMG_20220509_183821.jpg

IMG_20220509_184427.jpg

IMG_20220509_184610.jpg

Miniatura

Interior detalhado

Sem suspensão.

As rodas são de plástico de acordo com as originais.

Fabricante Solido

Série

Referencia nº 27 – 10/74

Material – zamac

Material da placa de base – plástico

A base está aparafusada à carroçaria

Apresentado em caixa de cartão com janela de visualização e vitrine plástica.

País - França

Anos de fabrico  a


publicado por dinis às 19:50
link do post | comentar | favorito
Sexta-feira, 3 de Dezembro de 2021

Lancia Beta coupé 1800- Um olhar sobre as minhas miniaturas

Lancia Beta coupé 1800- Um olhar sobre as minhas miniaturas

410ª – Lancia Beta 1800 Solido

Na ansia de fazer modelos desportivos ai vai um.

 Modelo real

O Lancia Beta foi produzido de 1972 a 1984 e  o primeiro novo modelo apresentado pela Lancia depois de ter sido adquirido pela Fiat em 1969.

O Lancia Betta foi apresentado a 31 de Outubro de 1972 O primeiro exemplo da cooperação entre a Lancia e a Fiat.

A carroçaria foi desenhada pelos estilistas da marca com remanescências do Citroen GS e do Proptpipo BMC 1800 de Pininfarina em 1968

O Beta foi feito em vários estilos de carroceria, ou seja, salão fastback de 4 portas, Beta berlina, salão de três caixas de quatro portas Beta Trevi, coupé de 2 portas Beta Coupé, targa de 2 portas Beta Spider, 3 portas Beta HPE e um carro esportivo com motor central também foi vendido com o nome Beta, o Lancia Beta Montecarlo.

O Beta 1600 é um coupé 2+2 apresentado em Junho de 1973 e também desenhado pelos estilista da Lancia liderada por Aldo Castagno, que com Piero Castagnero  reistilizam  as linhas da berlina.de onde veem os motores.

O Beta teve o seu primeiro evento em San Remo, o queniano Shekhar Mehta ficou em quarto lugar. Ao lado da América do Norte, no Rideau Lakes Rally, no Canadá, onde o Beta de Lampinen se destacou na lama e na neve. Foram apenas as ordens da equipe do chefe Cesare Fiorio que levaram o Beta a desacelerar para permitir que os Stratos de Munari ultrapassassem a cominho da a vitória, com Lampinen em segundo lugar. O Beta continuou a fornecer um papel de apoio ao Stratos ao longo da temporada de 1975 e, sem dúvida, ajudou a Lancia a garantir o campeonato mundial naquele ano.

Em 1976, a Lancia vendeu o Works Betas para outras equipes e um deles foi comprado por Reseau Chardonnet, o importador francês da Lancia.

Modificação na miniatura

Foram alargadas as abas das rodas e pintada a miniatura nas cores da Alitalia.

IMG_20211203_144458.jpg

IMG_20211203_144532.jpg

IMG_20211203_144554.jpg

Miniatura

Abres as portas.

Interior detalhado

Com suspensão.

As rodas são de plástico de acordo com as originais.

Fabricante Solido

Série Gam 1

Referencia nº 52 - 4/77

Material – zamac

Material da placa de base – plástico

A base está aparafusada à carroçaria

Apresentado em caixa de cartão com janela de visualização.

País - França 

Anos de fabrico  a

 


publicado por dinis às 21:56
link do post | comentar | favorito
Quarta-feira, 25 de Agosto de 2021

Lancia Stratos - Um olhar sobre as minhas miniaturas

Lancia Stratos - Um olhar sobre as minhas miniaturas

309ª - Lancia Stratos – Solido

 A prenda de Natal da minha Mãe, em 1976.

Lancia Stratos HF vencedor do Tour Auto em 1973, com Sandro Munari /Mario Mannucci.

Modelo real

Em 1973, a maioria dos clientes da Lancia ainda corriam com o Fulvia e os carros da fábrica entregues ao Jolly Club, Grifone e Tre Gazzelle .

Os novos adversários eram carros como o Alpine-Renault A110 e os Porsche 911, era necessário que a Ferrari, cedesse o motor transversal 2.9 V8 que usava no 308, para o seu carro de ralis.

Cesare Fiorio a liderar a Lancia na competição, desde que fundou a HF Squadra Corse estava empenhado mas a construção dos carros também estava a ser demorado alem da Ferrari não conseguir produzir tantos motores para o Stratos e para o Ferrari Dino

 O carro, com o motor Ferrari, conseguia ir dos 0 aos 100 km/h em menos de 7 segundos e tinha uma velocidade máxima de cerca de 230 km/h, que no início dos anos 70 era algo de supersónico. O Stratos foi produzido de 1973 até julho de 1974 depois de todas as 500 unidades terem sido feitas,

A primeira prova foi o Tour de Corse em 1972, onde o Stratos de grupo 4 com Sandro Munari ao volante e Mario Mannucci, e a equipe liderada por Gian Paolo Dallara abandonaram. Em Espanha, na Costa del Sol, e no Lyon-Charbonnières, a suspensão traseira não resistiu pela potência gerada pelo motor da Ferrari.

Resolvido o problema, a prova do Campeonato Europeu em Espanha, o Rally Firestone a 8 de Abril de 1973, o Lancia Stratos consegue a sua primeira vitória. A 15 de Maio termina em 2º na Targa Florio e a 23 de Setembro o Stratos vence o Tour de France Auto - a sua primeira grande vitória.

Para correr no Grupo 5, eram necessários 500 exemplares para ser homologado mas a fábrica de Chivasso somente em Outubro começou com a produção do Stratos. Mas isso não foi suficiente e, um ano mais tarde, quando a FIA foi inspecionar os alegados 500 exemplares do carro para proceder à sua homologação, viu que a maioria eram somente carroçarias.

À letra do regulamento da FIA, a “intenção de competir”, foi a defesa de Cesare Fiorio, ao estarem de acordo com as suas intenções de colocar em competição todos aqueles esqueletos de Stratos e muito dificilmente poderem ser usadas outro tipo qualquer de carro!.

O certo é que ele foi homologado.

Modificação na miniatura

Pintado de branco o que faltava e colocado os decalque de acordo com as instruções da caixa.

IMG_20210825_174236.jpg

IMG_20210825_174650.jpg

IMG_20210825_175321.jpg

IMG_20210825_175425.jpg

Miniatura

Levanta os faróis.

Interior detalhado

Sem suspensão.

As rodas são de plástico de acordo com as originais.

Fabricante Solido

Série

Referencia nº 27 10 1974

Material – zamac

Material da placa de base – metal

A base está aparafusada à carroçaria

Apresentado em caixa de cartão com janela de visualização.

País -

Anos de fabrico 1974 a

 

 


publicado por dinis às 22:51
link do post | comentar | favorito
Quarta-feira, 18 de Agosto de 2021

Lancia Stratos - Um olhar sobre as minhas miniaturas

Lancia Stratos - Um olhar sobre as minhas miniaturas

302 Lancia Stratos Norev

Enquanto não sai o quinto modelo da Luso Toys, segundo dizem um Lancia Stratos mas do qual ainda não se sabe a decoração, o Lancia Stratos Norev 'Marlboro' nº4 era um modelo muito atraente para as várias versões e voltar aos primeiros carros de pré-homologação e ainda muito semelhante ao protótipo. 

Modelo real

O Lancia Stratos HF é um bem-sucedido carro de rali durante a década de 1970 e o início da década de 1980. O carro deu início a uma nova era nos ralis pois foi o primeiro carro projectado de propósito para este tipo da competição.

Projectado por Bertone e baseada no Stratos Zero apresentado na Exposição de Automóveis de Turim a 28 de Outubro de 1970 tem uma carroçaria era em forma de cunha, bastante curta e larga, para aumentar a tracção.

Em 1971 a Lancia apresentou o protótipo Lancia Stratos HF.

O protótipo foi equipado com três motores diferentes: o motor Lancia Fulvia, o motor Lancia Beta e o motor traseiro Ferrari Dino V6 de 2,4 litros e 190 cv. Testes extensivos com o Stratos em diversos eventos, onde os protótipos do Grupo 5 eram permitidos, durante temporadas de 1972 e 1973.

A produção de 400 carros, necessária para a homologação no Grupo 4 foi iniciada em 1973 e o carro homologado para o Campeonato Mundial de Rally de 1974.

O motor Ferrari Dino V6 foi descontinuado em 1974, mas foram construídos 500 motores, os últimos a serem produzidos, para a Lancia.

A estreia foi na Volta da Córsega em 1972, com Sandro Munari que abandonou com a suspensão quebrada. A primeira vitória veio no Rali da Espanha em 1973 o segundo lugar absoluto na 47ª edição de Targa Florio com Munari outra vez e a vitória na Volta da França e Volta da Sicília.

Modificação na miniatura

As rodas foram alteradas depois a pintura e agora está à espera que os decalques cheguem.

IMG_20210818_163151.jpg

IMG_20210818_163211.jpg

IMG_20210818_163313.jpg

IMG_20210818_163324.jpg

Miniatura

Interior detalhado

Sem suspensão.

As rodas são de plásticos iguais aos modelos desta época no fabricante.

Fabricante Norev

Série Jet car

Referencia nº713

Material – zamac

Material da placa de base – plástico

A base está cravada à carroçaria

Apresentado em caixa de cartão com janela de visualização e um autocolante da Marlboro.

País - França

Anos de fabrico 1972 a

 


publicado por dinis às 22:37
link do post | comentar | favorito
Segunda-feira, 2 de Agosto de 2021

Lancia Beta Berlina  - Um olhar sobre as minhas miniaturas

Lancia Beta Berlina  - Um olhar sobre as minhas miniaturas

286ª – Lancia Beta 1800 Berlina Polistil

Um carro de apoio a equipa da Alitalia

Modelo real

Em Outubro de 1972 foi apresentado o Lancia Beta um carro de luxo de nível básico produzido pela Lancia de 1972 a 1984. Foi o primeiro novo modelo apresentado pela Lancia depois de ter sido adquirida pela Fiat em 1969. Estava disponível em versão 1600, a berlina de quatro portas com um estilo 'fastback' e a aparência de um hatchback, e motores do Fiat 132,  de 1400, 1600 e 1800 , montados transversalmente, caixa de cinco velocidades  e muito material de origem Fiat. Em 1974 foi lançada a versão 1.8ES com vidros elétricos, rodas de liga leve e teto solar.

No Salão do Automóvel de Turim, em Novembro de 1974, um motor 1300 juntou-se à gama, mas, no Outono de 1975, os motores 1600 e 1800 foram substituídos por novos 1600 e 2000 s. Os 2,0 litros melhoraram o torque no mesmo ano a Lancia voltou ao mercado americano com o Beta. Versões automáticas foram introduzidas em 1978. Em 1981, o 2.0 tornou-se disponível com injeção eletrônica. A produção da Berlina terminou em 1981

O Lancia Beta esteve disponível com várias carrocerias, ou seja, o fastback de 4 portas (Beta berlina), quatro portas e mala (Beta Trevi), coupé de 2 portas (Beta Coupé), Targa de 2 portas (Beta Spider), um 3 portas (Beta HPE) e um desportivo com motor central Lancia Beta Montecarlo.

Modificação na miniatura

Pintada com as cores da Alitalia

IMG_20210802_231501.jpg

IMG_20210802_231623.jpg

IMG_20210802_231715.jpg

IMG_20210802_231731.jpg

IMG_20210802_231852.jpg

Miniatura

Abre as portas da frente,

Interior detalhado

Sem suspensão.

As rodas são de plásticos iguais aos modelos desta época no fabricante.

Fabricante Politoys

Série

Referencia nº E 41

Material – zamac

Material da placa de base – plástico

A base está aparafusada à carroçaria

Apresentado em caixa de cartão com janela de visualização.

País -

Anos de fabrico  a


publicado por dinis às 23:34
link do post | comentar | favorito
Quinta-feira, 29 de Julho de 2021

Stratos HF Zero - Um olhar sobre as minhas miniaturas

Stratos HF Zero - Um olhar sobre as minhas miniaturas

282ª – Lancia 1600 HF Stratos Bertone  Politoys

Stratos HF Zero, o início.

Modelo real

Stratos Zero de 1970 Gandini á frente na Bertone

O Stratos HF Zero é um protótipo de 1970 e um prenúncio de um modelo a ser lançado no futuro, com um desenho futurista e/ou irreverente evocando a velocidade.

Não faltam são argumentos para fundamentar este interessante concept car. E isso certamente é verdade para o Stratos Zero de Bertone, um conceito que, mais do que qualquer outro, inaugurou a era dos carros angulosos e em forma de cunha que caracterizou os anos 1970 e 1980.

A grande rivalidade de design entre Bertone e Pininfarina atingiu o ponto mais alto, com ambas as empresas aparentemente determinadas a fazer de tudo para superar uma à outra. Bertone talvez tenha aberto as hostilidades com o Marzal e com o primeiro supercarro em forma de cunha, o poderoso Alfa Romeo Carabo. A Italdesign entrou na briga com o Bizzarrini Manta e o Alfa Romeo Iguana. A Pininfarina respondeu usando todo o seu poder de fogo da Ferrari com o impressionante P5, o 512S berlinetta e o Módulo.

Apresentado a 28 de Outubro de 1970 no Salão Automóvel de Turim, era um contraponto ao Ferrari 512S Modulo da Pininfarina.

Ambos os carros têm uma qualidade escultural quase abstrata, mas o Stratos parece mais dinâmico comparado ao Módulo um tanto estático. Também é ainda mais baixo, com apenas 33 centímetros de altura.

Estava equipado de um V-4 de 1584 cc que produz 115 cavalos a 6200 rpm, retirado diretamente dow um Lancia Fulvia acidentado. A traseira do carro possui uma grade através da qual os mecanismos são claramente visíveis; o compartimento do motor é coberto por um capô triangular que se abre para a direita.

Em cada lado do carro, há duas pequenas janelas empilhadas uma em cima da outra, e a entrada e a saída são facilitadas pela abertura do grande para-brisa emoldurado. A coluna de direção pode ser movida para frente para permitir mais espaço para entrar no veículo. Simultaneamente, um mecanismo hidráulico abriu o amplo pára-brisa de Perspex, que servia como única porta do carro. Os ocupantes podiam ver diretamente à frente e acima - e pouco mais.

Nuccio Bertone conduziu o Stratos na via pública de e para os escritórios de Lancia, deslumbrando todos os que viram o cupê incrivelmente baixo e maravilhando-se com ele e quando entrou nos portões da fábrica da Lancia passando por baixo da barreira durante o dia.

Sob o título “Extrapolações”, a Swiss Automobil Revue escreveu na época: “Ideias audaciosas, mesmo aparentemente abstrusas, podem ter resultados positivos, apenas antecipados.”

Marcello Gandini  numa entrevista concedida a Giancarlo Perini em 1977, disse: “O primeiro Stratos foi desenhado tão livremente como o Autobianchi Runabout e atingiu o objetivo para o qual se pretendia: estabelecer uma ponte entre Lancia e Bertone. Depois de estabelecer a ponte, Lancia pediu-nos que tivéssemos uma ideia para um novo carro desportivo que iria aos ralis nos campeonatos mundiais. ”

IMG_20210729_191246.jpg

IMG_20210729_191409.jpg

IMG_20210729_191448.jpg

IMG_20210729_191517.jpg

IMG_20210729_191534.jpg

IMG_20210729_191544.jpg

Miniatura

O cockpit e o capô traseiro podem ser abertos. Bancos e volante pretos. Painel preto. Reprodução do motor Chrome. Vidro azul. Rodas tipo estrela rápidas. Parte traseira da caixa pintada de preto, rebitada. Conjunto de chaves de desmontagem na base de plástico amarelo-laranja. É encontrada apenas na cor vermelha laranja. Decalque "Lancia" no nariz.

Abre a portas e levanta o capô para ver o motor.

Motor e interior detalhado

Com suspensão.

As rodas são de plásticos iguais aos modelos desta época no fabricante.

Fabricante Politoys

Série

Referencia nº M 23

Material – zamac

Material da placa de base – plástico

A base está cravada à carroçaria

Apresentado em vitrine plástica .

País - itália

Anos de fabrico 1971 a


publicado por dinis às 23:26
link do post | comentar | favorito
Segunda-feira, 1 de Fevereiro de 2021

Lancia Flaminia Coupe Pinin Farina- Um olhar sobre as minhas miniaturas

Lancia Flaminia Coupe Pinin Farina- Um olhar sobre as minhas miniaturas

86ª – Lancia Flaminia Solido

A redescobrir o nome de Florida II Coupé como está na “ Historia do Automóvel” página 357 da Editora Expressão e Cultora distribuída em fascículos.  

Modelo real

Lancia Flaminia Coupe Pinin Farina

A primeira Flaminia berlina foi revelada no Salão do Automóvel de Torino em Março de 1957

O Lancia Flaminia é um carro de luxo produzido pela Lancia de 1957 a 1970. Foi o principal da Lancia na época, revelado no Salão do Automóvel de Torino em Março de 1957

Produzido como familiar, coupé e cabriolet.

O Flaminia coupé e o descapotável eram carros construídos com carrocerias de diversos fabricantes de carroçarias italianos de prestígio.

Quatro limusines alongadas denominadas presidenciais Flaminias foram produzidas pela Pininfarina para uso em ocasiões oficiais.

A visita da Rainha Elizabeth II em 1960 que levou a Pininfarina a fabricar esses carros chamados “Presidenziale”.

Como todas as outras versões de 2 portas, o Coupé tinha uma distância entre eixos reduzida em relação ao Berlina.

5.236 Coupés foram construidos 4.151 com o 2.5 e o 1.085 com o 2.8 foram construídos até 1967.

IMG_1802.JPG

IMG_1786.JPG

IMG_1788.JPG

IMG_1790.JPG

Miniatura

Motor e interior detalhado

Os para choques estão integrados na carroceria

Suspensão BTS.

As rodas têm pneus

Fabricante Solido

Série

Referencia nº 121

Material – zamac

Material da placa de base – Zamac

A base está cravada à carroçaria

Apresentado em caixa de cartão.

País - França

Anos de fabrico  a


publicado por dinis às 19:50
link do post | comentar | favorito
Segunda-feira, 4 de Janeiro de 2021

Lancia Fulvia FM 1.6 - Um olhar sobre as minhas miniaturas

Lancia Fulvia FM 1.6 - Um olhar sobre as minhas miniaturas

50ª – Lancia Fulvia FM Mercury

Na oficina…

Modelo real

Lancia Fulvia coupé protagonizou vitórias nos rallyes por esse mundo fora também andou em provas de velocidade, Vila Real foi uma delas mas o Prototipo FM 1,6 L sem capota lançado em Provas do Campeonato do Mundo por Cesare Fiorio no Targa, equipada de um motor 1600 para Sandro Munari e Rauno Altonen classificando-se no 9º luar na Sicilia, e em Nurburgring uma vitória na classe.

IMG_0752.JPG

IMG_0754.JPG

IMG_0756.JPG

IMG_1200.JPG

 

Miniatura

Um carrinho de brincar transformado em miniatura com a ajuda de uma serra, lima, e a amálgama dentária utilizada antigamente para restaurar os dentes, uma amável oferta do Dr. Agarez quando passávamos pelo seu consultório. 

Umas das fichas do colecionador, em Sebenta, que ainda elaborei e que mais tarde foram alteradas para folhas A4. 

Agora a ajudar o Emanuel a restaurar as minhas miniaturas.  

Abre as portas, porta-malas e capô.

Motor e interior detalhado

Suspensão de lamina.

As rodas têm pneus

Fabricante Mercury

Série

Referencia nº 33

Material – Zamac

Material da placa de base – Zamac

Apresentado em caixa de cartão.

País Itália

Ano de fabrico 1964


publicado por dinis às 19:13
link do post | comentar | favorito
Terça-feira, 15 de Dezembro de 2020

Lancia Fulvia Sport Zagato  - Um olhar sobre as minhas miniaturas

Lancia Fulvia Sport Zagato  - Um olhar sobre as minhas miniaturas

30ª – Lancia Fulvia Sport Zagato Corgi Toys

Um carrinho de brincar com as marcas inerentes ao duro serviço prestado.

O Lancia Fulvia (Tipo 818) entre 1963 e 1976 com o nome da Via Fulvia, a estrada romana que vai de Tortona a Turim.

Apresentado no Salão do Automóvel de Genebra em 1963 e fabricado em três variantes: Berlina 4 -door saguão, 2 portas Coupé, e Sport, um coupé fastback alternativo projetado e construído por Zagato no piso Coupé.

Este modelo possui portas abrindo, capô abrindo, motor detalhado, O interior é moldado. As rodas têm suspensão de mola.

IMG_0699.JPG

IMG_0703.JPG

IMG_0709.JPG

Miniatura Corgi Toys

Série

Referencia nº 332

Material – Zamac

Material da placa de base - Zamac

País Inglaterra

Ano de fabrico 1964


publicado por dinis às 22:07
link do post | comentar | favorito
Sábado, 5 de Dezembro de 2020

Lancia Flavia Sport - Um olhar sobre as minhas miniaturas

Lancia Flavia Sport - Um olhar sobre as minhas miniaturas

20ª – Lancia Flavia Sport Zagato 1800 Politoys

 Um raro e muito atraente Lancia Flavia Sport Zagato 1800 Iniezione é a miniatura representada pela  Politoys M

Inicialmente, o Flavia estava disponível apenas como 4 portas com um motor Boxer 1500 de alumínio. Em seguida veio o coupé de 2 portas de base curta projetada pela Pininfarina. O conversível veio da Vignale, enquanto Zagato se encarregou do design da versão leve Sport.

Esta requintada carroceria de alumínio tem características estilísticas maravilhosas, como os vidros laterais traseiros panorâmicos, os vidros laterais convexos, o vidro dianteiro panorâmico e o vidro traseiro convexo de abertura.

Apenas 626 Zagato's foram feitos, dos quais 512 tinham o motor 1800, a caixa de 5 marchas, mas também o raro sistema de injeção Kugelfisher.

Apenas 32 Zagato's foram feitos com esta configuração.

DSCF7537.JPG

IMG_0436.JPG

IMG_0442.JPG

IMG_0443.JPG

Miniatura Politoys M

Referencia Nº 509

País Itália

Ano de fabrico 1969


publicado por dinis às 22:51
link do post | comentar | favorito

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Maio 2022

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9


28

29
30
31


.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.posts recentes

. Lancia Stratos HF de velo...

. Lancia Beta coupé 1800- U...

. Lancia Stratos - Um olhar...

. Lancia Stratos - Um olhar...

. Lancia Beta Berlina  - Um...

. Stratos HF Zero - Um olha...

. Lancia Flaminia Coupe Pin...

. Lancia Fulvia FM 1.6 - Um...

. Lancia Fulvia Sport Zagat...

. Lancia Flavia Sport - Um ...

.arquivos

. Maio 2022

. Abril 2022

. Março 2022

. Fevereiro 2022

. Janeiro 2022

. Dezembro 2021

. Novembro 2021

. Outubro 2021

. Setembro 2021

. Agosto 2021

. Julho 2021

. Junho 2021

. Maio 2021

. Abril 2021

. Março 2021

. Fevereiro 2021

. Janeiro 2021

. Dezembro 2020

. Novembro 2020

. Outubro 2020

. Setembro 2020

. Agosto 2020

. Julho 2020

. Junho 2020

. Maio 2020

. Abril 2020

. Março 2020

. Fevereiro 2020

. Janeiro 2020

. Dezembro 2019

. Novembro 2019

. Outubro 2019

. Setembro 2019

. Agosto 2019

. Julho 2019

. Junho 2019

. Maio 2019

. Abril 2019

. Março 2019

. Fevereiro 2019

. Janeiro 2019

. Dezembro 2018

. Novembro 2018

. Outubro 2018

. Setembro 2018

. Agosto 2018

. Julho 2018

. Junho 2018

. Maio 2018

. Abril 2018

. Março 2018

. Fevereiro 2018

. Janeiro 2018

. Dezembro 2017

. Novembro 2017

. Outubro 2017

. Setembro 2017

. Agosto 2017

. Julho 2017

. Junho 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Março 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

.tags

. todas as tags

SAPO Blogs
RSS
Em destaque no SAPO Blogs
pub