Domingo, 14 de Abril de 2024

Alfa Romeo 155 V6 TI DTM 1994 - Um olhar sobre as minhas miniaturas

Alfa Romeo 155 V6 TI DTM 1994 - Um olhar sobre as minhas miniaturas

1172ª – Alfa Romeo 155 V6TI DTM 1994 A.NANNINI Minichamps

Alfa Romeo 155 V6 TI DTM '94 A Nannini #2

Modelo real

O Alfa 155 elaborado pela Alfa Corse a equipe de corrida de fábrica, para 1993 e como todos os carros DTM, o 155 TI foi construído de acordo com as especificações da Classe 1 da FIA. O motor era um V6 de 2,5 litros capaz de algumas rotações insanas. A linha vermelha para o carro foi em torno de 12.000 rpm, produzia 420 cv e 215 lbft de torque. Com seu chassis leve de fibra de carbono e AWD, tudo isso resultou em um impressionante carro de corrida.

Após a extraordinária vitória de Nicola Larini no DTM de 1993, sobre o rival Mercedes-Benz Classe C e conquistar o campeonato de fabricantes.

Para a 1994 a Alfa Romeo continuou a desenvolver o 155 V6 TI agora com os regulamentos alterados.

O motor foi iluminado e abaixado; o carro foi rebaixado em 60 mm e modificado na aerodinâmica. introduzidos o ABS e a suspensão ativa controlada eletronicamente, desenvolvidas em colaboração com a TAG Electronics.

Dois 155 oficiais da Alfa Corse foram confiados a Larini e Nannini, enquanto outros três foram administrados pela Schubel Engineering para a França,

Na penúltima prova, um incidente em Alemannenring, em Singen, Alemanha.

Durante a primeira corrida, Nannini foi tocado por outro 155 TI na pista foi aos pneus e encerrou a corrida.

Na segunda corrida, Naninni utilizou o carro do companheiro de equipe Giorgio Francia. Nannini largou em último, mas rapidamente subiu no campo. Entre tirar as rodas do 155 e um pouco de sorte com a quebra de outros carros, Nannini se viu em quarto lugar em pouco tempo.

Em quarto lugar e enquanto negociava o gancho apertado de 180 graus, o 155 de Nannini foi tocado por Roland Asch no Mercedes AMG.

Depois de voltar à pista, Nannini vai aos boxes e ganha um jogo de pneus novos. Subir de volta na hierarquia não estava em sua mente; ele estava em busca de vingança. Depois de mais algumas voltas, Nannini alcançou Asch e posicionou seu carro diretamente atrás dele.

Depois veio uma curva de 90 graus no Alemannenring e enquanto Asch desacelerou para a curva, Nannini não o fez e manteve o pé no pedal. O Alfa bateu na traseira do AMG, fazendo com que ambos os carros desviassem para a área de ultrapassagem.

Com os dois pilotos fora da disputa, o companheiro de equipe de Asch, Klaus Ludwig, conquistou o campeonato de 1994.

IMG_20240414_145338 (1).jpg

IMG_20240414_145346 (1).jpg

IMG_20240414_145434 (1).jpg

IMG_20240414_145850.jpg

IMG_20240414_145946 (1).jpg

Miniatura

Interior detalhado

Sem suspensão.

As rodas são de plástico de acordo com as originais.

Fabricante Minichamps

Série Pauls Model Art

Referencia nº preço 7500$00

Material – zamac

Material da placa de base – plástico

A base está aparafusada à carroçaria

Apresentado em caixa de cartão com janela de visualização e expositor plástico.

País – Alemanha

Anos de fabrico  a

 


publicado por dinis às 18:11
link do post | comentar | favorito
Sexta-feira, 5 de Janeiro de 2024

Porsche 908 /3 - Um olhar sobre as minhas miniaturas

Porsche 908 /3 - Um olhar sobre as minhas miniaturas

1073ª – Porsche 908 /3 Nurburgring 70 Best   

Porsche 908/03 - Nürburgring 1000 Km. 1970 Vic Elford – Kurt Ahrens Jr, vencedor

1970 May 31, Nürburgring 1000 km winning 908/03-008. © Porsche

A variante 03 do Porsche 908 foi projetada para a temporada de 1970 do Campeonato Mundial de Desporto.

475 ª – Porsche 908/3 Modelos 3J

https://manueldinis.blogs.sapo.pt/porsche-9083-um-olhar-sobre-as-minhas-1380673

618ª – Porsche 908/3 Modelos 3J

https://manueldinis.blogs.sapo.pt/porsche-9083-um-olhar-sobre-as-minhas-1490180

632ª – Porsche 908/3 Modelos 3j transformada

https://manueldinis.blogs.sapo.pt/porsche-9083-toblerone-um-olhar-sobre-1499470

Modelo real

​A evolução do Porsche 908 continuou mesmo com o 917 mais potente e também a ser melhorado no final de 1969. mas muito grande e pesado para pistas sinuosas

Baseado no leve e curto Porsche 909 usado na montanha, a nova versão aberta do 908/03 é ainda mais curta que o 908/02 e pesa apenas 500Kg comparando, o 917K pesava cerca de 840 kg, o Porsche 908/03 seria para corridas de 1.000 km, onde a estrutura de alumínio pesava apenas 30 kg/66 lb e o revestimento de plástico reforçado com espuma apenas 12 kg/26 lb.  e os parafusos das luzes de travão foram removidos e as lentes coladas para economizar alguns gramas. O 908/03 de 1970 finalmente chegou a 545 kg/1200 lb.

A primeira versão do 908/03 modelo de 1970., agora com discos de travão perfurados e ventilados foram um sucesso imediato em apenas nas duas corridas em que foram inscritos, o Targa Florio, e nos 1000 km de Nürburgring de 1970,

Na segunda corrida, os 1000 km de Nürburgring a 31 de maio de 1970 o carro nº 22, o Porsche 908/03 #008 foi inscrito pela Porsche Konstruktionen Salzburg, agora pintado de branco para Vic Elford (GB)/Kurt Ahrens, Jr. (D)

A qualificação, permitiu aos Porsche ocupar os quatro primeiros lugares, onde o primeiro foi para Jo Siffert/Brian Redman, seguido por Pedro Rodriguez/Leo Kinnunen, Vic Elford/Kurt Ahrens Jr. e depois Hans Herrmann/Richard Attwood.

Na partida, Rodriguez é mais rápido e surpreende Siffert, o homem da pole position, também ele ultrapassado pelo Ferrari de Giunti. Na segunda volta Siffert, teve dificuldade em contornar Giunti mas conseguiu ultrapassá-lo. Na oitava volta, Siffert saiu na frente, mas Rodriguez respondeu com a melhor volta. Siffert conseguiu ganhar cerca de 8 segundos sobre Rodriguez, antes dos pit stops. Quando os pitstops chegaram, Rodriguez entregou seu carro para Kinnunen e Siffert para Redman; mas o carro Siffert-Redman atrasou e voltou para o segundo lugar. Redman foi atrás de Kinnunen e em duas voltas estava pronto para ultrapassá-lo; sob pressão, Kinnunen, que havia sido afetado pela morte de seu amigo Hans Laine no dia anterior, bateu seu 908/03, perto de Karrusell, e Redman. Siffert/Redman toma a liderança, mas no final da 22ª volta, Redman trouxe seu 908/03 devido à queda na pressão do óleo. O motor então falhou por falta de óleo, e o Vic Elford/ Kurt Ahrens Jr. no Porsche 908/03 assume a liderança, para no final a vencer a corrida no final das 44 voltas a uma velocidade média de 165,0 km/h, seguido pelo outro Porsche 908/03 de Herrmann/Attwood e do Ferrari de Surtees/Vaccarella e em 9º Wicky / Cabral  Porsche 907 1º em P2.0

Com esta vitória em casa, a Porsche conquistou o Mundial de Marcas. na última grande corrida internacional no Nürburgring original, para no ano seguinte, o Nordschleife ser reconstruído,

IMG_20240105_140658.jpg

IMG_20240105_140716.jpg

IMG_20240105_140732.jpg

IMG_20240105_140748.jpg

IMG_20240105_140758.jpg

Miniatura

Interior detalhado

Sem suspensão.

As rodas são de plástico de acordo com as originais.

Fabricante Best

Série

Referencia nº9032 preço

Material – zamac

Material da placa de base – plástico

A base está aparafusada à carroçaria

Apresentado em caixa de cartão com janela de visualização e expositor plástico.

País – Itália

Anos de fabrico  a

 

 


publicado por dinis às 19:20
link do post | comentar | favorito
Sexta-feira, 15 de Dezembro de 2023

Audi V8 Quattro DTM - Um olhar sobre as minhas miniaturas

Audi V8 Quattro DTM - Um olhar sobre as minhas miniaturas

1053ª – Audi V8 Quattro Stuch 1990 Minichamps      

Audi V8 Team Sms N 44 DTM 1990 Hans Joachim Stuck

Modelo real

O Audi V8 Quattro participou em 1990 no DTM, o German Touring Car Championship, com Hans-Joachim Stuck e Walter Röhrl, nos carros #44 e #45. A Audi inicialmente inscreveu um único carro o #nº44, para Stuck na corrida inaugural em Zolder na Belgica a 1 de Abril . Na prova, foi abalroado e teve que ir aos boxes para trocar um pneu. Atrasado e quase em último lugar, Stuck fez uma fantástica recuperação e terminando em 14º lugar e a volta mais rápida.

As corridas em Hockenheim, 3Eifelrennen em Nurburgring, mostraram a juventude e consequente aperfeiçoamento com as primeiras vitorias de Stuck em Avus nas duas corridas.

Em Mainz-Finthen faz a pole position, e nova vitória em Wunstorf, de Hans-Joachim Stuck novamente nas duas corridas.

Utilizando a sua caixa de seis velocidades e AWD, a Audi continuou a sua tendência dominante sempre que as estrelas se alinhavam.

Problemas ocorreram em Nürburgring, Nordschleife, mas na prova seguinte as 200 Meilen von Nürnberg em Norisring, nova vitoria na corrida 1 de Stuck e Walter Röhrl em segundo e na 2º corrida, foram 3º-5º, com Stuck a liderar Röhrl nas duas vezes.

.Em Diepholz, é 9º e 8º respetivamente, um lastro de 80 kg nos carros foi imposto e Stuck o melhor que conseguiu foi o 8º.

Os verificadores mudaram o lastro para 30 kg devido à baixa potência dos motores, para grande decepção da Mercedes e da BMW.

Walter Röhrl, vence a Corrida 2 do GP de Nürburgring. Com a maioria dos problemas mecânicos resolvidos, a Audi inscreveu um terceiro carro para a rodada final em que participaria: o #46, dirigido por Jelinski.

Hockenheim II Estas duas corridas continuam entre as melhores corridas para os Audis, com os carros cruzando a linha de chegada ao pódio completo: 1-2-3, em ambas as corridas.

Stuck conquistou a vitória do campeonato para a Audi.

IMG_20231215_135835.jpg

IMG_20231215_135921.jpg

IMG_20231215_135959.jpg

IMG_20231215_140024.jpg

IMG_20231215_140036.jpg

Miniatura

Interior detalhado

Sem suspensão.

As rodas têm pneus de borracha

As rodas são de plástico de acordo com as originais.

Fabricante Minichamps

Série

Referencia nº 1001preço 4900$00

Material – zamac

Material da placa de base – plástico

A base está aparafusada à carroçaria

Apresentado em caixa de cartão com janela de visualização e expositor plástico.

País - Alemanha/China

Anos de fabrico  a

 


publicado por dinis às 19:09
link do post | comentar | favorito
Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2023

Alfa Romeo TZ1 - Um olhar sobre as minhas miniaturas

Alfa Romeo TZ1 - Um olhar sobre as minhas miniaturas

1052ª – Alfa Romeo TZ1 Targa Florio 1965 Best    

Alfa Romeo Giulia TZ1 Targa Florio 1965 Bianchi Rolland #70

Inscrito na Targa Florio pela Scuderia Autodelta Giulia TZ com Luciano Bianchi e Jean Rolland foi 7º na classificação geral, e venceu a classe 1301-1600.

Modelo real

Na 49º Targa Florio 1965 realizado no Circuito Piccolo delle Madonie, Sicily, Italy era esperado o confronto entre a Porsche a Ferrari, apesar de mais nova vinha estava a suplantar à Ferrari vencedora em 1961 quando Von Tripps/Olivier Gendebien levaram a Ferrari Dino 246 SP ao primeiro lugar e em 1962 quando a Dino 246 SP foi pilotada por Willy Maraise/Ricardo Rodrigues/Olivier Gendebien.

Em 1960, o vencedor foi Jo Bonnier/Hans Hermann a ganhar a prova com o Porsche RS60 OT Spyder, em 1963 foi a vez do Porsche 904 GTS novamente com Jo Bonnier ai em dupla com Abate, e novamente em 1964 com Antonio Pucci/Colin Davies com o 904 GTS.

Para a prova, a Ferrari vem com três carros, as Ferrari 275 P2 para as duplas Ludovico Scarfioti/Mike Parkes . Jean Guichet/Giancarlo Baghetti e Nino Vacarella/Lorenzo Bandini. A Porsche com vários 904 GTS de fábrica e particulares vem tentar repetir a vitória dos dois anos anteriores.

A Alfa Romeo entre outros alinha com oito Giulia TZ  para Zeccoli/Zuccoli,  Capra/Pinchetti, Gargano/Denza, Sirugo/Arena, Benini/Frola, Bussinello/Todaro, Bianchi/Rolland, Panepinto/Parla, onde estava Federico e o português Mário Araújo Cabral num Alfa GTA, sem esquecer o numeroso grupo de Giulietta SZ   

A corrida é feita com os carros a partirem com intervalos de um minuto, Vacarella é o mais rápido desde a largada, que e logo na segunda volta pulverizando o recorde da volta fazendo 39m21s, as outras Ferraris bem que tentam mas o Siciliano está irrepreensível e quando entrega o carro a Bandini na ao final da sétima volta a vitória esta consolidada, Hill/Bonnier com o mais rápido dos 904 GTS 8 cilindros já não fazem frente aos tempos por volta da Ferrari # 198.

A Porsche contenta-se com os quatro lugares seguintes e em 6º está o Abarth 1600 OT Spyder deHans Herrmann, D Leo Cella, I 1600  S4 P 7:17:23.0 e em 7º o Nº 70 inscrito pela Autodelta SpA, I o Alfa Romeo Giulia TZ164 de Lucien Bianchi/Jean Roland 1570 S4 em 7:26:33.0. e vencedor da categoria Sport e a classe 1301-1600.

O Nº58 da Scuderia Etna Alfa Romeo Giulia TZ        Guiseppe Sirugo, I Vincenzo Arena, I 1570 é o 9º classificado.

IMG_20231214_140753.jpg

IMG_20231214_140810_1.jpg

IMG_20231214_141028.jpg

IMG_20231214_141034.jpg

IMG_20231214_140937.jpg

Miniatura

Interior detalhado

Sem suspensão.

As rodas são de plástico de acordo com as originais.

Fabricante Best

Série

Referencia nº 9062 preço

Material – zamac

Material da placa de base – plástico

A base está aparafusada à carroçaria

Apresentado em caixa de cartão com janela de visualização e expositor plástico.

País – Itália

Anos de fabrico  a

 


publicado por dinis às 22:02
link do post | comentar | favorito
Quinta-feira, 7 de Dezembro de 2023

Renault Laguna BTCC - Um olhar sobre as minhas miniaturas

Renault Laguna BTCC - Um olhar sobre as minhas miniaturas

1046ª – Renault Laguna 1994 BTCC Tim Harvey Vitesse.  

Renault Laguna 1994 BTCC Tim Harvey.

Modelo real

Renault Laguna 1994 BTCC Tim Harvey.

O Laguna substituiu o Renault 21 em 1994 o sedan foi oferecido com motores V6 a gasolina de 1,8, 2,0 e 3,0 litros, aos quais se juntou em 1995 uma versão diesel de 2,2 litros com vários níveis de combustível, todos os modelos tendem a vir com equipamentos de direção assistida de série, vinte painéis elétricos e porta central do controle remoto com Os airbags para motorista e passageiro, o sistema ABS, o ar condicionado e o CD player estão disponíveis apenas nas acomodações mais caras.

A Renault quer vencer o campeonato BTCC, mais conhecido por Campeonato Britânico de Carros de Turismo, e em 1993, com Alain Menú e Tim Harvey, estrearam-se em Silverstone, num Renault 19 sem grandes resultados, mas a partir de 1994, a Renault apresentaria o novo modelo Laguna como aspirante ao título, beneficiando-se da engenharia do monocromático o fabricante Williams da Renault forneceu os motores de Fórmula 1.

A GB Motorsport sob a bandeira Renault Dealer Racing, o Laguna o primeiro esforço BTCC de fábrica da marca francesa, e inscrito no Auto Trader RAC British Touring Car Championship de 1994 pelo duplo campeão britânico de carros de turismo Alain Menu e pelo campeão BTCC de 1992 Tim Harvey.

A segunda corrida da temporada em Brands Hatch veria os dois carros franceses alinhados na segunda linha do grid e uma primeira fila totalmente Renault seguida mais tarde em Oulton Park.

Os resultados durante o ano melhoraram com o passar do tempo e, no final do ano, os Lagunas eram os adversários mais próximos da conquistadora equipa Alfa Romeo.

Menu conquistou o primeiro pódio do carro na 5ª prova em Silverstone e seguiu com a primeira vitória do Laguna na próxima vez em Oulton Park, liderando desde a pole position. Uma segunda vitória no final da temporada foi em Knockhill.

Harvey, sofreu a maior parte dos problemas de fiabilidade com o novo carro. O ponto alto do seu ano foi a pole position em Silverstone no final da temporada, que converteu na sua única vitória em 1994.

No final da temporada, Menu e Harvey terminariam em segundo e nono, respectivamente, no campeonato, com a Renault como vice-campeã no Campeonato de Construtores.

IMG_20231207_170102.jpg

IMG_20231207_170106.jpg

IMG_20231207_170203.jpg

IMG_20231207_170124.jpg

Miniatura

Abre as portas.

Interior detalhado

Sem suspensão.

As rodas são de plástico de acordo com as originais.

Fabricante Vitesse

Série

Referencia nº 01/94 1493/8000 preço

Material – zamac

Material da placa de base – plástico

A base está aparafusada à carroçaria

Apresentado em caixa de cartão com janela de visualização e expositor plástico.

País - Portugal

Anos de fabrico  a


publicado por dinis às 19:29
link do post | comentar | favorito
Quarta-feira, 29 de Novembro de 2023

Alfa Romeo 2000 GTV Vila Real - Um olhar sobre as minhas miniaturas

Alfa Romeo 2000 GTV Vila Real - Um olhar sobre as minhas miniaturas

1038ª – Alfa Romeo Giulieta GT Projecto K MInitec

A prenda de Natal em 1996 da minha Mãe Aida Ferreira Rego

Miniatura Alfa Romeo 2000 GTV Projecto K  Minitec Bernardo Sá Nogueira 2º classificado

Modelo real

O Alfa Romeo 2000 GTV que publiquei no Blog Um Olhar sobre as Corridas, na quarta-feira de 10 de dezembro de 2008

https://manueldinis.blogs.sapo.pt/miniatura-alfa-romeo-2000-gtv-projecto-376252

e no Portal dos Clássicos 

Bernardo de Sá Nogueira

Quando o Team Mocar se formou em 1972 com Bernardo de Sá Nogueira e Jorge Ribeiro de Sousa  que com mais três  Alfa Romeo 2000 GTV participaram em Vila Real.

Para o XX Circuito Internacional de Vila Real 1973, entre os inscritos na prova de grupo 1, estavam 12 concorrentes em nome individual e 8 integrados em teams onde estava o Mocar Racing Team com os irmãos Sá Nogueira. Para a prova de turismo inscreveram dois Alfa Romeo GTA 2000 GTV, o 21 para Domingos de Sá Nogueira ao qual foi atribuído o 22 para Bernardo de Sá Nogueira, em carros aparentemente iguais no seu andamento.

As suas características eram:

1962cc 133hp Din ás 6700rpm

Pneus Michelin e jantes Campagnolo

Óleo Shell e amortecedores Koni

Caixa de 5 velocidades

Nos treinos, a prova com mais pilotos eram 37 depois de Ferreira da Costa não ter sido autorizado a participar, os Chevrolet Camaro mão davam hipóteses, mas os Alfa Romeo esperavam uma oportunidade.

Durante as 20 voltas, o comportamento em pista de dos carros de grupo 1 entusiasmaram pelo seu comportamento. 

Os Camaro dominaram até que Ernesto Neves fica sem gasolina quando seguia na frente e era seguido de PêQuêPê.

Os Camaro dominaram com Ernesto Neves a ficar sem gasolina, quase no final, quando seguia na frente e para junto a nós, junto ao Parque Florestal e cai para o 3º lugar quando seguia na frente e era seguido por PêQuêPê.

Atrás os Alfa seguiram sempre no seu encalço com Bernardo no primeiro plano.

Uma avaria que levou Domingos a box retirou-lhe o 3º lugar relegou-o para 5º classificado ao perder uma volta e José Meireles a terminar em 4º no Ford Capri 3000.GT.

IMG_20231128_222023.jpg

IMG_20231128_222103.jpg

IMG_20231128_222317.jpg

IMG_20231128_222926.jpg

IMG_20231129_134220.jpg

IMG_20231129_173437.jpg

Miniatura

Interior detalhado

Sem suspensão.

As rodas são de plástico de acordo com as originais.

Fabricante Projecto K Minitec

Série Minitec

Referencia nº PK 175 preço

Material – zamac

Material da placa de base – plástico

A base está aparafusada à carroçaria

Apresentado em caixa de cartão com janela de visualização e expositor plástico.

País – Itália / Portugal

Anos de fabrico  a


publicado por dinis às 17:26
link do post | comentar | favorito
Segunda-feira, 23 de Outubro de 2023

Mercedes Benz SL da Diana - Um olhar sobre as minhas miniaturas

Mercedes Benz SL da Diana - Um olhar sobre as minhas miniaturas

1003ª – Mercedes Benz SL Cabriolet Solido

Mercedes-Benz SL, modelo R 129

Modelo real

O R129 andou nas bocas do mundo em 1991 por dois motivos, quando Diana, a Princesa de Gales, vendeu o seu Jaguar XJS e alugou um Mercedes 500 SL vermelho metálico, em dezembro de 1991 e assim ser  o primeiro membro da família real a utilizar um carro estrangeiro mas por pouco tempo, pois a pressão publica , as criticas do Governo e dos sindicatos , forçou-a a devolver o carro à Mercedes-Benz em Setembro de 1992 e agora está como uma atracção no Museu da Marca ao lado do Papamóvel.

O Mercedes-Benz SL, modelo R 129 foi apresentado em Março de 1989, no Salão Automóvel de Genebra,

Um ano após o seu lançamento o SL recebeu o prémio internacional "Car Design Award", o que mostrou a excelente trabalho que Bruno Sacco e a sua equipa fizeram, criando um modelo extremamente harmonioso no seu global. Funcionalmente também muito competente, com ótima aerodinâmica e economia de combustível, com valores de cd de 0,32 com capota dura e de 0,40 sem capota e com vidros laterais fechados.

A nova cobertura de acionamento electro-hidráulico opera-se através do toque num botão, podendo abrir e fechar num espaço de 30 segundos. O arco de segurança funciona na

perfeição debaixo da capota maleável. A capota rígida é feita de alumínio, e apesar das janelas grandes pesa apenas 34 quilos, cerca de 10 quilos menos do que a capota rígida da anterior geração.

Através dos anos o R 129 esteve disponível com variadas motorizações. com motores consistindo de um V6 de 2,8 litros, um V6 de 3,2 litros, um V8 de 5 litros e um V12 de 6 litros, o topo do modelo, o 600 SL / SL 600 com um motor V12 (290 kW/ 394 cv), lançado em Outubro de 1992.

Dois atualizações, uma em 1995 e outra 1998 asseguraram que o R 129 se manteve atualizado.

A variante mais rara é o SL 280 com um motor V6, modelo de entrada de gama desde 1997, sendo produzidos somente 1.704 exemplares

O Mercedes-Benz SL 73 AMG é uma versão do SL 600 elaborada pela AMG, agora incorporada na marca, com base no SL 600, este desportivo aparentava ser um SL mas a sigla “73” e às jantes de 18″ exclusivas queriam  dizer que o cliente já tinha adquirido um Mercedes-Benz SL 600, equipado com um motor V12 de 6.0 l M 120), e posteriormente entregue na à AMG para uma uma preparação exaustiva do motor que incluíam pistões forjados em titânio, reforço de inúmeras peças internas, mudança das cotas internas do motor, sistema de escape específico, entre outras alterações, o AMG podia debitar 525 cv às 5500 rpm e 750 Nm de binário máximo às 4000 rpm ou seja mais potente em 117 cv do que a versão de origem (SL 600). uma caixa automática de cinco relações, o SL 73 AMG levava-o dos 0 aos 100 km/h em 4,8s e a velocidade máxima podia chegue até aos 298 km/h. para a AMG, apenas foram produzidas 80 unidades deste modelo e que 50 foram compradas por Hassanal Bolkia, o Sultão do Brunei

O Motor SL73 AMG de 7,3 litros foi utilizado  numa versão inicial do motor Pagani colocado no Zonda e, com 518 cv, tornou-se o SL mais potente de todos os tempos.

IMG_20231023_141101.jpg

IMG_20231023_141143.jpg

IMG_20231023_142459.jpg

IMG_20231023_142619.jpg

IMG_20231023_142840.jpg

Miniatura

Levanta o capô para ver o motor e o arco de segurança.

Levanta o arco de segurança.

Interior detalhado

Sem suspensão.

As rodas são de plástico de acordo com as originais.

Fabricante Solido

Série To Day

Referencia nº 1517 preço

Material – zamac

Material da placa de base – plástico

A base está aparafusada à carroçaria

Apresentado em caixa de cartão com janela de visualização e expositor plástico.

País – França

Anos de fabrico  a

 

 


publicado por dinis às 18:57
link do post | comentar | favorito
Sexta-feira, 31 de Março de 2023

Alfa Romeo 8C 2900 B 1º GP de Bremgarten 1948

Alfa Romeo 8C 2900 B 1º GP de Bremgarten 1948 - Um olhar sobre as minhas miniaturas

835ª – Alfa Romeo 8C 2900 B 1938 HP 190 Brumm

Alfa Romeo 8C 2900 B 1º  GP de Bremgarten 1948  Daetwyler.

Na caixa pode ler-se:

“ O Alfa Romeo 8C 2900 B projetado por Vitorio Jano em 1937 adotou algumas soluções técnicas estritamente derivadas do monolugar do Grande Prémio: o motor de quase três litros com dois compressores, a suspensão independente e os freios operados hidraulicamente. a primeira assinatura ocorreu em 1938 no alto de Mille Miglia com a participação de três vagões Alfa Romeo 8C 2900B de Touring. Ele vence as 24 Horas de SPA e 10 anos após a introdução do modelo na Mille Miglia de 1947 após a guerra. foram produzidos muito poucos exemplares. 20 de eixos curtos, 10 de eixos longos e um especial para  Le Mans.

Modelo real

Introduzido pela primeira vez no 8C 2300, o motor de oito cilindros projetado por Vittorio Jano conquistou pelo menos uma vitória em todas as principais corridas e campeonatos.

Dirigido pela Scuderia Ferrari de Enzo Ferrari, os Alfa Romeos eram quase imbatíveis, perante a supremacia do Auto Union e Mercedes.

para as Mille Miglia, o 8C 2900 foi projetado especificamente. apresentava suspensão independente completa, com triângulos na frente e eixos oscilantes na parte traseira. Instalada no chassi estava uma versão de 220 cv do motor de oito cilindros de 2,9 litros.

Seis Alfa Romeo 8C 2900A carros de corrida, foram construídos e três inscritos em 1936 nas Mille Miglia onde o sucesso foi  imediato com os três primeiros lugares na chegada com o Brivio e o Ongaro 8C no topo e no ano seguinte nova vitoria. Tomando como base os carros vencedores, uma versão para clientes de estrada foi contruído e denominado 8C 2900B,

Duas versões estavam disponíveis, com a distância entre eixos curta de 2.800 mm (Corto) e distância entre eixos longa de 3.000 mm (Lungo). Dos quais foram construídos 10 chassis Lungo e 20 Corto.

Às duas vitórias do 8C 2900A em 1936 e 1937, duas outras novas vitórias foram conquistadas pelo 8C 2900B em 1938 e 1947.

No " Grand Prix de l'ACS", organizado pelo (Automobile Club de Suisse) realizou em Berna,  Genebra a 30 de julho de 1950, uma corrida foi  vencida por Daetwyler com o nº 36, quando ao fim de 26 voltas em 52'59"1 a 117.769km/h, terminou com 3 voltas  de diferença para o segundo, Albert Scherrer num Jaguar XK 120.

Um modelo muito semelhante correu em Vila Real em 1950 com Felice Boneto depois ter sido o vencedor no Circuito da Boavista, Porto.

IMG_20230331_144119.jpg

IMG_20230331_144130.jpg

IMG_20230331_144142.jpg

IMG_20230331_144207.jpg

Miniatura

Interior detalhado

Sem suspensão.

As rodas são de plástico de acordo com as originais.

Fabricante

Série Especial

Referencia nº 010 preço

Material – zamac

Material da placa de base – plástico

A base está aparafusada à carroçaria

Apresentado em caixa de cartão com janela de visualização e expositor plástico.

País – Itália

Anos de fabrico  a


publicado por dinis às 19:17
link do post | comentar | favorito
Terça-feira, 14 de Março de 2023

Alfa Romeo Scuderia Ferrari- Um olhar sobre as minhas miniaturas

Alfa Romeo Scuderia Ferrari- Um olhar sobre as minhas miniaturas

820ª – Alfa Romeo Grand prix Tipo 3 1935 Route gemmenate Rio

Como diz o catálogo:

“O modelo especial para corridas de montanha com rodas duplas no eixo traseiro”

Talvez numa homenagem ao Parma-Poggio di Berceto de 1919 a primeira corrida de automóveis para Enzo Ferrari como piloto num CMN 15/20 HP, e ficou em quarto lugar na categoria até 3.000 cm³ e em décimo primeiro no geral.

Um outro modelo de Alfa Romeo P3 ou tipo b 1932 com o emblema da Ferrari á frente também foi proposto pela Rio, bem como com o nº 8 Parma-Poggio Berceto 1934 com Achille Varzi

Modelo real

A Alfa Romeo dominou com o Tipo B, a evolução natural do Tipo A, equipado curiosamente com dois motores em linha paralelos acoplados a duas caixas de velocidade.

Desenhado por Vittorio Jano para competir no Grande Prêmio da categoria Fórmula Livre e posteriormente rebatizado de P3, o Tipo B, estava agora dotado de um motor de 8 cilindros em linha, constituído por dois blocos de quatro cilindros, com cabeças fixas de liga de alumínio, cada um com a sua própria árvore de cames à cabeça; um trem de engrenagens montado entre os dois blocos impulsionava os dois. Alimentado por dois carburadores e superalimentada por dois compressores volumétricos coaxiais Roots, operados pelo mesmo trem de engrenagens central. O motor tinha uma cilindrada de 2.654 cc e produzia uma potência máxima de 215 cavalos a 5.600 rpm.

A transmissão, especialmente o conjunto do diferencial e os eixos de transmissão, tinha um layout muito distinto. O motor dianteiro longitudinal foi emparelhado com embreagem multiplaca seca e caixa de quatro velocidades. Os dois eixos de transmissão em um arranjo em "V" saíam do diferencial, instalados ao lado da caixa de câmbio, e acionavam as rodas traseiras por meio de pares de engrenagens cônicas. Esta solução, baixou significativamente o centro de gravidade do carro de corrida.

A estreia foi em Monza, no Grande Prêmio da Itália de 1932 quando Nuvolari dominou a corrida e iniciou de uma longa série de vitórias incluindo o campeonato, não impediu a Alfa Romeo, de ser administrada a partir de 1933 diretamente pelo Estado.

Em 1934, o motor foi aumentado para 2.905 cc com 255 cavalos de potência. Na temporada seguinte, a direção passou para a Scuderia Ferrari, onde exteriormente os carros vermelhos de Milão ficam sem o seu trevo de quatro folhas e ser substituído pelo símbolo do Cavalinho sobre fundo amarelo da Scuderia Ferrari.

Desde o início o Alfa Romeo P3 da equipe Ferrari, era tecnicamente melhorado de forma autônoma pelos técnicos Modena encabeçados por Luigi Bazzi modificaram a suspensão e o sistema de freios, que passou a ser hidráulico: a cilindrada foi aumentada para 3.165 cc e o motor passou a produzir 265 cavalos. A evolução final apareceu pela primeira vez no Grande Prêmio da França em 1935: 3822 cc gerando 330 cavalos de potência.

Sete exemplares foram produzidos com esta carroçaria, incluindo os utilizados pela Scuderia Ferrari nas temporadas de 1934 e de 1935..

IMG_20230301_191310.jpg

IMG_20230301_191325.jpg

IMG_20230301_191339.jpg

IMG_20230301_191358.jpg

IMG_20230301_191426.jpg

Miniatura

Interior detalhado

Sem suspensão.

As rodas são de plástico de acordo com as originais.

Fabricante Rio

Série Automobili d`época per amatori

Referencia nº71 preço

Material – zamac

Material da placa de base – plástico

A base está aparafusada à carroçaria

Apresentado em caixa de cartão com janela de visualização e expositor plástico.

País – Itália

Anos de fabrico  a

 


publicado por dinis às 19:28
link do post | comentar | favorito (1)
Sexta-feira, 3 de Fevereiro de 2023

Alfa Romeo Bt 45 C - Um olhar sobre as minhas miniaturas

Alfa Romeo Bt 45 C - Um olhar sobre as minhas miniaturas

791ª – Brabham Alfa Romeo BT 45 C Polistil

Brabham Alfa Romeo BT 45 C 1978 Niki Lauda,

Modelo real

Brabham Alfa Romeo BT 45 C

O acordo bem lucrativo de Bernie Ecclestone permitiu à Brabham a usar os potentes, pesados e gastadores motores Alfa Romeo de 12 cilindros tipo 115-12 de 12 cilindros com 500 hp (373 kW) e 340 N⋅m (251 lb⋅ft) de torque foi o BT 45, numa monocoque de alumínio, travões a disco ventilados Girling. A suspensão dianteira consistia em braços duplos com barras de tração, molas helicoidais e barras estabilizadoras, enquanto a traseira usava molas helicoidais e barras estabilizadoras.

Para 1978 e enquanto se aguardava o desenvolvimento do BT46, foi criada uma versão C do BT45 Gordon Murray e Carlo Chiti o designer de Motores da Alfa Romeo fizeram ligeiras alterações equiparam-no com um enorme radiador na frente e renomeado de BT45 C.

Para o lugar de Stuck, a Brabham contratou Niki Lauda, que se juntou o John Watson.

Unicamente nas duas primeiras etapas do campeonato de 1078, o Brabham Alfa -Romeo BT46C foi utilizado.

Na Argentina Niki Lauda foi 2º e Watson, abandonou depois de ter sido depois de ter sido 4º nos treinos, e no Brasil, Niki Lauda foi 3º e John Watson 8º,

O Brabham Alfa Romeo BT 45 C foi e pode ser visto no filme “Um Momento, uma Vida” onde Al Pacino utiliza nas filmagens utilizou o fato de Jose Carlos Pace.

Bobby Deerfield ou seja Al Pacino) é um famoso corredor de automóveis que se apaixona-se perdidamente por uma bela garota Lillian Morelli drama começa no momento em que ele descobre que a jovem sofre de uma doença terminal.

IMG_20221125_131051.jpg

IMG_20221125_131142.jpg

IMG_20221125_131216.jpg

IMG_20221125_131410.jpg

Miniatura

Interior detalhado

Sem suspensão.

As rodas são de plástico de acordo com as originais.

Fabricante Polistil

Série

Referencia nº CE 106  preço

Material – zamac

Material da placa de base – plástico

A base está cravada à carroçaria

Apresentado em caixa de cartão com janela de visualização e expositor plástico.

País – Itália

Anos de fabrico  a

 

 


publicado por dinis às 00:05
link do post | comentar | favorito

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Maio 2024

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9

13
15
16
17
18

19
21
22
23
24
25

26
27
28
29
30
31


.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.posts recentes

. Alfa Romeo 155 V6 TI DTM ...

. Porsche 908 /3 - Um olhar...

. Audi V8 Quattro DTM - Um ...

. Alfa Romeo TZ1 - Um olhar...

. Renault Laguna BTCC - Um ...

. Alfa Romeo 2000 GTV Vila ...

. Mercedes Benz SL da Diana...

. Alfa Romeo 8C 2900 B 1º G...

. Alfa Romeo Scuderia Ferra...

. Alfa Romeo Bt 45 C - Um o...

. Alfa Romeo 159 Alfetta - ...

. Alfa Romeo 6C 1750 - Um o...

. Alfa Romeo GP 158, primei...

. Alfa do Conde Ricotti - U...

. Alfa Romeo Alfasud trofeu...

. Alfa Romeo Alfasud trofeu...

. Autovama Firenze Alfa Rom...

. Alfa Romeo Alfetta GT - U...

. Alfa Romeo 1900 1950 - Um...

. Alfa Romeo Alfetta GTV Ra...

. Alfa Romeo T 33/TT/12 Red...

. Lotus 78 Formula 1 John P...

. Jaguar XK 120 - Um olhar ...

. Alfa Romeo Zagato - Um ol...

. Alfa Romeo 2300 - Um olha...

. Alfa Romeo Giulia Super v...

. Aston Martin DB5 - Um olh...

. Alfa Romeo GTA 1300 - Um ...

. Alfa Romeo Giulia GTV 200...

. Alfa Romeo T 33 TT 12 - U...

. Iguana - Um olhar sobre a...

. Alfa Romeo Giulia SS - Um...

. Alfa Romeo Montreal - Um ...

. Alfa Romeo T33/2 cauda lo...

. Alfa Romeo 2600 Sprint Be...

. Alfa Romeo Carabo Bertone...

. Alfa Romeo Canguru - Um o...

. Alfa Romeo P 33 Pininfari...

. Alfa Romeo 33 Protótipo "...

. Alfa Romeo 33/3.1970 - Um...

. Alfa Romeo TZ 1 - Um olha...

. Alfa Romeo 33/2 Coupe Spe...

. Alfa Romeo Osi Scarabeo -...

. Alfa Romeo GS Zagato Quar...

. Alfa Romeo Giulietta Spyd...

. Alfa Romeo Zagato - Um ol...

. Alfa Romeo  Giulia TI Sup...

.arquivos

. Maio 2024

. Abril 2024

. Março 2024

. Fevereiro 2024

. Janeiro 2024

. Dezembro 2023

. Novembro 2023

. Outubro 2023

. Setembro 2023

. Agosto 2023

. Julho 2023

. Junho 2023

. Maio 2023

. Abril 2023

. Março 2023

. Fevereiro 2023

. Janeiro 2023

. Dezembro 2022

. Novembro 2022

. Outubro 2022

. Setembro 2022

. Agosto 2022

. Julho 2022

. Junho 2022

. Maio 2022

. Abril 2022

. Março 2022

. Fevereiro 2022

. Janeiro 2022

. Dezembro 2021

. Novembro 2021

. Outubro 2021

. Setembro 2021

. Agosto 2021

. Julho 2021

. Junho 2021

. Maio 2021

. Abril 2021

. Março 2021

. Fevereiro 2021

. Janeiro 2021

. Dezembro 2020

. Novembro 2020

. Outubro 2020

. Setembro 2020

. Agosto 2020

. Julho 2020

. Junho 2020

. Maio 2020

. Abril 2020

. Março 2020

. Fevereiro 2020

. Janeiro 2020

. Dezembro 2019

. Novembro 2019

. Outubro 2019

. Setembro 2019

. Agosto 2019

. Julho 2019

. Junho 2019

. Maio 2019

. Abril 2019

. Março 2019

. Fevereiro 2019

. Janeiro 2019

. Dezembro 2018

. Novembro 2018

. Outubro 2018

. Setembro 2018

. Agosto 2018

. Julho 2018

. Junho 2018

. Maio 2018

. Abril 2018

. Março 2018

. Fevereiro 2018

. Janeiro 2018

. Dezembro 2017

. Novembro 2017

. Outubro 2017

. Setembro 2017

. Agosto 2017

. Julho 2017

. Junho 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Março 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

.tags

. todas as tags

SAPO Blogs
RSS
Em destaque no SAPO Blogs
pub