Sexta-feira, 13 de Maio de 2022

BMW 320i Jagermeister - Um olhar sobre as minhas miniaturas

BMW 320i Jagermeister - Um olhar sobre as minhas miniaturas

568ª – BMW 320 Racing Luso Toys

BMW 320i #14 Jagermeister DRM de Harald Grohs DRM Zolder 13.3.1977

Penda de Natal 1982

Modelo real

BMW 320 Grupo 5

Uma nova regra foi introduzida em 1976 para o Campeonato Mundial de Construtores, o segundo campeonato mais importante depois da Fórmula 1. Os carros agora com a designação oficial de Grupo 5, eram os chamados silhueta, porque tinham o mesmo contorno dos carros de turismo ou de GT, mas a engenharia sob o capot era a mais pura tecnologia de carros de corrida.

A pontuação foi dividida em duas categorias, a Divisão 2 com uma cilindrada até dois litros e a Divisão 1 acima de dois litros.

Para a classe de dois litros, a BMW desenvolveu um carro de corrida baseado no novo Tipo 320 BMW, pesavam cerca de 730 kg e tinham o mesmo motor de dois litros que também era usado em carros de corrida de Fórmula 2.

Os carros de corrida BMW E21 grupo 5 que correram na Deutsche Rennsport Meisterschaft (DRM) de 1977 a 1982. tinham muitos proprietários e esquemas de cores

Dois carros BMW 320 Group 5 com as cores Jägermeister no Campeonato Alemão de Automobilismo e no Campeonato Mundial de Construtores na temporada de 1977 através da equipe Faltz (em Essen). Os pilotos foram: Hans-Joachim Stuck, Harald Grohs, Helmut Kelleners e Ronni Peterson.

Em Zolder a 13.3.1977, na prova do DRM, o BMW 320  Jägermeister BMW 320 - BMW M12/7/Faltz L4 4v DOHC 1990 cc com o Nº 14  pilotado por Harald Grohs foi 4º na Div. II em 24 voltas com o tempo de 40:29.300. O vencedor foi Manfred Schurti no Porsche 935 do Jägermeister Max-Moritz-Team fez as 24 voltas em 38:36.900.

IMG_20220513_174709.jpg

IMG_20220513_175246.jpg

IMG_20220513_181004.jpg

IMG_20220513_175140.jpg

Miniatura

Interior detalhado

Sem suspensão.

As rodas são de plástico de acordo com as originais.

Fabricante Luso Toys

Série

Referencia nº 21 - 05/80

Material – zamac

Material da placa de base – plástico

A base está junta à carroçaria

Apresentado em caixa de cartão com janela de visualização.

País – Portugal

Anos de fabrico  a

 


publicado por dinis às 18:27
link do post | comentar | favorito
Domingo, 8 de Maio de 2022

Porsche Aurora RSR - Um olhar sobre as minhas miniaturas

Porsche Aurora RSR - Um olhar sobre as minhas miniaturas

563ª – Porsche Aurora Luso Toys transformado

Porsche Aurora RSR Kiko Ribeiro da Silva 8º na Rampa da Serra da Estrela

 Modelo real

O Team Arbo era constituído por Jorge Ortigão no Opel 1904, Rufino Fontes no Pop Cross e velocidade com o Alfa Romeo 2000GTV e Clemente Ribeiro da Silva no Porsche Aurora RSR estreado no Rally A Reguladora a 15 de Janeiro de 1977 com o motor do Aurora Spyder.

Em 1977, Kiko Ribeiro da Silva estreia o Porsche Aurora ainda num estado muito incipiente de preparação no Rali "A Reguladora", com João Ralha como navegador com o motor do Aurora Spyder..

O chassis do Porsche 911, ou segundo outros, um 912 Targa depois de levar vários elementos de outros Porsche, de ser alargado e com uma nova na frente e ainda mais alargado na traseira, também do tipo RSR, no qual foram montadas as jantes do Porsche Carrera 6 e um enorme aileron no bom estilo da época.

O cancelamento da prova do Europeu de GT fez da estreia do Porsche Aurora RSR em pista no Estoril no Circuito Internacional da Primavera, a novidade em conjunto com o Porsche Carrera RSR de Robert Giannone na prova dos Grupos 2 a 5.

O mais rápido foi Giannone e Ribeiro da Silva onde fez o 5º melhor tempo, mas na corrida não foi além do 16º lugar depois de ter parado na box “com martelo de válvula solto” na 5ª volta.

Na Rampa da Serra da Estrela compareceram 12 pilotos estrangeiros a fazer prever uma das melhores provas da época. Mauro Nesti venceu pela segunda vez consecutiva com no Lola Cabora, e Kiko Ribeiro da Silva foi o melhor português, com um excelente 8º lugar e Robert Giannone em 11º. 

No primeiro circuito da Costa Verde em Vila Do Conde a 2 e 3 de Julho é a estreia da pintura psicadélica e que eu não consegui fotografar, mas logo pensei: Nunca mais o vou conseguir pintar.

Modificação na miniatura

Feito as faróis o guarda lamas e o aileron da frente foi colocado um aileron da 3j

IMG_20220508_194438.jpg

IMG_20220508_195410.jpg

IMG_20220508_195617.jpg

IMG_20220508_194227 (1).jpg

 

Miniatura

Interior detalhado

Sem suspensão.

As rodas são de resina Modelos 3J.

As rodas são de plástico Whizzwheels.

Fabricante  Modelos 3J.

Série M

Referencia nº 8

Material – resina e metal

Material da placa de base – resina

A base está agarrada à carroçaria

Apresentado em caixa de cartão com janela de visualização.

País - Portugal

Anos de fabrico  a


publicado por dinis às 19:28
link do post | comentar | favorito
Segunda-feira, 2 de Maio de 2022

Porsche Carrera RSR Robet Giannone   - Um olhar sobre as minhas miniaturas

Porsche Carrera RSR Robet Giannone   - Um olhar sobre as minhas miniaturas

557ª – Porsche 935 Luso Toys transformado

Porsche Carrera RSR de Robert Giannone 1º Circuito de Vila Real 1979

Modelo real

O Porsche Carrera RSR de Robert Giannone com o Chassis 911.460.9095 foi um dos cinquenta e sete RSR especiais produzidos em 1974 para homologação,

Dispunha de um motor de 3 litros com cerca de 330 cv, e foi adquirido em 1977 em Karlsruhe, nas oficinas da Freisinger Motorsport para animar as corridas em Portugal em conjunto com o Aurora Porsche e o De Tomaso Pantera. Vi-o em Vila do Conde onde venceu nos dois circuitos de 1977

Em 1978, foi transformado em Grupo 5 atmosférico, em França na Almeras Freres.

As corridas regressaram a Vila Real e no XXIº Circuito e Vila Real a prova principal foi a dos automóveis da Categoria B que englobava os Grupo 2 - Turismo Especial, Grupo 3 - Grande Turismo De Série, Grupo 4 - Grande Turismo Especial e Grupo 5 - Produção Especial Silhuetas realizada em 29 Julho 1979

António Barros dominou a prova mas uma ida à box impediu-o de manter o lugar e teve de se contentar com o segundo posto.

Robert Giannone nº5          Porsche Carrera RSR 1º 5 25 1h 13m 40,11s              141,003

2º António Barros nº 25 Aurora Porsche RSR 2º 5 23 1h 14m 43,20s  139,019

A Vila-Realense Fernando Carneiro mostrou que também sabia andar com carros de tracção traseira, que por brincadeira alinhou com o Datsun 240Z de grupo 5.

Modificação na miniatura

A miniatura é o 935 da Luso Toys que foi alargado com barro plástico e lata da paste de um dentífrico e posteriormente pintado. 

IMG_20220502_181346.jpg

IMG_20220502_181439.jpg

IMG_20220502_181503.jpg

IMG_20220502_181632.jpg

IMG_20220502_181804.jpg

Miniatura

Interior detalhado

Sem suspensão.

As rodas são de resina com as originais.

Fabricante Luso Toys

Série Export Metal Kit

Referencia nº K8

Material – zamac

Material da placa de base – zamac

A base está encaixada na carroçaria

Apresentado em caixa de cartão, como kit e com janela de visualização.

País - Portugal

Anos de fabrico  a

 


publicado por dinis às 21:48
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito (1)
Domingo, 1 de Maio de 2022

BMW 320 Grupo 5 - Um olhar sobre as minhas miniaturas

BMW 320 Grupo 5 - Um olhar sobre as minhas miniaturas

556ª – BMW 320  Fruit of the Loom

BMW 320 E21 Grupo 5 "Fruit of the Loom" 1977 Peter Scgneeberger  no D RM Alemão

Modelo real

BMW 320 GRUPO 5

Em 1976, a BMW, precisava de um carro para os novos regulamentos do Grupo 5 e foi quando Rainer Bratenstein recebeu a desafiadora tarefa de construir um carro do Grupo 5 para o qual lhe bastaram apenas doze semanas, para a BMW Motorsport desenvolver uma versão do Grupo 5 do novo sedam 'E21' 320.

A existência de um motor adequado já utilizado na Formula 2, um motor de quatro cilindros em linha com 1990 cc de dezasseis válvulas e duplo came e refrigerado por água de 2 litros de cilindrada, produzindo cerca de 310 cv foi o escolhido.

Com um peso perto dos 800Kg e uma boa estabilidade revelado pelos aerodinamismo da viatura, fortemente modificada, pelos imponentes alargamentos, grosso spoiler e o impressionante aileron, montado numa carroçaria de carro de produção, depois de terem sido retirados todos os componentes desnecessários, aprimorado no túnel de vento da Pininfarina.

O resultado final foi uma máquina verdadeiramente espetacular com apenas 740 kg, incluindo o motorista e meio tanque de combustível e uma distribuição de peso quase perfeita de 50/50, muito bem equilibrada.

A versão do Grupo 5 Silhueta do 320 foi introduzida em Dezembro de 1976, pronta para entrar na pista na temporada seguinte, quando a  BMW produziu uma das primeiras séries de kits BMW 320 Grupo 5 e entregou 15 deles a equipes privadas. Outros cinco kits foram desenvolvidos como carros da BMW destinados aos seus talentosos pilotos 'júnior'.

O modelo representa o BMW 320 E21 Silhueta, Grupo 5 patrocinado pela "Fruit of the Loom" do Heidegger Team, na DivII, e conduzido por Peter Scgneeberger  no Deutsche Rundstreckeb Meisterschaft a 2.10.1977, em Nurburgring onde foi  8º na corrida .

Modificação na miniatura

Depois rebarbado foi lixado e pintado

IMG_20220501_175953.jpg

IMG_20220501_180542.jpg

IMG_20220501_180729.jpg

IMG_20220501_181222.jpg

Miniatura

Interior detalhado

Sem suspensão.

As rodas têm pneus de borracha

As rodas são de plástico de acordo com as originais.

Fabricante

Série Kit

Referencia nº 21/05/80

Material – zamac

Material da placa de base – plástico

A base está junta à carroçaria

Apresentado em Kit, caixa de cartão e montado em caixa de cartão com janela de visualização e vitrine plástica.

País – Portugal

Anos de fabrico  a

 


publicado por dinis às 20:01
link do post | comentar | favorito
Segunda-feira, 25 de Abril de 2022

Porsche 935 com faróis Vallelunga - Um olhar sobre as minhas miniaturas

Porsche 935 com faróis Vallelunga - Um olhar sobre as minhas miniaturas

550ª – Porsche 935 Luso Toys transformado

Porsche 935 #002 - Porsche 930/72 F6 2v SOHC 2856 cc Gr.5 1º Jacky Ickx (B)/Jochen Mass (D) do Martini International Racing Team 6H Vallelunga 1976

A revista Sport Auto a 4 de Abril de 1976 mostrava um Porsche 935 com faróis que podia muito bem ser feito com o da Luso Toys, e foi.

Modelo real

As regras do Grupo 5, " silhueta", permitia várias modificações significativas, tais como, modificações na carroceria, asas maiores, eixos mais largos e refrigeração a água, desde que a silhueta básica do carro permanecesse inalterada quando vista de frente.

O motor do 935 era uma versão de 418 kW (568 PS; 561 hp) (a 7.900 rpm) do 3.0 L flat-six regular, com 60 mkp (438lb-ft, 588Nm) de torque a 5.400 rpm.

Duas semanas depois da primeira prova foram às 6 Horas de Vallelunga para mais uma corrida a 4 de abril.

Ickx e Mass conquistaram a pole por 2,3 segundos do Kremer 935 de Wollek / Heyer, seguidos do Lancia de três BMWs (Alpina, Schnitzer e Hermetite) e o De Tomaso em 15º.

Com a frente tradicional o Porsche de  Ickx / Mass foi embora e foi só encher o carro com combustível, trocar os pneus e adicionar um pouco de óleo.

O Kremer 935 abandonou na primeira hora com problemas na caixa de câmbio. O Stratos de fábrica manteve uma boa segunda posição até 4,5 horas quando abandonou com problemas de transmissão.

A Alpina BMW lutou para terminar em segundo lugar após problemas na caixa de câmbio e um amortecedor do virabrequim quebrado diminuiu seu ritmo. Posey / Grohs / de Fierlant terminaram distantes 16 voltas atrás do Porsche vencedor.

O Porsche 911 Carrera RSR de Kenneth Leim, e Kurt Simonsen, terminou em terceiro e o Hermetite CSL de Fitzpatrick / Walkinshaw terminou em quarto a 27 voltas.

.Modificação na miniatura

Foram feitos os faróis no modelo da Luso Toys

IMG_20220424_164853.jpg

IMG_20220424_165008.jpg

IMG_20220424_165023.jpg

IMG_20220424_165138.jpg

Miniatura

Interior detalhado

Sem suspensão.

As rodas são de plástico de acordo com as originais.

Fabricante  Luso Toys

Série

Referencia nº

Material – zamac

Material da placa de base – plástico

A base está aparafusada à carroçaria

Apresentado em caixa de cartão com janela de visualização.

País – Portugal

Anos de fabrico  a

 

 


publicado por dinis às 18:58
link do post | comentar | favorito
Terça-feira, 5 de Abril de 2022

Aurora Porsche 935 - Um olhar sobre as minhas miniaturas

Aurora Porsche 935 - Um olhar sobre as minhas miniaturas

530ª – Porsche Aurora 935 Luso Toys

Porsche Aurora RSR -Joaquim Moutinho - 1º Vila do Conde 1978

O Natal de 1981, foi assim…

Um carro decorado com tecido

Modelo real

Com os novos regulamentos para 1977, nascem os Silhueta e na Aurora nasce o Porsche Aurora, originalmente um Targa, equipado com um motor de 2.8 com 280 cv.

A morte trágica de Kiko Ribeiro da Silva teve em Joaquim Moutinho o continuador do desenvolvimento do RSR e lutar com Robert Giannone o que veio a acontecer na corrida principal para o Grupo 2,3,4 e 5 no 22 Circuito de Vila do Conde, decorado com os cobertores do Team Lopes Correia

A superioridade de Robert Giannone era evidente com o Porsche RSR mas em Vila do Conde encontrou Joaquim Moutinho a estrear-se ao volante do Porsche Aurora.

Naquela tarde de Agosto, Giannone foi o mais rápido no arranque mas, Moutinho, pouco depois, passou para primeiro, o que prometia uma aguerrida prova.

Na quarta volta, na curva do Castelo, Giannone entrou na areia e voltou á pista para recuperar o tempo perdido.

 O público entusiasmava-se com milhares de espectadores em pé a assistir uma corrida emotiva, até que na 18ª volta foi o mais rápido em 1.06,49 a media de 146,187. Mas o Aurora Porsche cada vez mais competitivo é o primeiro no final das 20 voltas, seguido de Giannone uma das raras vezes em que o Porsche preto e prateado foi batido em pista, entre 1977 e 1978. Tino Pereira no De Tomaso Pantera foi 3º com o mesmo número de voltas.

Modificação na miniatura

Kit em Metal do modelo vendido já desorado e montado.

A parte frontal foi coberta com barro plástico e refeita os alargamentos da frente alterados

IMG_20220405_164744.jpg

IMG_20220405_170341.jpg

IMG_20220405_170414.jpg

Miniatura

Interior detalhado

Sem suspensão.

As rodas são de plástico de acordo com as originais.

Fabricante Luso Toys

Série Metal

Referencia nº K 11

Material – zamac

Material da placa de base – plástico

A base está aparafusada à carroçaria

Apresentado em caixa de cartão com janela de visualização e expositor plástico.

País - Portugal

Anos de fabrico  a

 


publicado por dinis às 17:44
link do post | comentar | favorito (1)
Quinta-feira, 24 de Março de 2022

Opel Kadett GTE - Um olhar sobre as minhas miniaturas

Opel Kadett GTE - Um olhar sobre as minhas miniaturas

518ª – Opel Kadet GTE Luso Toys

Opel Kadett GT/E Gr1  "MêQuêPê" (Manuel Queiroz Pereira)  - João. Batista no Rali de Portugal de 1976, 3º classificado.

 Modelo real

O Kadett C surgiu em 1973 com uma mecânica muito próxima do anterior e foi a versão da Opel dos 'T-Car' da GM, nas versões berlina e coupé., foi o último pequeno Opel com tração traseira em produção na fábrica da Opel em Bochum até julho de 1979.

A versão desportiva do Kadett C foi lançada em 1975 como GT/E. inicialmente com o motor da Opel de injecção da Bosch de 1897cc, e homologado para o G1 e G2.

O grupo 1 disponibilizava 105 HP era um veículo quase de série com poucas peças homologadas e grupo 2 onde se chegava aos 150/160 HP através de uma ficha de homologação que permitia peças especiais ao veiculo de série transformando-o num verdadeiro carro de corrida.

A sua decoração apelativa, amarelo brilhante por cima até á cintura lateral, e em baixo, preto, fazia sonhar…

Vários foram os preparadores mas, Irmscher era o preparador oficial e para os carros dos irmãos Queiroz Pereira era a Sorel, através de Mestre Raimundo.

No Rally de Portugal de 1976 foi pilotado por "Mêqêpê" e navegado por João Baptista, onde foi 3º da classificação geral atrás do Lancia Stratos de Sandro Munari e do Toyota Celica de Ove Andersson.

No ano seguinte voltou agora com o Nº10 mas em Grupo 2 foi 6º com Miguel Vilar como navegador

IMG_20220324_230142.jpg

IMG_20220324_230219.jpg

IMG_20220324_230642.jpg

IMG_20220324_230702.jpg

Miniatura

Abre as portas,

Interior detalhado

Sem suspensão.

As rodas são de plástico de acordo com as originais.

Fabricante Luso Toys

Série Kit

Referencia nº K9

Material – zamac

Material da placa de base – metal

A base está aparafusada à carroçaria

Apresentado em caixa de cartão com janela de visualização.

País – Portugal

Anos de fabrico  a

 


publicado por dinis às 23:38
link do post | comentar | favorito
Terça-feira, 15 de Março de 2022

Aurora Porsche RSR António Barros - Um olhar sobre as minhas miniaturas

Aurora Porsche RSR António Barros - Um olhar sobre as minhas miniaturas

509ª – Porsche Aurora RSR Luso Toys transformado

1979 Pierre Axel  2º classificado ou 1980 Ponto Verde vencedor, qual decorar?

1979 2º classificado 1980 1º

 Modelo real

A corrida do Agrupamento B em 1979 começou com o arranque de Barros, seguido por Giannone, Tino Pereira (de Tomaso Pantera) , Serafim Martins (Capri 3000), Jorge Petiz (Escort) e de Fernando Carneiro (Datsun 240Z). os espectadores estão de pé e os Porsche colados até que António Barros veio às boxes e , Giannone toma o comando. Na 21ª, Tino Pereira no terceiro posto com o grande De Tomaso Pantera abandona. Fernando Carneiro com o 240Z, é terceiro, já sem Sol

Em 1980

O duelo contínua a gora com novos motores.

António Barro partiu muito bem e Giannone atrasou-se e na primeira volta já havia uma diferença de mais de 5 segundos até que na 14 volta Giannone vai à box com o motor envolto em fumo.

O novo motor Motor preparado por Meznaire caminha para a vitoria e Robert é 17º numa classificação em que o artigo 21 do regulamento estabelece que só serão classificados os concorrentes que efetuem pelo menos 2/3 das volatas do vencedor.    

Modificação na miniatura

Refeita a frente

IMG_20220315_141814.jpg

IMG_20220315_141556.jpg

IMG_20220315_192734.jpg

IMG_20220315_192310.jpg

Miniatura

Interior detalhado

Sem suspensão.

As rodas são de plástico de acordo com as originais.

Fabricante  Luso Toys

Série metal 

Referencia nº 8

Material – zamac

Material da placa de base – plástico

A base está aparafusada à carroçaria

Apresentado em caixa de cartão com janela de visualização.

País – Portugal

Anos de fabrico  a

 


publicado por dinis às 20:03
link do post | comentar | favorito
Quinta-feira, 24 de Fevereiro de 2022

Porsche 935 "Martini" 1976 - Um olhar sobre as minhas miniaturas

Porsche 935 "Martini" 1976 - Um olhar sobre as minhas miniaturas

493ª – Porsche 935 Luso Toys

Porsche 935 Martini 6 Horas de Mugello Jochen Mass /Jacky Ickx vencedores

O modelo do Luso Toys foi apresentado no Jornal Motor na Rubrica Escala Reduzida por Rui Faria a 15 de Julho de 1978, onde acolhia com grande entusiasmo a marca Portuense Luso Toys e nos relembrava os kits proibitivos feitos por fabricantes ditos “artesanais” como M. Conti, FDS e especialmente as marcas vendidas pela Boutique Auto-Moto de Paris os BAM,X, etc e pela Minichamps com preços muito perto dos 1000$00 por unidade o que torna proibitivo para a maioria dos miniaturistas.

Modelo real

As novidades da Porsche para 1976 foram o 936 e o 935

O Porsche 935 foi um carro de corrida desenvolvido como a versão de corrida de fábrica do 911 (930) Turbo quando as corridas de resistência se dividiram em dois campeonatos o Campeonato Mundial da FIA para carros de produção especiais do Grupo 5 conhecidos por Silhueta e o Campeonato Mundial de Carros Desportivos para protótipos do Grupo 6 até 3,0 L

Ao analisar os regulamentos de carroceria do Grupo 5 até o limite, quando Norbert Singer, descobriu uma brecha em relação às modificações dos para-lamas para remover os faróis para reduzir o arrasto e criar mais downforce, para o qual as entradas de ar contribuem. As duas grandes extensões de arco de roda foram necessárias para cobrir as enormes jantes BBS.

O motor do 935 era uma versão de 418 kW (568 PS; 561 hp) (a 7.900 rpm) do 3.0 L flat-six regular, com 60 mkp (438lb-ft, 588Nm) de torque a 5.400 rpm. Boost foi entre 1,35 e 1,55 e consumo de combustível foi de 52 litros por 100 km. A capacidade foi reduzida para 2,85 L e, com o fator de penalidade de carga do turbo de 1,4, ele se encaixava na classe de 4,0 L, que tinha um peso mínimo prescrito de apenas 970 kg (2.140 lb).

O protótipo Carrera RSR pesava menos de 800 kg e vazio 900 kg e a distribuição de peso podia ser equilibrada com mais 70 kg. Os testes em Paul Ricard mostraram uma velocidade máxima de 295 km/h.

A Porsche para a primeira prova do campeonato em Mugelo levou os novos 935 (chassis 002) e o carro de teste original (001) como reserva.

Os Porsche 935 Martini e o da Kremer dominaram a corrida, desde o início, e na décima volta, Jochen Mass /Jacky Ickx,já tinham uma vantagem de 15 segundos sobre o BMW 3,5 CSL Hermetite. O BMW Schnitzer de Quester / Krebs / Redman parecia ser segundo até perder a pressão do óleo nos minutos finais, o que permitiu ao Kremer 935 de Wollek / Heyer recuperar o segundo lugar com um Porsche Kremer 935 construído à pressa. O terceiro lugar foi para o vencedor da classe GT Egon Evertz e Leo Kinnunen em Porsche 934. Reinhold Jöst /Jürgen Barth /Wilhelm Bartels Porsche Carrera RSR foi 4º

Modificação na miniatura

Depois de pintadas as listas foram colocadas as decalcomanias.

IMG_20220224_141427.jpg

IMG_20220224_140740.jpg

IMG_20220224_140807.jpg

IMG_20220224_140933.jpg

IMG_20220224_140817.jpg

Miniatura

Porsche 935 com que Icck/Mass venceram as 6 Horas de Mugelo em a 21.Março de 1976, na única prova que esta versão representa com as extensões dos guarda-lamas cobrir as jantes BBS e a frente plana sem os faróis.

Interior detalhado

Sem suspensão.

As rodas são de plástico de acordo com as originais.

Fabricante Luso Toys

Série Expor Metal Kit

Referencia nº K 8

Material – zamac

Material da placa de base – metal

A base está aparafusada à carroçaria

Apresentado em caixa de cartão.

País - Portugal

Anos de fabrico  a

 


publicado por dinis às 19:01
link do post | comentar | favorito (1)
Quarta-feira, 12 de Janeiro de 2022

Porsche 917/30 Can Am - Um olhar sobre as minhas miniaturas

Porsche 917/30 Can Am - Um olhar sobre as minhas miniaturas

450ª – Porsche 917/30 Can Am Luso Toys

Dominador e avassalador, contribuiu para o fim da Can Am e também o único Luso Toys em plástico que me resta.

Após a crise energética da década de 1970, os custos da manutenção dos automóveis tornaram-se caro, o que levou à Can-Am ao seu desaparecimento após a temporada de 1974.

 Modelo real

Na Can Am (Canadian American Cup) o Porsche 917/10 dominou em 1972 e Roger Penske foi o Campeão. Para 1973 continuou na Porsche Audi América o seu desenvolvimento e em 1973 mostrou o carro mais potente mais potente de todos os tempos, o 917/30,

O motor com doze cilindros boxer biturbo, teve a cilindrada aumentada para os 5.4L, desenvolvendo 1100 cv, em corrida e 1300 cv nas especificações para qualificação.

Uma nova carroçaria mais aerodinâmica foi montada num chassis com a distância entre eixos maior, o que aumentou a velocidade máxima e melhorou consideravelmente a sua dirigibilidade.

O chassis foi aligeirado e a carroçaria alongada, trabalhada com a SERA, tendo em particular atenção à aerodinâmica, ao baixando o Cx para os 0.60. A distância entre eixos também foi aumentada de 2316 mm para os 2500 mm. Atingia os 100 km/h em pouco mais de dois segundos, os 160 km/h em 3.9 segundos, os 320 km/h em cerca de dez segundos e atingia os 414 km/h de velocidade máxima, isto porque o peso rondava os 750 kg.

Em acabamento de corrida, o Porsche pode chegar a 420 km/h, tornando-o mais rápido do que qualquer carro moderno de Fórmula 1.

O Porsche 917/30 com as cores da Sunoco e pilotado por Mark Donohue sob a bandeira da Penske Racing foi também o carro de corrida mais potente em qualquer prova,

Na temporada de 1973, Mark Donohue conquistou a pole position e a volta mais rápida em todas as provas do campeonato, venceu o campeonato com o chassi 003, onde alcançou os 5 primeiros lugares e um segundo lugar,

Em Outubro de 1973, a crise do petróleo começou a fazer com que os preços dos combustíveis subissem quatro vezes em meio ano. A Porsche já tinha mais três chassis para a temporada de 1974, mas os carros não foram concluídos porque a Porsche não participou da nova temporada. O SCCA introduzir uma nova regra de consumo máximo de combustível de 3 milhas por galão americano para 1974, algumas equipes removeram os turbos mas os carros naturalmente aspirados, eles nunca foram os mesmos.

Donohue e a Penske a 9 de Agosto de 1975, levaram este mesmo carro o 917/30, afinado para a velocidade máxima e com 1500 cv, para a pista de Talladega Superspeedway, no Alabama, onde conquistaram o recorde de velocidade num automóvel de competição, ao atingirem os 356 km/h. A FIA homologou o recorde para a volta mais rápida em circuito fechado em 221,120 mph. que  durou 11 anos e ainda é a volta mais rápida em Talladega.

IMG_20220112_141820.jpg

IMG_20220112_142039.jpg

IMG_20220112_142237.jpg

Miniatura

Interior detalhado

Sem suspensão.

As rodas são de plástico de acordo com as originais.

Fabricante Luso Toys

Série Plástico

Referencia nº 6

Material – plástico

Material da placa de base – plástico

A base está aparafusada à carroçaria

Apresentado em caixa de cartão com janela de visualização.

País - Portugal

Anos de fabrico  a

 


publicado por dinis às 18:34
link do post | comentar | favorito

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Maio 2022

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9


28

29
30
31


.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.posts recentes

. BMW 320i Jagermeister - U...

. Porsche Aurora RSR - Um o...

. Porsche Carrera RSR Robet...

. BMW 320 Grupo 5 - Um olha...

. Porsche 935 com faróis Va...

. Aurora Porsche 935 - Um o...

. Opel Kadett GTE - Um olha...

. Aurora Porsche RSR Antóni...

. Porsche 935 "Martini" 197...

. Porsche 917/30 Can Am - U...

.arquivos

. Maio 2022

. Abril 2022

. Março 2022

. Fevereiro 2022

. Janeiro 2022

. Dezembro 2021

. Novembro 2021

. Outubro 2021

. Setembro 2021

. Agosto 2021

. Julho 2021

. Junho 2021

. Maio 2021

. Abril 2021

. Março 2021

. Fevereiro 2021

. Janeiro 2021

. Dezembro 2020

. Novembro 2020

. Outubro 2020

. Setembro 2020

. Agosto 2020

. Julho 2020

. Junho 2020

. Maio 2020

. Abril 2020

. Março 2020

. Fevereiro 2020

. Janeiro 2020

. Dezembro 2019

. Novembro 2019

. Outubro 2019

. Setembro 2019

. Agosto 2019

. Julho 2019

. Junho 2019

. Maio 2019

. Abril 2019

. Março 2019

. Fevereiro 2019

. Janeiro 2019

. Dezembro 2018

. Novembro 2018

. Outubro 2018

. Setembro 2018

. Agosto 2018

. Julho 2018

. Junho 2018

. Maio 2018

. Abril 2018

. Março 2018

. Fevereiro 2018

. Janeiro 2018

. Dezembro 2017

. Novembro 2017

. Outubro 2017

. Setembro 2017

. Agosto 2017

. Julho 2017

. Junho 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Março 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

.tags

. todas as tags

SAPO Blogs
RSS
Em destaque no SAPO Blogs
pub