Terça-feira, 2 de Abril de 2024

Ferrari 275 GTB/C - Um olhar sobre as minhas miniaturas

Ferrari 275 GTB/C - Um olhar sobre as minhas miniaturas

1151ª – Ferrari 275 GTB/C Best Model   

Paul Vestey / Carlos Gaspar, Ferrari 275 GTB/C. 1000 kms: Nurburgring Paul Vestey / Carlos Gaspar

Os presentes no Circuito de Vila Real em1966, viram Aquiles de Brito no Ferrari 275 GTB e  em 1969, outro Ferrari, o 275 GTB (#9035) com o registo WMT 18G pilotado por Anthony Beeson e Nigel Moores, a abandonar ao fim de 33 voltas cumpridas, devido ao rompimento do depósito de gasolina.

Modelo real

Paul Vestey participou em várias provas de automobilismo na Europa e vamos encontrar o Terceiro Barão de Vestey em Inglaterra, Sir Paul Vestey e estreou-se em Vila Real com Porsche.

Como ele conta “comprei um Lotus Elite, que achei o design mais legal. E, na verdade, foi muito bom, fora o cheiro de resina e as vibrações intensas em todos os momentos.

De seguida comprei um Jaguar E-type e corri com ele por 18 meses.

Conheci Ronnie Hoare porque comprei dele um 250 GT 'SWB' com carroceria de aço para a estrada, aos 21 anos, que então troquei parte pelo 275 GTB Competizione da ex-Maranello Concessionaires, acabado de vencer sua classe em Le Mans e fomos direto para Paris para a corrida de 1.000 km. Parecia uma boa ideia naquela época, porque não havia muitos participantes na classe GT e você tinha boas chances de terminar e ganhar um bom prêmio em dinheiro.

O Ferrari 275 GTB Competizione #09035 foi entregue a 14 de Junho de 1966 à Maranello Concessionaires, GB, em liga leve, volante á direita.  Vermelho com faixa azul.

A primeira prova foi a 05 de junho nos 1000km Nuerburgring com Roy Pike / Piere Courage #99 e a 18 e 19 de junho a mesma equipa foi 8ª e 1º GT3.0 24h Le Mans

Entretanto Paul Vestey comprou á Maranello Concessionaires o Ferrari 275 GTB Competizione #09035, logo após a vitória na classe em Le Mans em 1966.

A estreia de Vestley é a 16 Outubro em dupla com Carlos Gaspar #38 é 6ª ao fim de 113 voltas onde foi 6º e 3º dos GT

No ano seguinte, compartilhou as pistas da Europa com Carlos Gaspar, pintado de azul escuro e uma listra branco

A 25 de abril de 1967 nos 1000km Monza Paul Vestey / Carlos Gaspar #53 é 14º.

A 30 abril e 01maio nos 1000km de SPA Francorchamps Paul Vestey / Carlos Gaspar #63 não partiu

28 de maio nos1000km Nürburgring Paul Vestey / Carlos Gaspar #92 não terminaram.

A última prova foi a 28 de julho Mugello Paul Vestey #101 foi 29º., e passa a competir com uma Ferrari 250 LM  

Em Julho de 1969 Paul Vestley vem a Vila Real com Peter Sadler no Porsche 911T e vê o carro agora com Anthony Beeson e Nigel Moores, a fazer o 27º tempo nos treinos e desistiu na corrida enquanto o Porsche é 10º .

Posteriormente, recomprou-o na América na década de 1980., no Texas na década de 1980. O homem virou-se para mim e disse “Eu tenho um carro Pierre Courage”. Ele não tinha ideia do que era, então comprei por um bom preço. Parecia bastante monótono, mas não precisava de muito trabalho. Excepcionalmente para estas Competições GTB, não houve grandes danos. A velha parece ter resistido. É incrível pensar que corremos com todos os confortos. Houve um momento agradável em Mugello quando quebrei a suspensão traseira e parei, logo depois David Piper parou em um Porsche 906 manco. Peguei meus cigarros, ele puxou seu cachimbo e nós os acendemos com o charuto isqueiro no carro.

A inda se encontra na sua posse com um ex-John Willment AC Cobra '39 PH', o primeiro Jaguar E-type a vencer uma corrida, uma Ferrari 250 GT California Spider modificada por seu proprietário original para se parecer com um Testa Rossa e, o coroamento joia, uma Ferrari 250 GTO.

IMG_20240402_140625.jpg

IMG_20240402_140629.jpg

IMG_20240402_140634.jpg

IMG_20240402_140637.jpg

IMG_20240402_140659.jpg

Miniatura

Interior detalhado

Sem suspensão.

As rodas têm pneus de borracha

As rodas são de plástico de acordo com as originais.

Fabricante Best

Série

Referencia nº 9133 preço 4450$00

Material – zamac

Material da placa de base – plástico

A base está aparafusada à carroçaria

Apresentado em caixa de cartão com janela de visualização e expositor plástico.

País – Itália

Anos de fabrico  a

 


publicado por dinis às 21:59
link do post | comentar | favorito
Domingo, 17 de Março de 2024

Ferrari 750 Monza - Um olhar sobre as minhas miniaturas

Ferrari 750 Monza - Um olhar sobre as minhas miniaturas

1145ª – Ferrari 750 Monza Goodwood 1955 Best   

Ferrari 750 Monza Chassi 0496M 9h Goodwood 1955 - Hawthorn / de Portago #6

Modelo real

O 750 Monza foi um dos muitos protótipos esportivos utilizados pela Ferrari em meados da década de 1950. Uma das principais linhas derivou mecanicamente do 625 Fórmula 1 em 1952: por um lado foram desenvolvidos o 625 TF e o 625 LM; por outro lado, a família de 700S, 735 Monza e 750 Monza foi gerada e apresentada em 1954.

O Marquês de Portago passou a competir apenas com Ferrari, em Novembro de 1954 na Carrera Panamericana, com uma Ferrari 735 S inscrita pela Scuderia España. O carro teve que ser reparado e atualizado para as especificações do 750 das especificações originais do 735, após um acidente nos treinos durante o Tourist Trophy em Dundrod.

O gosto do Marquês de Portago não terá agradado ao pessoal da Ferrari quando usou tinta de casa para pintar seu carro de preto à mão. Fon e seu colega argentino Roberto Mieres dirigiram junto o reconhecimento do percurso da corrida, mas na corrida, os dois homens pilotaram sozinhos, Marquês de Portago, a Ferrari preta, e Mieres, um Osca MT4 1500cc,

O Marquês de Portago com a Ferrari 750 Monza preta correu nas primeiras Bahamas Speed Weeks em dezembro de 1954. O motor do carro foi reconstruído em Nassau por dois mecânicos da Ferrari, Giannino Parravicini e Enzo Monari, e lhe permitiu sair-se bem nas corridas, com três vitoria na classe e muma vitórias à geral

Para a época de 1955 «, a Ferrari vendeu-lhe uma Ferrari 625, mas as suas saídas na Fórmula 1 foram restritas a corridas fora do campeonato.

Para as outras provas utilizava o Ferrari 750 Monza Chassi 0496M concluído no início de 1955,e vendido como novo ao espanhol Marquês Alfonso de Portago. a estreia foi a 20.8.1955 em Sebring

Alfonso de Portago tornou-se membro da Scuderia Ferrari. Enzo Ferrari, que era bastante nobre, ter um Marquês (de Portago) e um Conde (Wolfgang von Trips) em sua equipe ao mesmo tempo deve ter parecido um grande golpe.

Fon foi 8º no Grande Prêmio de Pau, mas no dia 7 de maio danificou o carro no Troféu Internacional de Silverstone, quebrando a perna. recuperou em apenas três meses, voltando novamente para as 9 Horas de Goodwood, onde compartilhou o seu Ferrari 750 Monza com Mike Hawthorn

Durante os treinos foi o mais rápido com 1:36.200 e assim ocupar o primeiro lugar na grelha de partida.

Na prova não terminou com problemas na caixa.

IMG_20240317_141605.jpg

IMG_20240317_141617.jpg

IMG_20240317_141703.jpg

IMG_20240317_142744.jpg

IMG_20240317_142753.jpg

Miniatura

Interior detalhado

Sem suspensão.

As rodas são de plástico de acordo com as originais.

Fabricante Best

Série

Referencia nº 9045 preço

Material – zamac

Material da placa de base – plástico

A base está aparafusada à carroçaria

Apresentado em caixa de cartão com janela de visualização e expositor plástico.

País – Itália

Anos de fabrico  a


publicado por dinis às 19:52
link do post | comentar | favorito
Terça-feira, 30 de Janeiro de 2024

Porsche 908/2 Can Am - Um olhar sobre as minhas miniaturas

Porsche 908/2 Can Am - Um olhar sobre as minhas miniaturas

1098ª – Porsche 908/02 Watkins Glen 72  Best  

Porsche 908/02 K #015 Watkins Glen  1972Tony Dean

Modelo real

A.G. Dean Racing

Entre 1969 e 1972 o Porsche teve vários pilotos, mas o mais frequente foi Tony Dean por 12 vezes

Na primeira prova a 1.6.1969, o 908 /2 foi inscrito pela  Porsche System Engineering Ltd. nos 1000 Quilometres de Nurrburgring para Gerhard Mitter (D)/Udo Schütz (D) onde foi 31º.

Entretanto Tony Dean vem para as 6 Horas de Vila Real a 5 e 6 de julho no Porsche 910 (#910-020) de Bill Bradley e de Tony Dean. A equipa britânica viria a classificar-se no último lugar do pódio, vencendo simultaneamente a classe até 2000cc onde encontrou o seu Ferrari 206 S #004, adquirido em finais de 1967.

Para as 200 Miles Norisring realizadas a 29.6.1969 o Porsche 908/02 K #015 está inscrito pela Tony Dean para Vic Elford onde foi 3º e 2º nas duas provas.

A série Can Am era uma serie de eventos de corrida de final de ano construídos em torno do Riverside Times GP. As corridas nos EUA e Canadá para carros do Grupo 6, levavam algumas equipes inscreveram seus carros nas corridas CanAm grupo 7, como provas extras, Originalmente, dizia-se que era a série em que “a única regra é que não existem regras”.

Tony Dean faz alguns desses eventos em 1969 em Porsche 908 e foi com o Porsche 908/02 K #011 fque se tornou conhecido por ter conseguido vencer em Road Atlanta em 1970, entregando o primeiro triunfo à marca alemã neste campeonato, interrompendo um domínio de 17 triunfos consecutivos da Mc Laren.

A rodada Watkins Glen da série Can Am foi realizada no mesmo fim de semana da corrida Glen Six Hours, para o Campeonato Mundial de Carros Desportivos

As duas últimas aparições do nº 68 o Porsche 908/02 #015 foram em Watkins Glen, quer para as Seis Horas de Watkins Glen, uma corrida de resistência realizada anualmente no Watkins Glen International em Watkins Glen, Nova York,.

Nas 6 Hours of Watkins Glen uma prova FIA do World Sports Car Championship, a 22.7.1972, o nº 68 o Porsche 908/02 #015 - A. G. Dean pilotado por Tony Dean (GB)/Bob Brown (USA) ocupou o 10º lugar na grela de partida com 1:59.064 para terminar em 4ºao fim de 195 voltas num perímetro de 3.377 mile num total de 658.515 miles

Na prova da Can am no dia seguinte 23.7.1972 portando o mesmo número 68 o Porsche 908/02 #015 - A. G. Dean pilotado por Tony Dean (GB) fez o 21º com 2:01.198 e no final chegou em 9º.

IMG_20240130_141511.jpg

IMG_20240130_141530.jpg

IMG_20240130_141622.jpg

IMG_20240130_141652.jpg

IMG_20240130_141734.jpg

Miniatura

Interior detalhado

Sem suspensão.

As rodas são de plástico de acordo com as originais.

Fabricante Best

Série

Referencia nº 9065 preço 3200$00

Material – zamac

Material da placa de base – plástico

A base está aparafusada à carroçaria

Apresentado em caixa de cartão com janela de visualização e expositor plástico.

País - Itália 

Anos de fabrico  a


publicado por dinis às 17:18
link do post | comentar | favorito
Domingo, 14 de Janeiro de 2024

Jaguar E, primeira vitoria - Um olhar sobre as minhas miniaturas

Jaguar E, primeira vitoria - Um olhar sobre as minhas miniaturas

1081ª – Jaguar Type E  Spyder Oulton Park 61 Best    

O Jaguar E foi apresentado no Salão Automóvel de Genebra em Março de 1961, e um mês depois vence a primeira corrida

Modelo real

No Salão Automóvel de Genebra de 1961quando foi apresentado o Jaguar E-Type era um carro de estrada mas um mês depois a 15.4.1961, no National Open Oulton Park  uma prova para carros de GT, estava Graham Hill  no ECD 400 num dos primeiros Jaguar E, entregues ao revendedor Jaguar Tommy Sopwith e Roy Salvadori no 'BUY1'

 Num dia ensolarado e quente de Primavera, os Jaguares E fizeram o terceiro e quarto tempo o colocaram-se na primeira linha da grelha de partida. Ao lado estava Innes Ireland no Essex Racing Team no Aston Martin DB4 GT, um dos carros utilizados na corrida Tourist Trophy do ano passado. Ao lado de Irland no grid estava a Equipe Endeavour no Ferrari 250 GT SWB Berlinetta, pilotada por Sears e Salvadori.

Uma moldura de 45 mil pessoas aguardavam a partida e para grande surpresa, os Jaguar tomaram a liderança. e em Old Hall, a ordem era Jaguar, Jaguar, Aston Martin, Ferrari – Salvadori, Hill, Ireland e Sears.

Depois de oito voltas, cerca de três segundos separaram os Jaguars e o Aston da Irland. Sears permaneceu em quarto à frente de Whitehead, enquanto sexto, sétimo e oitavo - e correndo em ordem numérica - foram os três carros do Team Elite os Lotus Elite Climax de Wagstaff, Arundell e Allen, com McKee nunca deixando Allen fora de vista.

Na 13ª volta, Hill, que já se aproximava do líder há algum tempo, passou por ele em Knickerbrook para assumir o controle da corrida e rapidamente abriu uma vantagem de cerca de três segundos. Na volta 18, ele e Salvadori registraram novamente a volta mais rápida com 1m58,2s (84,69mph).

A Irland, começou a aumentar a pressão e aproximou-se cada vez mais do Jaguar cinzento de Salvadori e na volta 24 ele passou para o segundo lugar, mas Hill estava bem à frente e não pôde ser alcançado com a prova terminar na volta seguinte.

O Aston Martin DB4 de Innes Ireland, com Salvadori em terceiro e as Ferrari 250 GT em quarto e quinto lugar. 

As únicas atualizações instaladas neste carro foram uma cabeça grande angular e Webers triplos. O desempenho de Salvadori e Hill no E-Type, relançou o departamento de competição inativo da Jaguar no final de 1962.

A Jaguar Classic celebra as vitórias dos primeiros E-type, produzindo sete pares exclusivos, os E-type ZP Collection, foram estreados no Goodwood Festival of Speed 2021.

IMG_20240114_144148_1.jpg

IMG_20240114_144159_1.jpg

IMG_20240114_144208_1.jpg

IMG_20240114_144213_1.jpg

IMG_20240114_144222_1.jpg

Miniatura

Interior detalhado

Sem suspensão.

As rodas são de plástico de acordo com as originais.

Fabricante Best

Série

Referencia nº 9631 preço

Material – zamac

Material da placa de base – plástico

A base está aparafusada à carroçaria

Apresentado em caixa de cartão com janela de visualização e expositor plástico.

País – Itália

Anos de fabrico  a

 


publicado por dinis às 17:17
link do post | comentar | favorito
Sexta-feira, 5 de Janeiro de 2024

Porsche 908 /3 - Um olhar sobre as minhas miniaturas

Porsche 908 /3 - Um olhar sobre as minhas miniaturas

1073ª – Porsche 908 /3 Nurburgring 70 Best   

Porsche 908/03 - Nürburgring 1000 Km. 1970 Vic Elford – Kurt Ahrens Jr, vencedor

1970 May 31, Nürburgring 1000 km winning 908/03-008. © Porsche

A variante 03 do Porsche 908 foi projetada para a temporada de 1970 do Campeonato Mundial de Desporto.

475 ª – Porsche 908/3 Modelos 3J

https://manueldinis.blogs.sapo.pt/porsche-9083-um-olhar-sobre-as-minhas-1380673

618ª – Porsche 908/3 Modelos 3J

https://manueldinis.blogs.sapo.pt/porsche-9083-um-olhar-sobre-as-minhas-1490180

632ª – Porsche 908/3 Modelos 3j transformada

https://manueldinis.blogs.sapo.pt/porsche-9083-toblerone-um-olhar-sobre-1499470

Modelo real

​A evolução do Porsche 908 continuou mesmo com o 917 mais potente e também a ser melhorado no final de 1969. mas muito grande e pesado para pistas sinuosas

Baseado no leve e curto Porsche 909 usado na montanha, a nova versão aberta do 908/03 é ainda mais curta que o 908/02 e pesa apenas 500Kg comparando, o 917K pesava cerca de 840 kg, o Porsche 908/03 seria para corridas de 1.000 km, onde a estrutura de alumínio pesava apenas 30 kg/66 lb e o revestimento de plástico reforçado com espuma apenas 12 kg/26 lb.  e os parafusos das luzes de travão foram removidos e as lentes coladas para economizar alguns gramas. O 908/03 de 1970 finalmente chegou a 545 kg/1200 lb.

A primeira versão do 908/03 modelo de 1970., agora com discos de travão perfurados e ventilados foram um sucesso imediato em apenas nas duas corridas em que foram inscritos, o Targa Florio, e nos 1000 km de Nürburgring de 1970,

Na segunda corrida, os 1000 km de Nürburgring a 31 de maio de 1970 o carro nº 22, o Porsche 908/03 #008 foi inscrito pela Porsche Konstruktionen Salzburg, agora pintado de branco para Vic Elford (GB)/Kurt Ahrens, Jr. (D)

A qualificação, permitiu aos Porsche ocupar os quatro primeiros lugares, onde o primeiro foi para Jo Siffert/Brian Redman, seguido por Pedro Rodriguez/Leo Kinnunen, Vic Elford/Kurt Ahrens Jr. e depois Hans Herrmann/Richard Attwood.

Na partida, Rodriguez é mais rápido e surpreende Siffert, o homem da pole position, também ele ultrapassado pelo Ferrari de Giunti. Na segunda volta Siffert, teve dificuldade em contornar Giunti mas conseguiu ultrapassá-lo. Na oitava volta, Siffert saiu na frente, mas Rodriguez respondeu com a melhor volta. Siffert conseguiu ganhar cerca de 8 segundos sobre Rodriguez, antes dos pit stops. Quando os pitstops chegaram, Rodriguez entregou seu carro para Kinnunen e Siffert para Redman; mas o carro Siffert-Redman atrasou e voltou para o segundo lugar. Redman foi atrás de Kinnunen e em duas voltas estava pronto para ultrapassá-lo; sob pressão, Kinnunen, que havia sido afetado pela morte de seu amigo Hans Laine no dia anterior, bateu seu 908/03, perto de Karrusell, e Redman. Siffert/Redman toma a liderança, mas no final da 22ª volta, Redman trouxe seu 908/03 devido à queda na pressão do óleo. O motor então falhou por falta de óleo, e o Vic Elford/ Kurt Ahrens Jr. no Porsche 908/03 assume a liderança, para no final a vencer a corrida no final das 44 voltas a uma velocidade média de 165,0 km/h, seguido pelo outro Porsche 908/03 de Herrmann/Attwood e do Ferrari de Surtees/Vaccarella e em 9º Wicky / Cabral  Porsche 907 1º em P2.0

Com esta vitória em casa, a Porsche conquistou o Mundial de Marcas. na última grande corrida internacional no Nürburgring original, para no ano seguinte, o Nordschleife ser reconstruído,

IMG_20240105_140658.jpg

IMG_20240105_140716.jpg

IMG_20240105_140732.jpg

IMG_20240105_140748.jpg

IMG_20240105_140758.jpg

Miniatura

Interior detalhado

Sem suspensão.

As rodas são de plástico de acordo com as originais.

Fabricante Best

Série

Referencia nº9032 preço

Material – zamac

Material da placa de base – plástico

A base está aparafusada à carroçaria

Apresentado em caixa de cartão com janela de visualização e expositor plástico.

País – Itália

Anos de fabrico  a

 

 


publicado por dinis às 19:20
link do post | comentar | favorito
Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2023

Alfa Romeo TZ1 - Um olhar sobre as minhas miniaturas

Alfa Romeo TZ1 - Um olhar sobre as minhas miniaturas

1052ª – Alfa Romeo TZ1 Targa Florio 1965 Best    

Alfa Romeo Giulia TZ1 Targa Florio 1965 Bianchi Rolland #70

Inscrito na Targa Florio pela Scuderia Autodelta Giulia TZ com Luciano Bianchi e Jean Rolland foi 7º na classificação geral, e venceu a classe 1301-1600.

Modelo real

Na 49º Targa Florio 1965 realizado no Circuito Piccolo delle Madonie, Sicily, Italy era esperado o confronto entre a Porsche a Ferrari, apesar de mais nova vinha estava a suplantar à Ferrari vencedora em 1961 quando Von Tripps/Olivier Gendebien levaram a Ferrari Dino 246 SP ao primeiro lugar e em 1962 quando a Dino 246 SP foi pilotada por Willy Maraise/Ricardo Rodrigues/Olivier Gendebien.

Em 1960, o vencedor foi Jo Bonnier/Hans Hermann a ganhar a prova com o Porsche RS60 OT Spyder, em 1963 foi a vez do Porsche 904 GTS novamente com Jo Bonnier ai em dupla com Abate, e novamente em 1964 com Antonio Pucci/Colin Davies com o 904 GTS.

Para a prova, a Ferrari vem com três carros, as Ferrari 275 P2 para as duplas Ludovico Scarfioti/Mike Parkes . Jean Guichet/Giancarlo Baghetti e Nino Vacarella/Lorenzo Bandini. A Porsche com vários 904 GTS de fábrica e particulares vem tentar repetir a vitória dos dois anos anteriores.

A Alfa Romeo entre outros alinha com oito Giulia TZ  para Zeccoli/Zuccoli,  Capra/Pinchetti, Gargano/Denza, Sirugo/Arena, Benini/Frola, Bussinello/Todaro, Bianchi/Rolland, Panepinto/Parla, onde estava Federico e o português Mário Araújo Cabral num Alfa GTA, sem esquecer o numeroso grupo de Giulietta SZ   

A corrida é feita com os carros a partirem com intervalos de um minuto, Vacarella é o mais rápido desde a largada, que e logo na segunda volta pulverizando o recorde da volta fazendo 39m21s, as outras Ferraris bem que tentam mas o Siciliano está irrepreensível e quando entrega o carro a Bandini na ao final da sétima volta a vitória esta consolidada, Hill/Bonnier com o mais rápido dos 904 GTS 8 cilindros já não fazem frente aos tempos por volta da Ferrari # 198.

A Porsche contenta-se com os quatro lugares seguintes e em 6º está o Abarth 1600 OT Spyder deHans Herrmann, D Leo Cella, I 1600  S4 P 7:17:23.0 e em 7º o Nº 70 inscrito pela Autodelta SpA, I o Alfa Romeo Giulia TZ164 de Lucien Bianchi/Jean Roland 1570 S4 em 7:26:33.0. e vencedor da categoria Sport e a classe 1301-1600.

O Nº58 da Scuderia Etna Alfa Romeo Giulia TZ        Guiseppe Sirugo, I Vincenzo Arena, I 1570 é o 9º classificado.

IMG_20231214_140753.jpg

IMG_20231214_140810_1.jpg

IMG_20231214_141028.jpg

IMG_20231214_141034.jpg

IMG_20231214_140937.jpg

Miniatura

Interior detalhado

Sem suspensão.

As rodas são de plástico de acordo com as originais.

Fabricante Best

Série

Referencia nº 9062 preço

Material – zamac

Material da placa de base – plástico

A base está aparafusada à carroçaria

Apresentado em caixa de cartão com janela de visualização e expositor plástico.

País – Itália

Anos de fabrico  a

 


publicado por dinis às 22:02
link do post | comentar | favorito
Domingo, 10 de Dezembro de 2023

Lola T 70 MKIII - Um olhar sobre as minhas miniaturas

Lola T 70 MKIII - Um olhar sobre as minhas miniaturas

1049ª – Lola T 70 T 70 Coupé Sebring 1968 De Udy- Dibley  

Lola T 70 Mk.III Chevrolet Mike De Udy/Hugh Dibley Sebring 1968,  ainda com a etiqueta do Bazar Crisano e que foi a minha  primeira miniatura da Best.

Em Vila Real o Lola T 70 Mk 3 era cor de sabonete

IMG_20231210_141843.jpg

IMG_20231210_141910.jpg

IMG_20231210_141918.jpg

IMG_20231210_141954.jpg

Modelo real

Mike D' Udy, Sebring 1968

Nas corridas de Vila Real em 1967, a prova de Sport e Protótipos teve uma nova máquina, o Lota T70 MK3 desenvolvido pelos fabricantes de automóveis britânicos Lola Cars, dotado de um chassis, normalmente  impulsionado  por grandes motores V8 americanos.

Nos treinos, tanto o Lola como o Cobra, denunciavam a sua presença no circuito e mentalmente tentávamos acompanhar o seu percurso.

Na prova, o Lola de Mike Grace d Udy com 5426cc, venceu, seguido dos Lotus 47 de Carlos Santos e Manuel Nogueira Pinto.

Na prova de Sebring em 1968, o Lola T 70 MKIII #SL73/105 repintado em azul escuro com listras brancas, onde as entradas de ar do periscópio tornaram o carro de Mike instantaneamente reconhecível.

A 23 de Março de 1968, nos treinos para Sebring o Porsche 907 de Siffert estava na pole, um segundo à frente do Ickx/Redman Gulf GT40. Em seguida, veio o Dr. Dick Thompson 0,2 segundos atrás no Howmet, com Scooter Patrick a mais 0,2 segundos no mais rápido AIR Lola. D’Udy foi o nono no grid, mas ainda apenas 1,4 segundos atrás de Ickx, com Bonnier em décimo, sofrendo um pouco com os novos pneus Goodyear e um novo Bartz Chevy.

Infelizmente, às três horas, Patrick retirou o Lola quando a suspensão quebrou na superfície acidentada de Sebring. O segundo carro AIR sofreu problemas de embreagem, enquanto d'Udy e Bonnier tiveram furos e uma sucessão de problemas de plugue.

Quando veio novamente a Vila Real já trouxe outro nas suas cores preferidas.

Actualmente uma empresa britânica, a Broadley Automotive, fabrica réplicas do T70 Mk3B usando moldes e desenhos originais. Tão autênticos que receberam passaportes técnicos históricos (HTPs) da FIA, vários desses Broadley T76 podem ser vistos competindo no FIA Masters Historic Sportscar Championship, onde competem regularmente ao lado dos T70 originais, Ferrari 512 e Porsche 917 por vitórias absolutas.

Miniatura

Interior detalhado

Sem suspensão.

As rodas são de plástico de acordo com as originais.

Fabricante Best

Série

Referencia nº 9172 preço 5130$00

Material – zamac

Material da placa de base – plástico

A base está aparafusada à carroçaria

Apresentado em caixa de cartão com janela de visualização e expositor plástico.

País – Itália

Anos de fabrico  a


publicado por dinis às 18:44
link do post | comentar | favorito

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Maio 2024

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9

13
15
16
17
18

19
21
22
23
24
25

26
27
28
29
30
31


.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.posts recentes

. Ferrari 275 GTB/C - Um ol...

. Ferrari 750 Monza - Um ol...

. Porsche 908/2 Can Am - Um...

. Jaguar E, primeira vitori...

. Porsche 908 /3 - Um olhar...

. Alfa Romeo TZ1 - Um olhar...

. Lola T 70 MKIII - Um olha...

.arquivos

. Maio 2024

. Abril 2024

. Março 2024

. Fevereiro 2024

. Janeiro 2024

. Dezembro 2023

. Novembro 2023

. Outubro 2023

. Setembro 2023

. Agosto 2023

. Julho 2023

. Junho 2023

. Maio 2023

. Abril 2023

. Março 2023

. Fevereiro 2023

. Janeiro 2023

. Dezembro 2022

. Novembro 2022

. Outubro 2022

. Setembro 2022

. Agosto 2022

. Julho 2022

. Junho 2022

. Maio 2022

. Abril 2022

. Março 2022

. Fevereiro 2022

. Janeiro 2022

. Dezembro 2021

. Novembro 2021

. Outubro 2021

. Setembro 2021

. Agosto 2021

. Julho 2021

. Junho 2021

. Maio 2021

. Abril 2021

. Março 2021

. Fevereiro 2021

. Janeiro 2021

. Dezembro 2020

. Novembro 2020

. Outubro 2020

. Setembro 2020

. Agosto 2020

. Julho 2020

. Junho 2020

. Maio 2020

. Abril 2020

. Março 2020

. Fevereiro 2020

. Janeiro 2020

. Dezembro 2019

. Novembro 2019

. Outubro 2019

. Setembro 2019

. Agosto 2019

. Julho 2019

. Junho 2019

. Maio 2019

. Abril 2019

. Março 2019

. Fevereiro 2019

. Janeiro 2019

. Dezembro 2018

. Novembro 2018

. Outubro 2018

. Setembro 2018

. Agosto 2018

. Julho 2018

. Junho 2018

. Maio 2018

. Abril 2018

. Março 2018

. Fevereiro 2018

. Janeiro 2018

. Dezembro 2017

. Novembro 2017

. Outubro 2017

. Setembro 2017

. Agosto 2017

. Julho 2017

. Junho 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Março 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

.tags

. todas as tags

SAPO Blogs
RSS
Em destaque no SAPO Blogs
pub