Sábado, 14 de Julho de 2018

2018 Kia Picanto Gt Cup corrida

2018 Kia Picanto Gt Cup corrida 

 

 

🏁🌶 Vila Real Highlights

 

 


publicado por dinis às 00:57
link do post | comentar | favorito
Quarta-feira, 27 de Junho de 2018

Francisco Esperto triunfa na segunda corrida do Kia Picanto GT Cup em Vila Real

Francisco Esperto triunfa na segunda corrida do Kia Picanto GT Cup em Vila Real
 
36033438_290795418129264_1839503500392792064_o.jpg
· Numa corrida imprópria para cardíacos, autor da pole-position venceu pela primeira vez na temporada;
· Na estreia no Kia Picanto GT Cup, Henrique Nogueira foi 5º da geral e vencedor da categoria Júnior;
· Sete pilotos em posição de discutir o triunfo mantiveram incerteza sobre o resultado em prova marcada pelo elevado número de ultrapassagens
Vila Real, 24 Junho 2018 – Rica em motivos de interesse e plena de entusiasmo, a segunda corrida do Kia Picanto GT Cup em Vila Real foi, acima de tudo, uma homenagem ao desporto motorizado. Munidos de um maior conhecimento quanto aos segredos da pista com os quilómetros acumulados na corrida de sábado, os pilotos do mais recente Troféu monomarca da Velocidade Nacional arriscaram como até aqui não se tinha visto na procura pelo melhor resultado.
Concluídos os 20 minutos de prova, o autor da pole-position Francisco Esperto alcançou o que mais ambicionava. Apoiado pelo concessionário Kia “Auto Avenida”, o piloto do carro nº 9 saiu vencedor de uma “bonita corrida”, mas nunca teve espaço para respirar, recebendo a bandeirada de xadrez na companhia de um lote de cinco pilotos determinados em chegar ao pódio.

36176619_290790688129737_4756962758933610496_o.jpgFotografia: Vasco Estrelado

Entre eles encontrava-se o estreante Henrique Nogueira, 5º da geral e o melhor Júnior desta corrida, “satisfeito com o resultado obtido” na primeira vez em que participou numa prova de Velocidade. Mas também o ‘Opportunity’ Henrique van Uden, que após ver goradas as inúmeras tentativas de ultrapassagem a Francisco Esperto, destacou a “sabedoria e experiência” do seu adversário.
 

36086995_290792078129598_213873462781935616_o.jpgFotografia: Vasco Estrelado

 

Salientando “o calor tremendo” que se fazia sentir, bem como a “energia incrível transmitida pelo público”, Hugo Marcos concluiu no 3º posto uma “corrida renhida” cujos festejos estiveram sempre em dúvida dado o excelente andamento de Filipe Serra, 4º da geral. Apesar de ter ficado de fora do pódio, o piloto da “SGS Car” voltou a salientar a excelência do resultado, tendo em conta que o fim-de-semana em causa marcava a sua estreia em circuitos e no traçado de Vila Real.

36087206_290793351462804_2265731884434587648_o.jpgFotografia: Nuno Organista

A pressionar este grupo estava o jovem Mariano Pires, 2º classificado da categoria Júnior, focado em acumular “experiência e quilómetros importantes” para a sua formação enquanto piloto.

36228781_290792394796233_124232212504641536_o.jpgFotografia: Vasco Estrelado

AO RUBRO A diferença inferior a dois segundos entre estes seis concorrentes no final da corrida espelha a competitividade de uma prova que, tudo apontava, teria também em Hugo Araújo um dos seus protagonistas. Mas as expectativas do piloto apoiado pelo concessionário Kia “Cardan” de “retirar pontos” aos seus adversários acabariam por sair defraudadas quando a caixa de velocidades do carro nº 99 cedeu logo na segunda volta.

36188612_290793841462755_3704428074691985408_o.jpgFotografia: Vasco Estrelado

Se Francisco Esperto soube guardar a vantagem sobre os pilotos que se encontravam imediatamente atrás de si, João Santos, 7º, e José Supico, 8º, alcançaram o objetivo confesso de se sentirem “mais à vontade” com o circuito vilarealense. Enquanto Supico destacou o facto de ter melhorado consideravelmente os seus tempos por volta, o piloto apoiado pela Corvauto salientou o facto de se ter preservado “a mecânica do carro”.
Seguiram-se Rui Meireles, que viu serem acrescentados 30 segundos ao seu tempo no final da prova por conduta anti-desportiva na forma como geriu as ultrapassagens, e a piloto “Univex” Leonor Espinhal, que aproveitou a confusão gerada entre alguns pilotos para se divertir “o triplo” e subir posições.

36239667_290794918129314_2147042894161117184_o.jpgFotografia: Vasco Estrelado

Já Nuno Caetano mostrava-se satisfeito com “a boa recuperação” realizada após um toque que comprometeu o seu desempenho. O 11º lugar acabou por ser o resultado possível, com a corrida a chegar ao fim numa altura em que se aproximava do pelotão.
Mais atrás ficaram o Presidente da Câmara Municipal de Vila Real, Rui Santos, “entusiasmado” com este primeiro contacto com o Kia Picanto GT Cup nas ruas do concelho a que preside, e Francisco Marrão — vítima da postura mais intempestiva de alguns pilotos nesta segunda corrida, mas capaz de retirar conforto no pódio alcançado no sábado na categoria Pro.

 

Surpreendido com o elevado número de ultrapassagens e a grande proximidade entre os concorrentes das duas categorias, nas quais se incluíam alguns estreantes, João Seabra destaca o espetáculo deixado em pista nesta estreia do Kia Picanto GT Cup no Circuito de Vila Real:
“Visível aos olhos de outros pilotos e, sobretudo, ao coração do fantástico público que acudiu às ruas de Vila Real, o Kia Picanto GT Cup provou ser uma competição emocionante e divertida com base num pequeno grande carro de corridas”.
O diretor-geral da Kia Portugal aplaude, também, a forma corajosa como os pilotos se debateram em pista, mas alerta que, a exemplo do que sucedeu nesta segunda corrida, os excessos serão penalizados por todos os que defraudarem o caráter do Troféu:
“Quero dar os parabéns a todos os pilotos que deram corpo à maior lista de inscritos do ano, enaltecendo o espetáculo que proporcionaram nesta estreia nos circuitos. Mas reforçar igualmente que devem continuar a ter em consideração o espírito de fair-play do campeonato, lutando de forma justa e respeitando sempre os seus adversários”, conclui.
Uma opinião partilhada por Tiago Raposo Magalhães, para quem a segunda corrida do Kia Picanto GT Cup em Vila Real foi o corolário de um fim-de-semana fantástico para a imagem da competição:
“Foram 20 minutos marcados por lutas de deixar os cabelos em pé, com seis carros a discutirem a primeira posição até ao fim da prova. Mas não posso deixar de notar que esta segunda corrida, talvez pela confiança crescente dos pilotos ao volante, ficou marcada por alguns excessos que tiveram de ser assinalados”.

36175860_290795784795894_1723800517412388864_o.jpgFotografia: Vasco Estrelado

Para o responsável da CRM Motorsport, o grande vencedor foi mesmo o Kia Picanto GT Cup — um carro que já provou o seu valor nos circuitos, depois de fazer o mesmo na montanha e nos ralis.
“Os resultados têm sido positivos em toda a linha, com a Kia a fazer uma excelente aposta neste projeto e a provar, mais uma vez, que é uma marca inovadora, arrojada e dinâmica”, salientou.

35296543_290797824795690_7721881418980130816_o.jpgFotografia: Vasco Estrelado

35932359_289736164901856_2884573587308544000_o (1).png

 

 


publicado por dinis às 23:23
link do post | comentar | favorito

Rui Silva e Hugo Araújo vencem Corrida 1 do Kia Picanto GT Cup em Vila Real

Rui Silva e Hugo Araújo vencem Corrida 1 do Kia Picanto GT Cup em Vila Real
 
 
 
· Combates sem tréguas animaram estreia em circuitos do novo Troféu monomarca;
· Fair-play marcou prestação dos pilotos numa corrida em que os “Júniores” demostraram estar cada vez mais à vontade perante os “Pro”.
Vila Real, 23 Junho 2018 – Com a faca nos dentes, mas grande respeito entre os pilotos. A estreia em circuitos do Kia Picanto GT Cup no exigente traçado de Vila Real não podia ter corrido melhor, traduzindo-se em disputas épicas que cativaram o muito público presente, apesar da hora matutina. No final, um determinado Rui Silva acabou por ultrapassar o autor da pole-position Hugo Araújo e cruzar a linha de meta da Corrida 1 como melhor Júnior e vencedor à geral.
Muitos sem experiência no combate ‘porta com porta’, outros com a irreverência própria da juventude, a verdade é que os pilotos do novo Troféu monomarca da Velocidade Nacional encararam esta primeira corrida do fim-de-semana com o espírito correto. Na primeira vez em que partilharam o mesmo espaço em pista, valeu o pragmatismo. Mas isso não comprometeu em nada a emoção de uma corrida que poderia ter tido um desfecho distinto, dadas as características muito particulares do circuito.

36045952_289736568235149_604565570884468736_o.jpgFotografia: Nuno Organista

 

AMBIÇÃO DE RUI SILVA NA LUTA COM HUGO ARAÚJO Para o primeiro classificado Rui Silva, esta era uma prova em que era importante obter um bom resultado e impressionar os seus patrocinadores. E talvez por isso tenha feito tanta questão de obter o triunfo à geral, apesar de apenas pontuar para a categoria Júnior. O balanço do fim-de-semana só podia, naturalmente, ser feliz:
“Foi uma corrida muito positiva. A ideia sempre foi, desde o início, ter o Hugo à frente nas primeiras voltas para tentarmos fugir do pelotão os dois, sendo da mesma equipa, e no fim procurar passá-lo. Foi um bocadinho mais tarde e renhido do que eu imaginava, porque pensava ter velocidade para o fazer mais cedo. Já tinha tentado duas vezes na descida de Mateus, mas chegávamos lá muito rápidos. Embora ele fechasse bem a trajetória, tentei outro sítio e o melhor local para o apanhar desprevenido era a primeira esquerda após o fim da reta da meta. Foi uma luta animada e leal. Apesar de competirmos em categorias distintas, há sempre aquele gosto em receber a bandeira de xadrez em primeiro lugar. Era o meu objetivo e estou muito feliz por tê-lo conseguido”, referiu o piloto.

35970564_289739984901474_7708388547291512832_o.jpgFotografia: Vsco Estrelado

 

PRAGMATISMO FEZ A DIFERENÇA Apesar de cruzar a linha da meta no segundo lugar, Hugo Araújo mostrava-se igualmente radiante com o resultado, depois de ter sido o vencedor da categoria Pro. O piloto apoiado pelo concessionário Kia “Cardan” reconhece rapidez a Rui Silva, mas admite ter levantado o pé a meio da corrida numa tentativa de proteger a mecânica do carro.
 

35963695_289738321568307_2428916899103375360_o.jpgFotografia: Nuno Organista

 

Sobre a ação que viria a definir a corrida e o primeiro lugar à geral, o piloto do Kia Picanto nº 99 confessa que não tinha outra hipótese senão “abrir a trajetória” e facilitar a ultrapassagem, em virtude de não comprometer o mais importante — a obtenção de pontos na luta pelo título:
“Nas primeiras voltas consegui abrir um pequeno fosso para o Rui Silva, mais um talento extraído do Kia Racing Opportunity. Percebi que ele tinha andamento para irmos embora, mas fui gerindo a corrida, em particular na passagem pela chicane, para não colocar o carro em causa. Fiz o mesmo com a travagem, portanto foi uma corrida de gestão. Nas últimas voltas percebi que o Rui vinha com alguma vontade de passar, tendo ali uma ou duas falhas que o levaram, inclusive, a seguir em frente na chicane. Em mais uma tentativa, acabou por conseguir colocar-se ao meu lado, decidindo abrir a trajetória e deixá-lo passar já que não queria, de forma alguma, comprometer o meu fim-de-semana. Fui pragmático e com isso amealhei o máximo de pontos possíveis, com o triunfo e pole-position na categoria Pro”.

35924052_289738584901614_5801455061078900736_o.jpgFotografia: Vasco Estrelado

 

DUARTE AGUIAR BRILHA NA ESTREIA Tendo travado uma grande luta com Filipe Serra, Duarte Aguiar concluiu a prova no 3º posto. Mas como os convidados da Kia Portugal não pontuam para o Troféu, foi ‘forçado’ a ceder o seu lugar a Tiago Ribeiro, que cumpria em Vila Real a sua estreia ao volante do Kia Picanto.
Ainda assim, a experiência não podia ter sido melhor, já que o objetivo era divertir-se: “Foi uma corrida muito gira e divertida. O arranque correu-me muitíssimo bem, tendo conseguido tirar o melhor partido do carro para ganhar a posição ao Filipe Serra. Num circuito difícil de ultrapassar como o de Vila Real, ele andou sempre colado a mim, fazendo com que perdêssemos um bocadinho de tempo para o Hugo Araújo e o Rui Silva, que ocupavam nesse momento as duas primeiras posições e iam igualmente numa luta muito animada. Acabei, depois, por falhar uma passagem de caixa que viria a dar a oportunidade ao Filipe de me passar — algo que aconteceu naturalmente já que não queria estragar a corrida de ninguém. Mas ele acabou por ter um azar e embater nos rails, colocando-me novamente no 3º posto. Foi um fim-de-semana muito positivo. Diverti-me imenso, o carro é muito giro e o Troféu é muito engraçado. Espero vir a repetir!”
O outro protagonista desta história, Filipe Serra, acabaria por cair para o último posto. Mas voltou a deixar excelentes indicações ao volante do Picanto apoiado pelo concessionário Kia “SGS Car”.
“Perdi o 3º lugar obtido na qualificação logo no arranque e isso obrigou-me a correr atrás do prejuízo nas voltas iniciais. Após uma luta muito interessante, consegui ultrapassar o Duarte Aguiar e comecei a aproximar-me dos dois primeiros classificados. Mas, na travagem antes da chicane, o sistema ABS do carro não me permitiu desviar dos pneus, acabando por dar um toque que comprometeu a minha corrida num momento em que estava com um ritmo acima das minhas expetativas, algo que me dá alento para a corrida que se irá disputar amanhã”, revela.
 

36028213_289739318234874_7322637120458194944_o.jpgFotografia: Nuno Organista

 

MARRÃO BRILHOU NO ENCONTRO COM O SEU PÚBLICO Nos lugares imediatamente atrás do pódio terminaram Francisco Marrão e Hugo Marcos. A partir da 7ª posição da grelha, o piloto vilarealense sacou de todos os coelhos da sua cartola para fazer uma grande corrida.
“Foi excelente. Ainda me falta alguma confiança na travagem e a verdade é que mesmo com treinos livres e cronos não é fácil obter uma volta limpa. Na corrida, a situação é distinta. Temos de lutar com o que temos e o que conseguimos para tentar fugir ao adversário. Portanto, torna-se uma corrida renhida. Fico ainda mais satisfeito por ter sido uma prova limpa, com muitas disputas. O grupo está de parabéns, tal como a CRM Motorsport e a Kia Portugal. Este Troféu é excelente e eu estou maravilhado com isto”, fez notar o piloto da Speedy Motorsport.
Já Hugo Marcos queixou-se da forma como o acidente de Filipe Serra viria a influenciar o seu resultado numa pista “fantástica” onde se sente cada vez mais à vontade:
“É giríssimo andar neste circuito com carros à frente e atrás. Mas também constatar, ao mesmo tempo, que houve excelente fair-play entre todos os pilotos. É um circuito em que só ultrapassas se houver colaboração do piloto da frente, senão tem tudo para dar asneira. Acho que os carros são muito divertidos de conduzir aqui no limite, tendo aguentado perfeitamente os 20 minutos da corrida com uma boa gestão dos pneus e dos travões. A caixa mais curta também assenta aqui que nem uma luva e adorei o público vilarealense, sempre ao rubro. Infelizmente a saída de pista do Filipe Serra obrigou-me a desviar-me dele, provocando, no processo, que o carro entrasse momentaneamente em ‘safe mode’. Sem potência por alguns instantes, fiquei à mercê do Francisco Marrão e do Mariano Pires, acabando mesmo por perder um lugar para o primeiro. Ainda tentei ir buscá-lo, mas já não fui a tempo”, explicou o Youtuber do CarOnline.TV, apoiado pela Tarkett no Troféu monomarca.
MARIANO PIRES REVELOU MATURIDADE Apesar de ter recuperado um lugar face à qualificação, o segundo melhor “Júnior” Mariano Pires fez uma corrida algo conservadora. Assim que se apercebeu da prestação de Rui Silva, optou por gerir o resultado e preservar a sua viatura para mais uma tentativa de amealhar a pontuação máxima na corrida de domingo.
“Estou satisfeito com o resultado, já que a Q1 não tinha corrido como esperado. Nos treinos livres estávamos muito rápidos, mas uma má escolha da pressão dos pneus e na afinação do carro fez com que tivesse perdido completamente a confiança na qualificação. Saí de 8º e ganhei uma posição, mas como vi que o Rui Silva estava na frente, a lutar por primeiro à geral e pela vitória na minha categoria, decidi não arriscar e segurar antes o 2º lugar”, referiu o piloto do carro nº 33 preparado pela Veloso Motorsport.
 

35970564_289739984901474_7708388547291512832_o (2).jpgFotografia: Vasco Estrelado

 

EVOLUÇÃO MARCA CORRIDA DE NUNO CAETANO Concluíram a prova atrás dele Francisco Esperto, que não evitou um violento toque, felizmente sem consequências de maior além de uma “direção desalinhada”, e Nuno Caetano, cujo calor e pressão dos pneus dificultaram a sua tarefa ao volante:
“Penso que a corrida foi muito civilizada, o que é, desde logo, um ponto a favor. Mas também muito gira. Sofremos, obviamente, com o calor, e a título pessoal penso que fui com as pressões erradas para a temperatura em causa. De meio para o fim comecei a sentir alguma dificuldade para controlar o carro. Mantive a posição e melhorei bastante o tempo face à qualificação, apesar das condições mais desfavoráveis, portanto gostei imenso. O carro continua a comportar-se exatamente como deve, ou seja, a ser muito giro de se conduzir, e o circuito é absolutamente fantástico, portanto foi uma aposta excelente que tanto a Kia Portugal, como a CRM Motorsport, fizeram quando delinearam o calendário desportivo. Amanhã penso que a corrida será mais complicada devido ao calor, mas as expetativas mantêm-se inalteradas: acabar a prova, aprender, melhorar um bocadinho mais o tempo se conseguir e trazer o Kia Picanto GT Cup de volta sem mácula”.
Também a realizar a sua estreia aos comandos do Kia Picanto GT Cup, o jovem Tiago Teixeira encerrou o top 10. Terceiro classificado na categoria “Júnior”, superou um trio de pilotos “muito cuidadosos”, a começar por João Santos, 11º classificado:
“Correu bem. Arranquei com algum receio de toques inicialmente, sendo ultrapassado por alguns pilotos, o que fez com que andasse sozinho durante a maior parte da corrida. Amanhã parto de 8º e vou ver se pelo menos consigo manter essa posição”, explicou o piloto do concessionário Kia “Corvauto”.
JOSÉ SUPICO DESTACA BARREIRAS SUPERADAS À procura de ganhar mais confiança, José Supico destacou o objetivo de “conseguir fazer a descida de Mateus a fundo”. Apesar de andar “mais sozinho”, ultrapassou essa “barreira” e superou outras zonas do traçado em que confessou estar a levantar o pé: “Ainda me estou a habituar ao carro e nunca tinha andado a estas velocidades. Mas gostei muito. Ontem estava muito cabisbaixo e agora estou muito mais satisfeito”, referiu.
Também “a curtir” a solo esteve uma bem-humorada Leonor Espinhal: “Melhorei um bocadinho e sinto-me mais confiante, mas continuo com receio de estragar a mecânica. Amanhã vou tentar andar mais próxima dos pilotos que rodam imediatamente à minha frente”, vincou.
GRANDE ESPÍRITO Enaltecendo o comportamento dos pilotos e a forma como encararam esta primeira corrida na desafiante Circuito de Vila Real, João Seabra mostra-se entusiasmado com o interesse crescente no Troféu e o grupo que compõe o plantel do Kia Picanto GT Cup:
“Não podia estar mais satisfeito com o nível dos nossos pilotos, bem como a forma como têm respondido aos mais diversos desafios. A ida a Vila Real angariou a maior lista de inscritos do ano e os novos elementos que se juntaram ao Troféu depressa incorporam o espírito do Kia Picanto GT Cup. Nesta primeira corrida tivemos disputas fortíssimas com muito fair-play à mistura, espírito fundamental em qualquer competição automóvel”, salientou o diretor-geral da Kia Portugal, para quem o vencedor não passou despercebido.
“Quero agradecer a todos os concorrentes e deixar uma palavra de apreço especial ao jovem Rui Silva. É mais um produto do Kia Racing Opportunity, cujo talento tem vindo a ser confirmado nesta competição, e que hoje atingiu, provavelmente, o melhor resultado da sua ainda curta carreira desportiva. Parabéns!”
Para Tiago Raposo Magalhães, a primeira corrida do Kia Picanto GT Cup em Vila Real é já “um clássico que ficará na memória”, dada a qualidade das ações que tiveram lugar em pista. “Só tenho, mais uma vez, que enaltecer o comportamento dos nossos fantásticos pilotos, que souberam lidar, de forma exemplar, com a pressão desta estreia do Troféu em circuitos e proporcionar ao público presente uma grande e animada corrida”, concluiu.

 

Classificação Corrida 1 — Racing Weekend Vila Real

35932359_289736164901856_2884573587308544000_o.png

 

 


publicado por dinis às 01:32
link do post | comentar | favorito
Terça-feira, 26 de Junho de 2018

Francisco Marrão brilha com pódio em Vila Real

Francisco Marrão brilha com pódio em Vila Real
 

36256150_2098321790425376_7122865602972090368_o.jpg

 

 
Vila Real voltou este fim-de-semana a ser palco as grandes emoções do desporto automóvel, com mais uma edição deste evento único a registar um sucesso assinalável a todos os níveis. Inserido neste grande evento, - que incluía entre outras provas a jornada portuguesa do WTCR -, a KIA Picanto Cup GT Cup contribuiu para abrilhantar mais uma grande jornada de competição motorizada.
Foi de grande nível a passagem de Francisco Marão pelo Circuito de Vila Real, com o piloto da terra a conseguir uma ida ao pódio na primeira corrida do deste troféu. Com muito público em redor do circuito, Marrão mostrou toda a sua garra e cumpriu objectivos numa prova difícil e competitiva, registando um bom resultado.

36222505_2098321643758724_3925481172309639168_o.jpg

 

“Estou muito feliz pela forma como correu este fim-de-semana e sobretudo pelo resultado conseguido na corrida de Sábado, onde fui terceiro entre os concorrentes da categoria Pro e por isso subi ao pódio. Adorei esta experiência num circuito que para além de ser o da minha terra, é também considerado por muitos, como um dos mais desafiantes de todos os circuitos citadinos. De uma forma geral correu tudo muito bem, consegui uma boa qualificação com um bom acerto do carro por parte da Speedy Motorsport, para depois na primeira corrida do fim-de-semana mostrar que devem contar comigo na luta pelos lugares da frente deste troféu. Depois do bom resultado de Sábado, foi pena no Domingo não ter concluído a prova devido a um ligeiro despiste, mas são situações que por vezes não conseguimos evitar. Não fico de forma alguma triste, porque com o resultado de ontem consegui desde logo cumprir os objectivos que tinha para esta jornada. É bom correr aqui frente às pessoas da minha terra, com muitos conhecidos e amigos nas bancadas, dá-nos uma motivação extra e muita força para enfrentar todas as dificuldades. O troféu está a ser uma experiência muito positiva e que estou a adorar, foi mesmo a opção certa para esta época!” Disse Francisco Marrão.
A próxima jornada do KIA Picanto Cup GT Cup, a Rampa do Caramulo, disputa-se a 14 a 15 de Julho.
Ajude Francisco Marrão partilhando as suas publicações na página do Facebook (www.facebook.com/franciscomarraokiacup/). Esta divulgação ou qualquer comentário acrescido da hashtag #kiapicantogtcup, dá também pontos para o troféu.
Texto | Racespirit.pt Foto | Pedro Ferreira

 

 

 


publicado por dinis às 22:59
link do post | comentar | favorito
Quarta-feira, 20 de Junho de 2018

Hugo Araújo Kia Picanto GT

Hugo Araújo Kia Picanto GT

35546841_1628811490550931_4882970644062404608_n.jpg

 

Hugo Araujo Racing Page 


publicado por dinis às 23:22
link do post | comentar | favorito

Veloso Motorsport compete ao mais alto nível em Vila Real

 Veloso Motorsport compete ao mais alto nível em Vila Real

 35849061_1928857390526942_7222982244124590080_n.jpg

35747284_1928857267193621_4319629638163759104_n.jpg

35728632_1928857613860253_6532013020850159616_n.jpg

"É já no próximo fim-de-semana que os automóveis de competição voltam ao traçado do histórico Circuito de Vila Real, para um evento que tem como cabeça de cartaz a jornada portuguesa do WTCR e que inclui ainda entre outros, a segunda jornada do Campeonato de Portugal de Velocidade Turismos/TCR e do Troféu KIA Picanto GT Cup.

A exemplo de anos anteriores, espera-se uma forte presença de público, para um evento sempre especial e que tem longa tradição no panorama automobilístico nacional e internacional. São três as frentes em que a Veloso Motorsport vai estar envolvida, a começar pelo WTCR, onde vai assistir Edgar Florindo e o seu SEAT Leon TCR. No TCR/Portugal, será Francisco Carvalho a liderar a formação nortenha ao volante de um Audi RS3 LMS TCR, enquanto no troféu reservado aos pequenos KIA será Mariano Pires o piloto.
“É um orgulho enorme poder participar no WTCR. Representar Portugal e a minha cidade na maior competição de turismos do mundo é um sonho para qualquer piloto e eu vou ter o privilégio de o fazer na minha cidade. Não espero facilidades, muito pelo contrário. Será um fim de semana duro, com muitos desafios. A pista é das mais exigentes do mundo, a concorrência é fortíssima e mais experiente, mas não olho com receio, mas sim com determinação e vontade de dar o melhor de mim perante o meu público. É uma grande satisfação poder fazer esta prova numa estrutura como a Veloso Motorsport. A equipa tem experiência, muita qualidade e tenho a convicção que terei um carro capaz de me levar aos melhores resultados possíveis. O Cupra TCR é um carro que não está no topo, com novos carros agora assumirem esse lugar, mas a experiência da Veloso Motorsport com este carro e nesta pista pode ser um factor importante para o desfecho do fim de semana. Espero poder ter o apoio do público e acima disso espero que possamos ter casa cheia em Vila Real. O fãs do desporto motorizado devem vir e ver de perto o que são as corridas nesta cidade fantástica. Sabemos receber bem e temos uma verdadeira paixão por corridas. Convido a todos para estarem presente e tragam uma bandeira de Portugal para juntos darmos mais cor a esta festa.” Afirmou Edgar Florindo.
“Vamos para Vila Real com objectivos ambiciosos, que passam em estar na luta pelas vitórias. Sabemos que um circuito com estas características encerra sempre muitos desafios, a começar desde logo por chegar a uma boa afinação no Audi, onde vou contar certamente com a preciosa ajuda da equipa. As dificuldades serão muitas, mas espero superar todos os desafios e melhorar as classificações obtidas na jornada inaugural em Braga, onde consegui um pódio. Gosto muito do traçado de Vila Real, é uma pista que não permite erros e por isso vou dar o meu máximo para atingir os objectivos.” disse Francisco Carvalho.
“Estou ansioso por esta prova que marca a minha estreia nos circuitos e logo numa pista mítica. Vou fazer tudo o que estiver ao meu alcance para triunfar entre os Júnior e fazer o melhor resultado possível à geral. Estou muito motivado e acredito que com ajuda da Veloso Motosport, vou cumprir todos os objectivos.” referiu Mariano Pires.
Horário:
Sexta-Feira - 22.06.2018
09.30 - CPVT / Treinos Livres 1 (25m) 11.55 - KIA Picanto GT Cup / Treinos Livres (30m) 13.40 - CPVT / Treinos Livres 2 (25m) 16.05 - CPVT / Qualificação 1 (15m) 16.25 - CPVT / Qualificação 2 (15m) 17.00 - KIA Picanto GT Cup / Qualificação (30m)
Sábado - 23.06.2018 09.00 - FIA WTCR / Treinos Livres 1 (30m) 10.00 - KIA Picanto GT Cup / Corrida 1 (25m) 11.00 - FIA WTCR / Treinos Livres 2 (30m) 12.30 - FIA WTCR / Qualificação (40m) 15.00 - CPVT / Corrida 1 (25m) 16.00 - FIA WTCR / Corrida 1 (11v)
Domingo - 24.06.2018
09.00 - FIA WTCR / Qualificação 1 (30m) 09.35 - FIA WTCR / Qualificação 2 (15m) 10.00 - FIA WTCR / Qualificação 3 12.20 - CPVT / Corrida 2 (25m) 14.40 - KIA Picanto GT Cup / Corrida 2 (25m) 15.45 - FIA WTCR / Corrida 2 (11v) 17.10 - FIA WTCR / Corrida 3 (13v)
 
Texto | Racespirit.pt Fotos | Oficiais"

 


publicado por dinis às 21:03
link do post | comentar | favorito

Rui Meireles Kia Picanto

Rui Meireles Kia Picanto

Uma tarde picante no primeiro contato com o Kia Picanto em Braga!!!

35737153_1735149593227426_4947613505344765952_n.jpg

35682238_1735145876561131_5072716071497105408_n.jpg

 

 

 


publicado por dinis às 19:29
link do post | comentar | favorito
Segunda-feira, 18 de Junho de 2018

Rui Meireles Kia Picanto GT Cup

Rui Meireles Kia Picanto GT Cup

35552194_1732320546843664_4018393753147408384_n.jpg

 

"44 para começar não podia ser melhor..."

Rui Meireles 

publicado por dinis às 23:27
link do post | comentar | favorito

Manuel Fernandes Jr.: o regresso à competição em casa

 

Manuel Fernandes Jr.: o regresso à competição em casa
 
 
 

35701557_1649430945175486_2472104105229680640_n.jpg

 

 
O piloto de Vila Real, Manuel Fernandes Jr. regressará à competição no "seu" circuito. De 22 a 24 de Junho, o piloto vai competir no Circuito Internacional de Vila Real, onde normalmente tem muito sucesso e onde tentará bater o recorde de 3 vitórias no actual traçado em tantos troféus.
O jovem planeou o seu regresso ao Circuito Internacional de Vila Real no troféu KIA Picanto GT Cup, mas devido a alguns problemas paralelos à competição, não foi possível.
"Queria competir em minha "casa" com um KIA Picanto, mas à última hora surgiram alguns contratempos que impossibilitaram a minha entrada nessa competição. O que importa realçar neste momento, é que estou muito feliz por anunciar o meu regresso às corridas e ainda para mais, em Vila Real. Venho de uma das famílias com mais tradição automobilista do País e quero deixar também a minha marca neste traçado. Com a ajudar do muito público nesses dias em torno do traçado, com certeza, farei história também"
"Não posso deixar de agradecer ao sr Luís Veloso proprietário da equipa Veloso Motorsport que foi incansável e tentou por tudo ajudar-me a garantir a participação nos Kia. Espero muito sinceramente trabalhar com ele muito em breve."
Assim sendo, o Manuel Fernandes quer colocar o seu nome na história do Circuito e vencer no troféu FEUP 2 aos comandos do Fiat Punto. O piloto, que competirá com a sua estrutura, a ACF Motorsport, está convicto que conseguirá juntar o seu nome aos restantes nomes da sua família na história do Circuito Internacional de Vila Real.
O piloto está muito agradecido aos patrocinadores, que o ajudaram a estar presente em Vila Real: ACSF INVESTMENTS SA; GTS GARANTIA AUTOMÓVEL; LA FORNERIA; TRALHA; JME; CASA ALMOR; PORTINHA BAR; TALHO DO TÓ; INOXREAL; e CARTONDELA.

 

MANUEL FERNANDES JR - RACE PAGE·


publicado por dinis às 19:10
link do post | comentar | favorito

Kia Picanto GT Cup estreia-se nos circuitos em Vila Real

Kia Picanto GT Cup estreia-se nos circuitos em Vila Real

· Depois da prova inaugural na Rampa da Falperra, próxima jornada do troféu monomarca decorre no emocionante circuito citadino; · Alinhadas à partida estarão 15 unidades do Kia Picanto GT Cup; · 21 pilotos perfazem a maior lista de inscritos do ano, evidenciando, assim, o interesse crescente na competição.
Cascais, 18 Junho 2018 – Do desafio da Falperra para as emoções de Vila Real, o Kia Picanto GT Cup estreia-se no próximo fim-de-semana nos circuitos, para a segunda prova do mais recente Troféu monomarca da Velocidade Nacional.
Entre os dias 22 e 24 de junho, o carro desenvolvido pela Kia Portugal, em conjunto com a CRM Motorsport e o indispensável auxílio dos parceiros, será uma das grandes figuras do Vila Real Racing Weekend, integrando, desta forma, o cartaz do Campeonato de Portugal de Velocidade e da Taça Mundial de Carros de Turismo (WTCR).
 

35761495_285583075317165_6486091655723089920_o.jpg

 

Fotografia: Nuno Organista
Para João Seabra, diretor-geral da Kia Portugal, “a visibilidade acrescida, derivada da presença num evento de renome mundial, em conjunto com o estímulo provocado pelo traçado singular da pista citadina, fazem com que esta segunda prova do Kia Picanto GT Cup esteja a ser encarada com grande entusiasmo pelos nossos pilotos. Mas também por novos elementos que já confirmaram a sua presença”, revela.
“São os casos de Rui Meireles e Tiago Ribeiro, pilotos locais que, agradados com a filosofia do Troféu e o desempenho do Kia Picanto GT Cup, cedo nos contactaram sobre a possibilidade de virem a alugar um carro para Vila Real. Mas também de Tiago Teixeira e Henrique Nogueira, dois jovens oriundos do karting e do todo-o-terreno que integrarão a categoria Júnior, tendo escolhido o Kia Picanto GT Cup para darem os primeiros passos na Velocidade”, desvenda o responsável da CRM Motorsport, Tiago Raposo Magalhães.
 
“Perfazendo a maior lista de inscritos até à data, estes nomes juntam-se aos dois convidados da Kia Portugal, Rui Santos e Duarte Aguiar, e a Nuno Madeira e Manuel de Moura Teixeira, que dividirão respetivamente os seus carros com Filipe Serra e Francisco Marrão. Assim, teremos em Vila Real oito novos pilotos a integrarem a família Kia Picanto GT Cup e a descobrirem a magia de um carro pequeno, mas atrevido”, completa.
INTERESSE CRESCENTE
Face à Rampa da Falperra, o número de ‘Picantos’ presentes em prova nesta segunda ronda da competição sobe assim de 13 para 15 unidades, tal como o número de participantes, cifrado em 21 pilotos. Condimentos que deixam antever duas grandes corridas e múltiplas trocas de posições, até pela natureza do repto que se inicia no próximo fim-de-semana.
Além das características da pista, repleta de zonas sinuosas e curvas estreitas de elevado cariz técnico, há que contar com a presença, em simultâneo, dos concorrentes, que assim irão dividir o mesmo espaço — algo que ainda não tinha sucedido na edição em curso do Kia Picanto GT Cup.
 
“Depois da estreia nas rampas e nos ralis, por intermédio do kit desenvolvido para a modalidade, cuja performance foi comprovada com o triunfo da dupla Francisco Esperto/Fernando Miguel na categoria RC5 do último Rali Vidreiro Centro de Portugal, os pilotos e adeptos do Kia Picanto GT Cup irão conhecer em Vila Real uma nova faceta do Troféu, com a primeira presença das viaturas num circuito”, destaca João Seabra.
“Enquadrada no calendário internacional do WTCR e com a garantia de transmissão televisiva das corridas do Kia Picanto GT Cup a nível nacional, esta segunda prova do campeonato reúne, deste modo, um interesse especial para todos os envolvidos, em particular porque o Troféu terá a companhia do fervoroso público de Vila Real — conhecido mundialmente pela forma como apoia o desporto motorizado e as corridas no município. Será, também por isso, um evento para desfrutar”, conclui.
 
A fazer companhia aos habituais pilotos do Troféu estará o atual Presidente da Câmara Municipal de Vila Real, Rui Santos. Aceitando o convite da Kia Portugal para tripular o Kia Picanto GT Cup nº 7, dividindo-o com Duarte Aguiar, Gestor de Rede de Vendas e Marketing da marca, o autarca irá, deste modo, conhecer por dentro a mais recente competição monomarca do automobilismo nacional e viver, de perto, as emoções do emblemático circuito.
“Sendo um entusiasta das corridas de automóveis e do Circuito de Vila Real, este era um convite que simplesmente não podia recusar. Quero agradecer à Kia Portugal e ao seu diretor-geral, João Seabra, a gentileza e responsabilidade que me foram confiadas, na certeza de que parto para esta experiência com a modesta ambição de apenas querer divertir-me. A julgar pelo que já me contaram, o Kia Picanto GT Cup é o carro ideal para cumprir com sucesso esse objetivo!”
 
Lista de Inscritos Kia Picanto GT Cup — Vila Real Racing Weekend
7. Rui Santos (GUEST)/Duarte Aguiar (GUEST)
8. Henrique Nogueira (JÚNIOR)/Tiago Teixeira (JÚNIOR)
9. Francisco Esperto (PRO)
13. Francisco Marrão (PRO)/Manuel de Moura Teixeira (PRO)
15. João Santos (PRO)
18. Hugo Marcos (PRO) 27. José Supico (PRO)
31. Duarte Botelho (PRO)
33. Mariano Pires (JÚNIOR)
44. Rui Meireles (PRO)/Tiago Ribeiro (PRO)
55. Nuno Caetano (PRO) 77. Henrique van Uden/Rui Silva (JÚNIOR)
95. Leonor Espinhal (JÚNIOR)
99. Hugo Araújo (PRO)
577. Filipe Serra (PRO)/Nuno Madeira (PRO)
 
Programa Kia Picanto GT Cup — Vila Real Racing Weekend
 
Sexta-Feira, 22 Junho 11h55-12h25: Treinos Livres 17h00-17h30: Qualificação
Sábado, 23 de Junho 10h-10h25: Corrida 1
Domingo, 24 de Junho 14h40-15h05: Corrida 2

 

 

 


publicado por dinis às 18:47
link do post | comentar | favorito

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Agosto 2019

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

14
15
17

18
19
20
21
22
23
24

25
26
27
28
29
30
31


.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.posts recentes

. 2018 Kia Picanto Gt Cup c...

. Francisco Esperto triunfa...

. Rui Silva e Hugo Araújo v...

. Francisco Marrão brilha c...

. Hugo Araújo Kia Picanto G...

. Veloso Motorsport compet...

. Rui Meireles Kia Picanto

. Rui Meireles Kia Picanto ...

. Manuel Fernandes Jr.: o r...

. Kia Picanto GT Cup estrei...

. Leonor Espinhal Kia Pican...

. 49º CIRCUITO INTERNACIONA...

.arquivos

. Agosto 2019

. Julho 2019

. Junho 2019

. Maio 2019

. Abril 2019

. Março 2019

. Fevereiro 2019

. Janeiro 2019

. Dezembro 2018

. Novembro 2018

. Outubro 2018

. Setembro 2018

. Agosto 2018

. Julho 2018

. Junho 2018

. Maio 2018

. Abril 2018

. Março 2018

. Fevereiro 2018

. Janeiro 2018

. Dezembro 2017

. Novembro 2017

. Outubro 2017

. Setembro 2017

. Agosto 2017

. Julho 2017

. Junho 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Março 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

.tags

. todas as tags

SAPO Blogs
RSS