Quinta-feira, 16 de Maio de 2013

Circuito de Vila Real 1972 por Ricardo Assis Cordeiro

Circuito de Vila Real 1972 por Ricardo Assis Cordeiro

540160_362518897158776_999677378_n.jpgPormenor de Américo Nunes no Porche Carrera 6

248140_458095597601105_415970663_n.jpgRetro Course Magazine nº 113 - Maio / May 2013

 


publicado por dinis às 22:24
link do post | comentar | favorito
Quinta-feira, 28 de Março de 2013

As 6 Horas de Vila Real 1969

As 6 Horas de Vila Real  1969

 

No parque fechado do Jardim da Carreira lá estava o pequeno protótipo que iria ser pilotado por John Markey e José Baptista dos Santos e que na lista de inscritos aparecia como Nathan 1600, certamente um erro de impressão.

14739284_zpihI.jpeg

14739295_Vg7qs.jpeg

 "Junto do Ginetta Climax nº27 de Jeremy Richardson/Bernard Farthing, o rapazinho de óculos à direita c'est moi Carlos Batista dos Santos".

vila real 37_n.jpgO Ferrari Dino 206 S (ex-Tony Dean) de Alain de Cadenet e Mike Walton 

15554380_0rTtA.jpeg

Os treinos de sexta-feira foram livres e no sábado conseguiu um lugar na 9º fila ao lado do Ford GT 40 de William Green /Johnny Blades com 2, 58.61s., Manuel Atsoc /Pinto Bastos Lotus Elan S 2.em 3.4,77s  e  John Markey/ José Batista dos Santos /G. Konig  com 3,11.23s.

 

vila real 5_n.jpg

 

vila real19_n.jpgO Porsche 908/2 da equipa David Piper - Chris Craft de Alain de Cadnet

vila real 44_n.jpg

circuito vila real9_n.jpg

inicio da prova.jpeg

 Início da prova

circuito vila real 65.jpeg

Aí vão, após a partida, à direita o Nathan quase ao lado do Ford GT 40 do britânico William Green /Johnny Blades, seguido do Porsche 911de Américo Nunes/Evaristo Saraiva, segue o Lotus Elan de Manuel “Atsoc”.Costa / Pinto Bastos e dois Chevron B 8.

"John abusou do excelente vinho (uma paixão, dizia ele), e na manhã da prova a dor de cabeça não ajudava nada.

O transtorno era tal, que engoliu primeiro o alka seltzer antes de beder a àgua.

Foi no entanto ele quem partiu, para largar o volante na volta seguinte;

Depois, cerca de meia hora de voo no levíssimo carrito de madeira (só 300 kg) empurrado pelo motor 1000 do IMP.

Em seguida, sem travões (vinham-se degradando), imobilizámo-nos para o resto da prova, tentando recuperar a frágil mecânica.

Já para o final, o John ainda voltou à pista só para cruzar a meta sobre rodas."

vila real48_n.jpg

vila real 7.jpeg

Foto Alberto Correia

O  Brabham BT 8 Climax de Peter Crossley / Richard Shardlow  seguido do Costin Nathan de John Markley/ Batista dos Santos / Gabriel Konig e o Porsche 911 T de Paul Vestley / Peter Sadler.

 Ao fim de 26 voltas o Costin Nathan abandona… e com ele o fim de um belo sonho..

vila real8663_n.jpg 

vila real 3_n.jpgManuel Nogueira Pinto/ João Andrade Vilar.

vila real 155_n (1).jpg

vila real aaa.jpg

vila real 69_n.jpg

 

1969421_n.jpgO Alfa Romeo 33 de Taf Gosselin- Claude Bourgoignie  a fazer companhia ao carro de Joaquim Filipe Nogueira

vila real 58_n.jpg

vila real 2_n (1).jpg

vila real 32923_n.jpg

 

Fotos

Alberto Correia

Autosport

ACP

Livro das Corridas

 

 


publicado por dinis às 22:26
link do post | comentar | favorito
Sábado, 16 de Março de 2013

O fim de um belo sonho...

O fim de um belo sonho...

 

O Costin Nathan nasceu de um projecto para o piloto Roger Nathan utilizar em 1966 época em que  em seis provas,  ganhou na sua classe  cinco vezes e foi segundo uma vez , em Outubro vence a “Coupes du salon à Montlhery ”  R Nathan bate o Abarth oficial de Ortner na corrida de GT e Sport Protótipo, menos de 1150c.c,..

 

O Costin-Nathan GT é um pequeno protótipo cuja construção foi iniciada em 1965, é o fruto da experiencia do projectista Frank Costin, irmão de Mike Costin (pai da Cosworth) que durante a 2ª Guerra Mundial se especializou na construção de planadores em madeira, Horsa e contraplacado de madeira.

 

Apresentado no Racing Car Show de 1967, o coupé foi baseado no Costin Nathan aberto, está dotado de uma carroçaria feita inteiramente em de fibra de vidro, que o torna aerodinamicamente muito elegante. Foi projectado especialmente para Le Mans, onde inscrito pelo Roger Nathan Racing, e pilotado pelo seu criador e por Mike Beckwith, teve de abandonar ao fim de 15 voltas, com problemas eléctricos. Ainda efectuou mais algumas provas do mundial de marcas, mas o seu pequeno motor (preparado pela Roger Nathan racing )  é que não se manifestou adequado.

Frank Costin abandona o projecto e dedica-se a um outro. o  Astra. Roger Nathan prossegue o projecto e ainda pensa na possibilidade de o equipar com um motor BMW 2000.

A primeira versão era aberta e depois também se construiu uma com capota (GT) para Roger Nathan correr as 24 Horas de Le Mans.
Até à separação os dois sócios construiram 6 spyders e 6 GT; depois Nathan produziu mais 18 GT, nunca conseguindo a homologação em Grande Turismo.

 

Em 1968 Charles Graemiger esteve inscrito para a prova de Vila Real com um Costin Imp, mas no dia da prova não compareceu.

No ano seguinte, na 53° edição do Targa Florio, um circuito com um perímetro de 71.9 km, o Costin-Nathan GT - Hillman Imp pilotado por John Markey (GB)/Terry Hunter (GB) e Dominique Martin (CH) não terminam  devido a uma ligeira saída de estrada na 6º volta.  

Em seguida a 1 de Junho, nos 1000 km Nürburgring faz equipa com Clydesdale, agora com um motor Ford Cosworth 1300,mas retira-se ao fim de percorrer por duas vezes os 22.835 kms. agora com problemas de motor.

No final do mês na Suécia, em Anderstorp, o carro do Falken Racing é agora 4º, em Protótipos até 2000, a quatro voltas do vencedor.

Uma semana depois está em Vila Real e para alegria de Batista dos Santos poder concretizar um sonho …numa prova de seis horas.

No parque fechado do Jardim da Carreira lá estava o pequeno protótipo que iria ser pilotado por John Markey e José Baptista dos Santos e que na lista de inscritos aparecia como Nathan 1600, certamente um erro de impressão.

"Junto do Ginetta Climax nº27 de Jeremy Richardson/Bernard Farthing, o rapazinho de óculos à direita c'est moi Carlos Batista dos Santos".

 

Os treinos de sexta-feira foram livres e no sábado conseguiu um lugar na 9º fila ao lado do Ford GT 40 de William Green /Johnny Blades com 2, 58.61s., Manuel Atsoc /Pinto Bastos Lotus Elan S 2.em 3.4,77s  e  John Markey/ José Batista dos Santos /G. Konig  com 3,11.23s.

 

vila real97_n.jpg

 Início da prova 

 

Aí vão, após a partida, à direita o Nathan quase ao lado do Ford GT 40 do britânico William Green /Johnny Blades, seguido do Porsche 911de Américo Nunes/Evaristo Saraiva, segue o Lotus Elan de Manuel “Atsoc”.Costa / Pinto Bastos e dois Chevron B 8. 

"John abusou do excelente vinho (uma paixão, dizia ele), e na manhã da prova a dor de cabeça não ajudava nada.

O transtorno era tal, que engoliu primeiro o alka seltzer antes de beder a àgua.

Foi no entanto ele quem partiu, para largar o volante na volta seguinte;

Depois, cerca de meia hora de voo no levíssimo carrito de madeira (só 300 kg) empurrado pelo motor 1000 do IMP.

Em seguida, sem travões (vinham-se degradando), imobilizámo-nos para o resto da prova, tentando recuperar a frágil mecânica.

Já para o final, o John ainda voltou à pista só para cruzar a meta sobre rodas."

 

 

Foto Alberto Correia 

O  Brabham BT 8 Climax de Peter Crossley / Richard Shardlow  seguido do Costin Nathan de John Markley/ Batista dos Santos / Gabriel Konig e o Porsche 911 T de Paul Vestley / Peter Sadler.

 

Ao fim de 26 voltas o Costin Nathan abandona… e com ele o fim de um belo sonho...

 

Fotos incluídas na sua página pessoal de Carlos Batista dos Santos https://www.facebook.com/cbsantos?fref=ts


publicado por dinis às 23:40
link do post | comentar | favorito
Quarta-feira, 11 de Julho de 2012

500 Km de Vila Real

500 Km de Vila Real

Visto em Le Mans 

389_n.jpg

 

13316913_10207737235761449_7814485905361124007_o.j

 Preço dos Chevron em 1969.

 

vila real 15_n.jpg

vila real 55_n.jpg

 

 

vila real 82_n.jpgNo Jardim da Carreira a abastecer…

vila real  lancia  santos.jpegMomentos que antecederem os treinos para a equipa Miguel Correia /Artur Santos  e o Lancia Fulvia H F

vila real 33_n.jpg

vila real 52_n.jpgO rápido bolide de Chris Craft 

.

vila real.jpegInicio dos 500 Km com o McLaren M8 C de Cris Craft  e do Lola T 210, o  proprietário dos dois veículos, Alain de Cadenel tendo ao lado os futuros vencedores, o Lola T 70 de Teddy Pilette/ "Taf Gosselin

35405319_1746454052135015_8301284756457259008_n.jpg

 

vila real 366_n.jpgNo Lola T210 Alain de Cadenet é seguido pelo Porsche 906 de Carlos Santos e pelo Lotus 47 de Ernesto Neves

vila real 80_n.jpg  . 

vila real 512_n.jpg

Vila real1.jpgMike Coombe/John Chatham passa pelo Lola    

vila real 76_n.jpg

vila real 00_n.jpg

Claude Larrieu no Porsche Carrera 6 aberto

 vila real 30_n.jpgO estado em que ficou o bólide de Alain de Cadenet0

vila real nogueira.jpegNas boxes Filipe Nogueira aguarda a intervenção dos mecânicos…

vila rea a_n.jpgO Nomad BRM

122_n.jpg O Chevron B 8 de Mike Combe e Roger Heavens

vila real b.jpegA caminho da vitória 

 

252497_231253406890546_3244718_n.jpg

 

Foto Marius

Revista Flama

 


publicado por dinis às 00:47
link do post | comentar | favorito
Quarta-feira, 6 de Junho de 2012

Porsche 911 S de Américo Nunes

Porsche 911 S de Américo Nunes

Foi durante a apresentação do livro Américo Nunes O SENHOR DOS PORSCHE que tomei contacto com o carro que participou na Prova de Vile Real em 1969 e no qual acompanhado por Evaristo Saraiva se qualificaram em 11º lugar

11081203_1429782120654513_3479287706810698978_n.jp

11150251_1432381773727881_695900400967161289_n.jpg

 

 


publicado por dinis às 02:00
link do post | comentar | favorito
Segunda-feira, 9 de Agosto de 2010

O Porsche 911 ST, Américo Nunes

O Porsche 911 ST, Américo Nunes

Porsche 911 ST (bomba verde)

 

N°1 Américo Nunes

Vencedor Volta Madeira 1970

 

 

 

 

Uma miniatura da Grip na escala 1:43 integrada numa colecção limitada e dedicada a viaturas conduzidas por pilotos Portugueses durante os anos 60 a 80.

Com poucas alterações pode realizar-se a miniatura do Porsche 911 ST de Américo Nunes no Circuito internacional de Vila Real em 1970.


publicado por dinis às 01:59
link do post | comentar | favorito
Quinta-feira, 27 de Maio de 2010

GT ,Sport e Protótipos 1971

GT ,Sport e Protótipos 1971

 

vila real 19_n.jpg

 No Jardim da Carreira ... 

vila real 2_n.jpg O Lotus47 de António Portela de Morais desce a rampa para o circuito.

vila real 9_n.jpgSaida da pista de Willliam Scheeren no Abarth 2000/71

22141048_1625901794098342_3927882154417354216_n.jpg

vila real 97_n.jpgUm menino feliz.

José Manuel Costa numa foto tirada pelo seu Pai. 

22406498_1633457370009451_7943984473051668441_n.jpg

 

vila real 13_n.jpgJonh Bamford e Edmiro no Chevron B19 Cosworth FVC 

144_CSantos_VR71 .jpg

vila real.jpgUmas das esperanças nacionais, Araújo Cabral durante os treinos de adaptação, 

22365406_1633457413342780_5946854875003997522_n.jpg

22448556_1633457553342766_5475942467432734853_n.jpgEusébio Bonjock peseudónimo de Bing Jock no Abath 2000/71

vila real 51_n.jpg

vila real 62_n.jpg

vila real 95_n.jpg

 

22141032_1625900627431792_3914772616103664131_n.jpg

Abarth 2000 - William Scheeren seguido do  Chevron B16 - Ken Walker, Lotus 47 - Portela de Morais, Abarth 2000- Everaldo Ostini, ao lado do Lotus a aba traseira do Porsche 914/6 de Miguel Correia ...lá atrás o Sport-Protótipo é lá ao fundo o Datsun protótipo de Rui Souto

Vila_Real_1971 (1).jpgInício da prova Mário Araújo Cabral, Jorge de Bagration, John Bamford, René Herzog, Peter Crossley...

vila real 12.jpg

vila real 21_n.jpg

Vila Real 40_n.jpg

 

vila real 44_n.jpg

71villareal00z Muller-Herzog Ferrari 512M.jpgRené Herzog,Nicha Cabral, Jorge de Bagration e Carlos Santos

1484293_10201033748110821_1165220997_n.jpgJohn Banford 

vila real 807_n.jpg

vila real 5_n.jpgNicha Cabral seguido de Jorge de Bagration  

vila real 66_n.jpgEusebio Bonjoch no  Abarth 3000 SE022

vila real 05_n.jpg

vila real 99_n.jpg

vila real 76_n.jpg

 Jorge de Bagration no Porsche 908 caminha para a vitória. 

 Foto Marius


publicado por dinis às 01:14
link do post | comentar | favorito
Sexta-feira, 9 de Outubro de 2009

Porsche 906 Grip Américo Nunes

Foram apresentadas em estreia mundial pela GRIP - Minisquadra, durante o 42º Circuito de Vila Real 2009, as miniaturas da série

40 Anos de História - edição numerada e limitada a 40 exemplares

 

E o já conhecido

Porsche 906

Américo Nunes

Circuito Vila Real 1972

9ª Classificado

11952051_1002255639819382_3393867838912059050_n.jp

11952051_1002255643152715_7455030665710427900_n.jp

 

 

 


publicado por dinis às 03:12
link do post | comentar | favorito
Quinta-feira, 8 de Outubro de 2009

42º Circuito de Vila Real 2009 – Sábado – Em fim de Sábado

 

A alegria de vencer no mítico circuito vila-realense

O veterano piloto portuense António Barros, ladeado pelos seus adversários, Francisco Cruz Martins/Manuel Sande e Castro e Mex Machado dos Santos/António Coimbra.

De salientar a expressiva felicidade evidenciada por António Barros, naquela tarde memorável perante um público que nunca lhes negou calorosos aplausos.

 

 

A Equipa do Almada Fórum Racing Team foram os vencedores.Sande e Castro iniciou a prova no quarto lugar e conseguiu durante o seu turno distanciar-se dos seus mais directos adversários. A paragem obrigatória para a mudança de piloto e por conta do seu handicap desceram vários lugares, iniciando nova recuperação agora protagonizada por Francisco Cruz Martins foi terminada com uma suada vitória, com uma diferença de duas centésimas para António Barros no surpreendente Ginetta estabelecendo assim um recorde histórico no circuito de Vila Real.

Uma volta de Rodrigo Gallego relembrando a vitória de Carlos Gaspar no Lola T 292 em 1973.

Á noite a diversão continuou nos inúmeros pontos de diversão. Muitos foram os clássicos que passearam pela cidade e visitaram o improvisado paddock.

A zona de "Automobilia", uma feira de veículos clássicos e outros artigos em exposição na Associação Comercialde Vila Real - NERVIR,, esteve muito concorrida.

Loja do Circuito no Dolce Vita Douro durante o período das corridas, tinha para comercialização reproduções de artigos ligados à história do Circuito de Vila Real, mas também novas criações idealizadas e produzidas por alguns nomes conhecidos do meio como: Rui Queirós, Ricardo Santos, Racer Design Studio, Minisquadra, entre outros.

 

Entre as novidades encontrava-se uma garrafa de Vinho do Porto da Real Companhia Velha, comemorativo do 42º Circuito de Vila Real.

 

 

Foram apresentadas em estreia mundial pela GRIP - Minisquadra, as miniaturas da série

40 Anos de História - edição numerada e limitada a 40 exemplares

 

 

Jorge de Bagration, ao volante de um Porsche 908 da Escuderia Nacional Calvo Sotelo foi primeiro e Mário de Araújo Cabral, ao volante do Porsche 917 da David Piper Autoracing, ficou-se com o segundo lugar, enquanto Carlos Santos leva o psicadélico Porsche Carrera 6, ao quarto lugar.

 

1971, 4 de Julho, Vila Real

Porsche 917K

Mário Araújo Cabral

2º Classificado emelhor equipa Portuguesa

 

 

1969, 6 Horas de Vila Real
Porsche 908 Spyder (#908/008)

David Piper/Chris Craft

1º Classificado

 

 

1969, 6 Horas de Vila Real

Porsche 906

"Janita" Andrade Villar/“Mané” Nogueira Pinto

7º Classificado e melhor equipa Portuguesa

 

 

E o já conhecido

Porsche 906
Américo Nunes
Circuito Vila Real 1972

9ª Classificado

 

 

Por sua vez a FLY, recreava um pouco a atmosfera de Vila Real 1971,o Porsche 917 K do Nicha Cabral e o Porsche Carrera 6 "psicadélico" do piloto portuense Carlos Santos.

O modelo parece muito bom, basta ter a assinatura da Fly e pertencer a José Maria Uriarte, um piloto que também correu em Vila Real e portanto, contemporâneo de Mário Araújo Cabral.
A decoração está correcta e só me parece faltar no tejadilho á frente, o emblema David Piper Autoracing e o número 14, na traseira do lado direito do carro.

Na prova de Vila Real, Mário A. Cabral pilotou o carro sozinho, depois da Comissão Organizadora e da Sacor o terem alugado a David Piper, ainda em convalescença apôs o acidente em que perdeu uma perna numa saída de pista, durante as filmagens de “Le Mans” protagonizado por Steve McQueen.
“ Nicha” obteve a primeira posição nos treinos e foi segundo na prova de 1971.

O Porsche “psicadélico" de Carlos Santos é um belo exemplar muito bem conseguido e cheio de encanto.

 

 

O Vila Real Summer Dance, no Parque do Corgo continuava a divertir a numerosa juventude presente.

 

 


publicado por dinis às 00:15
link do post | comentar | favorito
Terça-feira, 28 de Outubro de 2008

Senhor dos Porsche

Américo Nunes

O Senhor dos Porsche

A Porsche Racing Driver

396762_c8d2539d28d755ac3d4b82987bd62a1f.jpgÀ conversa com o Senhor dos Porsche numa foto gentilmente obtida pelo autor do livro depois de o terem autografado para mim.

Ao lado os dois Porsche com que participou nas mais diversas competições em Portugal.

O Branco é o Porsche 911 S que em conjunto com  Evaristo Saraiva  se classificou em 11º nas  & Horas de Vila Real no ano de 1969.

 

As edições Vintage, apresentaram na AutoClássico. o novo livro, AMÉRICO NUNES - O SENHOR DOS PORSCHE - A PORSCHE RACING DRIVER da autoria de Ricardo Grilo. Durante a exposição o homenageado confraternizou com muitos amigos e admiradores que aproveitaram a sua presença, para perpetuar no seu livro a sua assinatura bem como a do seu autor.

A obra irá certamente agradar a todos os apaixonados pelo desporto automóvel em Portugal e permitirá conhecer a vida e obra de um dos mais versáteis pilotos nacionais.

d8c216.jpg

Ilustrado com mais de 200 imagens – muitas delas inéditas – e um conjunto de perfis dos principais automóveis que utilizou na sua carreira, este livro conta a história da grande referência do desporto automóvel em Portugal que é Américo Nunes.

A sua carreira desportiva começou no inicio dos anos sessenta e terminou nos anos oitenta. Entretanto participou em mais de uma centena de ralis e vários circuitos, estabelecendo recordes de vitórias e de títulos nacionais.

A Porsche surge como denominador comum dos seus triunfos Do 356 ao 911, passando por modelos tão especiais como o Carrera 6, Nunes identificou-se sempre com as características e qualidades dos automóveis da marca de Estugarda.

No ano em que comemora o seu 80º aniversário, esta biografia é um justo tributo a um desportista de mérito e um Homem de grande tenacidade. que lutou contra tudo e todos para se afirmar no automobilismo nacional como uma das mais destacadas figuras de sempre.

 

In

 Américo Nunes

O Senhor dos Porsche

A Porsche Racing Driver

 

 

 


publicado por dinis às 20:26
link do post | comentar | favorito

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Abril 2021

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9

17

18
19
20
21
22
23
24

25
26
27
28
29
30


.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.posts recentes

. Américo Nunes, 1972, Vila...

. Com as cores de Vila Real...

. Grande homenagem do Filho...

. Américo Nunes em PORSCHE ...

. Porsche Carrera 6 Améric...

. Porsche 906 Carrera 6 de ...

. A Bomba Verde de Américo ...

. Porsche 911 S de Américo ...

. Miniaturas de Vila Real M...

. Circuito Vila Real GT GTS...

. Circuito de Vila Real 197...

. As 6 Horas de Vila Real 1...

. O fim de um belo sonho...

. 500 Km de Vila Real

. Porsche 911 S de Américo ...

. O Porsche 911 ST, Américo...

. GT ,Sport e Protótipos 19...

. Porsche 906 Grip Américo ...

. 42º Circuito de Vila Real...

. Senhor dos Porsche

.arquivos

. Abril 2021

. Março 2021

. Fevereiro 2021

. Janeiro 2021

. Dezembro 2020

. Novembro 2020

. Outubro 2020

. Setembro 2020

. Agosto 2020

. Julho 2020

. Junho 2020

. Maio 2020

. Abril 2020

. Março 2020

. Fevereiro 2020

. Janeiro 2020

. Dezembro 2019

. Novembro 2019

. Outubro 2019

. Setembro 2019

. Agosto 2019

. Julho 2019

. Junho 2019

. Maio 2019

. Abril 2019

. Março 2019

. Fevereiro 2019

. Janeiro 2019

. Dezembro 2018

. Novembro 2018

. Outubro 2018

. Setembro 2018

. Agosto 2018

. Julho 2018

. Junho 2018

. Maio 2018

. Abril 2018

. Março 2018

. Fevereiro 2018

. Janeiro 2018

. Dezembro 2017

. Novembro 2017

. Outubro 2017

. Setembro 2017

. Agosto 2017

. Julho 2017

. Junho 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Março 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

.tags

. todas as tags

SAPO Blogs
RSS
Em destaque no SAPO Blogs
pub