Terça-feira, 29 de Novembro de 2011

14º Circuito de Vila Real 1967 T E GT D DP

XIV Circuito de Vila Real 1967 T E, GT, D, DP

III Taça Cidade de Vila Real

Estavam previstas duas corridas: Uma para

Grande Turismo e Desporto, Grupos 3 e 4

E outra para

Turismo Especial e Desporto Protótipo Grupos 5 e 6

Taça Conde da Covilhã

Os mais belos automóveis, só vistos em revistas, iriam estar presentes...


Apresentação do Lotus 47 no Racing Car Show de 1967 e ainda homologado como protótipo.

 

 

Animados com a chegada de cinco Lotus 47 para Portugal conforme noticiava a revista Escape

 

“Em Portugal os novos Lotus Mk 47 GT 

Encontram-se já em Portugal cinco dos novos Lotus Mk 47 GT que se destinam a Luís Fernandes, Aquiles de Brito, Carlos Santos, Nogueira Pinto e José Lampreia. Os três primeiros pilotos deste «Team Lotus» encontram-se já na posse das suas máquinas - autênticos carros de fórmula um vestidos de «polyester» - e os outros dois esperam-nas por toda esta semana. Tendo a carrosserie como único ponto comum com o modelo Europa (suspensão Triumph, Motor Renault, etc.) , o novo MK 47 GT está equipado com um motor Ford Cosworth de injecção muito potente. As jantes de liga leve têm o aspecto das projectadas para o Eagle de Dan Gurney e tem 10 polegadas.” 

 

 

 


publicado por dinis às 23:57
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
Sábado, 26 de Novembro de 2011

14º Circuito de Vila Real 1967

 

14º Circuito de Vila Real

 

Vinheta para colar no vidro dos veículos automóveis 

 

XIV Circuito Internacional de Vial Real

 

“É CADA VEZ MAIOR O NÚMERO DE INSCRIÇOES DE VOLANTES ESTRANJEIROS NO CIRCUITO INTERNACIONAL 

VILA REAL - Tomam proporções grandiosas os trabalhos que estão a ser levados a efeito pela comissão organizadora do XIV Circuito Internacional de Vial Real.

A pista da capital transmontana, que tem sido alvo de rasgados elogios pelos mais consagrados volantes mundiais, não se cansam de a colocar entre as mais famosas do mundo, e tem merecido especial atenção do Ministério das Obras Publicas, beneficiou no corrente ano de mais um magnifico melhoramento, por intermédio da Junta Auton0oma de Estradas. Com efeito esta já em andamento a cobertura de um troço de 250 metros com nova camada de betuminoso – o único de todo o circuito que realmente necessita de tal melhoramento, e se encontra junto do cruzamento da estrada de Chaves, no conhecido cruzamento da Timpeira.

Dois mil contos é a verba que os organizadores antevêem com toda a justificação necessária para a realização de todas as provas.

Só em prémios por regulamento estão estabelecidos mais de 850 contos, a que  se juntam cerca de 150 contos para taças. Pelas presenças dos concorrentes, os organizadores teem de despender cerca de 400 a 450 mil escudos, verbas que, só por si significam o alcance das provas, a que devemos juntar, também, o prémio da apólice. O arrojo dos organizadores – uma dúzia de vila-realenses bairristas e desportistas – merecem todo o apoio e aplauso. O risco da organização é grande, sob o ponto de vista financeiro, mas a comissão executiva não se cansa de melhorar e impulsionar tudo quanto venha a melhorar o aspecto e a classe do circuito.(…)”

In jornal que desconheço


publicado por dinis às 23:33
link do post | comentar | favorito
Sexta-feira, 25 de Novembro de 2011

Lola T 70 Mk 3

Lola T 70 Mk 3

O Lola T 70 Mk III da Best Model que se tivesse o nº 39 era o modelo vencedor em Vila Real no ano de 1967

10757789.jpg

25593661.jpg

77038302.jpg

 

 

 


publicado por dinis às 00:51
link do post | comentar | favorito
Domingo, 10 de Janeiro de 2010

Piloto de dragster, John Woolfe (1936 - 1969)

 

O camião Fiat que transportava a equipa de  John Woolfe Racing

As provas de Dragster surgiram nos Estados Unidos, durante a década de 40.

Com um poder aceleração de 0-100 km/h quase instantânea, chega à linha de chegada, a uma velocidade na ordem dos 530 km/h, aí o piloto tem que accionar o pára-quedas, já que o sistema de travagem não chega para parar a tal velocidade.

De aspecto estranho e curioso, o Dragster é um tipo de veículo leve, com motores extremamente potentes, especialmente projectados para provas de arranque em rectas com um quarto de milha.


Estas miniaturas eram fabricadas pela Corgi Toys e foi com elas que muitos de nós brincaram e muitas corridas certamente participamos.
 

Sem saber usamos a réplica do modelo de inglês pertencente a John Woolfe, conhecido piloto de automóveis e um dos participantes no Circuito Internacional de Vila Real.

 

Os dois Cobras

 

 Em 1967 adquire dois  AC Cobra, um para as provas de velocidade (volante à esquerda GTM 700F) e o outro para as corridas de dragster em Inglaterra (o primeiro aligeirado com volante à direita de 1965, chasis nº CSX 3167  matrícula GTM777P).

 

 Nas corridas vila-realenses o GTM 700F é uma das atracções principais e muitos ainda hoje recordam aquele "cantar" ensurdecedor, provocado pelo enorme V 8 daquele carro azul-escuro com listas amarelas, que rivalizava com o verde sabonete de Micael Grace d`Udy.
Sortes distintas, para o AC Cobra 428 a desistência, enquanto o esbelto Lola T 70 Mk 3 iniciou uma série de vitórias algumas dos quais com o mesmo piloto na capital transmontana.

 


Lola T 70 Mk 3

 

John Woolfe preferia os automóveis rápidos e potentes, com grande poder de aceleração. No ano seguinte adquire o Lola T70-Chevrolet ( SL 102) a Sidney Taylor e dirige-se imediatamente para o nosso Circuito Internacional.

Parte da segunda linha da grelha de partida ao lado de John Miles e classifica-se em 6º lugar, atrás de Miles e do português Carlos Gaspar.

 


A titulo experimental faz algumas provas com o novo Chevron B12 -Repco V8 ,equipado com  um motor BRM três litros e com ele foi 8º em Karlskoga 1968 e abandona em Le Mans.

 

 

Miniatura da JPS 24 horas de Le mans 1968

 

O novíssimo Porsche 917
Naquela que foi a sua última corrida, estreava o seu imponente Porsche 917, um monstro com mais de 500 HP, 800 Kg e de estabilidade um tanto ou quanto duvidosa. Inesperadamente tornou-se no primeiro piloto a quem foi entregue o novo modelo e que com ele participou nas 24 horas de Le Mans.

 

Mas infelizmente a aventura terminou tragicamente em La Sathe, naquele Sábado 14 de Junho de 1969, durante a primeira volta, na fatidica Maison Blanche...  

 


A sua equipa a John Woolfe Racing em Le Mans, numa das suas últimas fotos.


http://www.woolfe.com/

http://www.theaccelerationarchive.co...woolfe_01.html

 

 


publicado por dinis às 02:04
link do post | comentar | favorito

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Novembro 2019

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

11
12
14
15
16

17
18
19
20
21
22
23

24
25
26
27
28
29
30


.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.posts recentes

. Ernesto Neves Lotus Elan ...

. Sovam 1100 / António Acác...

. Lotus 47 John Miles

. Porsche Carrera 6

. Lotus Elan de Ernesto Ne...

. Miniaturas de Vila Real M...

. Lotus Elan Racing Team Pa...

. Ford Mustang Shelby 350G...

. O Lotus 47 de Carlos Sant...

. A III Taça Cidade de Vila...

. 14º Circuito de Vila Real...

. 14º Circuito de Vila Real...

. Lola T 70 Mk 3

. Piloto de dragster, John ...

.arquivos

. Novembro 2019

. Outubro 2019

. Setembro 2019

. Agosto 2019

. Julho 2019

. Junho 2019

. Maio 2019

. Abril 2019

. Março 2019

. Fevereiro 2019

. Janeiro 2019

. Dezembro 2018

. Novembro 2018

. Outubro 2018

. Setembro 2018

. Agosto 2018

. Julho 2018

. Junho 2018

. Maio 2018

. Abril 2018

. Março 2018

. Fevereiro 2018

. Janeiro 2018

. Dezembro 2017

. Novembro 2017

. Outubro 2017

. Setembro 2017

. Agosto 2017

. Julho 2017

. Junho 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Março 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

.tags

. todas as tags

SAPO Blogs
RSS