Segunda-feira, 28 de Março de 2011

FERRARI 212 EXPORT VIGNALE BARCHETTA N 14 VILA REAL 1951

FERRARI 212 EXPORT VIGNALE BARCHETTA N 14 VILA REAL 1951

JOLLY MODEL JL0610 1/43 FERRARI 212 EXPORT VIGNALE BARCHETTA N 14 VILA REAL 1951 G.BRACCO RED MB

19984220757730258887110.jpg

Boas novidades ...

Lá teremos que arranjar os piscas da frente que lhe faltam.

in 

http://portalclassicos.com/foruns/index.php?threads/miniaturas-de-corrida-com-liga%C3%A7%C3%A3o-a-portugal.16756/

 


publicado por dinis às 01:54
link do post | comentar | favorito
Terça-feira, 23 de Março de 2010

Circuito de vila Real 1951

Circuito de vila Real 1951

500x500.jpgO Dima Nº 4 do vila-realense Elísio de Melo durante o VII Circuito de Vila Real

10178120_265204713658518_6967207556261932158_n.jpgUm especto da luta entre Casimiro de Oliveira e Jorge Monte Real

 

1951-Vila-Real.jpg

 

vila real 52_n.jpg

 

vila real27_n.jpg

 Foto Macário 

Foto Marius 


publicado por dinis às 22:45
link do post | comentar | favorito
Quinta-feira, 18 de Março de 2010

Dima e DM em Vila Real

 

Três Dima inscritos em Vila Real

 

 

 

Dima Nº 4 - Elísio de Melo no LF-11-52 durante o VII Circuito de Vila Real em 1951.

 

A Dima e DM são a mesma marca despontada em Portugal em 1951, pela mão do catalão Dionísio Mateu e responsável por sete carroceiras diferentes, principalmente para a competição e ainda transformou vários veículos para o uso no dia-a-dia.

 

 

A ideia de um carro de “grand sport” surgiu após do 1º Circuito Internacional  do Porto, depois da tentativa frustrada de comprar o Cisitalia 204 A de Emílio Romano desenvolvido por Carlo Abarth.

 

 

“Dava-lhe 100 contos”, mas a resposta foi “O carro só seria meu se me dispusesse a pagar 200 contos”.

 

 

Como era demasiado caro rapidamente começou a idealização do um projecto baseado nos Simca, como já o faziam muitos outros construtores independentes.  

A escolha recaiu no chassis utilizado pelo Simca 1100, no qual foi implantado uma carroçaria desenhada pelo próprio Dionísio Mateu e executada nas instalações da Auto Federal, Lda.

Novamente Dionísio Mateu: "(…) Do motor velho fez-se um novo, em várias oficinas conhecidas e até em minha casa - onde foram calibrados e polidos a cambota, bielas e os pistões, sendo modificados o volante do motor e embraiagem. A carroçaria toda construída sob a minha direcção é aquilo que se vê".

 

 

E os Dima começam as actividades desportivas

 

Vila Real

 

Três automóveis Dima 1100 foram inscritos no Circuito Internacional de Vila Real em 1951

Nº 4 - Elísio de Melo

Nº 5 - Júlio Simas

Nº.6 - Francisco Corte Real Pereira

À partida na Avenida Almeida Lucena, o carro Nº 5 de Júlio Simas não compareceu na sequência do acidente ocorrido durante os treinos, quando um rapazito saltou para a pista e para o evitar, despista-se, com consequências apenas para o seu automóvel.

 

No final, Francisco Corte Real termina em 6º e Elísio de Melo obtêm o 8º lugar da geral e segundo da classe III, onde o primeiro lugar da mesma classe foi para o Cisitalia Abarth 204 Spyder Sport de Emílio Romano, curiosamente o carro que Dionísio Mateu esteve para comprar no ano anterior.

 

 

 A vitória à classe surgiu no circuito da Boavista, durante o 2º Circuito Internacional do Porto e 1º Grande Prémio de Portugal, por intermédio de Corte Real Pereira com o seu 11º  lugar na geral, onde  Elísio de Melo e Júlio Simas  não completaram a prova.

A designação Dima provocou uma reacção da marca Panhard, por causa da semelhança fonética com o seu modelo Dyna, tendo sido a marca portuguesa alterada para DM, as iniciais do seu fundador.

 

A comercialização de kits de transformação para os Simca, Fiat e Austin do dia-a-dia provenientes do seu envolvimento na competição, começou a interessar os mais interessados em aumentar as performances dos seus veículos,

A 22 de Junho de 1952, na Boavista, para o 3º Circuito Internacional do Porto,  2º Grande Prémio de Portugal, os três automóveis ainda estavam inscritos como Dima e destinados a:

Nº 5 – Elísio de Melo Dima

Nº 6 – Joaquim Filipe Nogueira – Dima

Nº 4 – Corte Real Pereira – Dima

Nova vitória de Corte Real Pereira na classe até 1100 cc

 

 

 

 

Mas, a 5 de Julho, em Vila Real, já estão inscritos como DM o

Nº 5 - Corte Real – DM 1100

Nº 3 - Elísio de Melo – DM 1100

 

 

Nova vitória e um segundo lugar no Grupo III foi o saldo positivo de mais uma participação em provas nacionais.

 

Enquanto esteve em actividade produziu mais de sete carroçarias diferentes, e alcançou um grande número de vitórias na classe, entre 1951 e 1954.

Desentendimentos entre os dois sócios, estão na origem do encerramento de mais uma marca nacional

 

 

No Caramulo Motorfestival em 2008

 

Rampa do Caramulo em 2008

 

O DM, no Museu do Caramulo, durante a exposição Automóveis Portugueses em 2009



Para saber mais

Auto Clássico nº 17 de Maio de 1993

 


publicado por dinis às 23:54
link do post | comentar | favorito
Quarta-feira, 6 de Janeiro de 2010

Conde de Monte Real

 

 

 

Jorge de Monte Real - Conde de Monte Real – Jorge Abreu de Mello e Faro

Era um dos nomes pelo qual foi conhecido este extraordinário defensor do desporto automóvel e um grande vencedor nas rampas portugueses.

Apaixonado pelas motos converteu-se ao automobilismo em 1935, ano em foi campeão de rampas na categoria corrida, com um MG. Nesse mesmo ano adquire o Bugatti T 35 de Alfredo Marinho Júnior e com ele obtêm o 2º lugar no Circuito do Estoril, e na primeira corrida realizada na Madeira, a Rampa dos Barreiros foi o vencedor na categoria sport e segundo na categoria corrida.

 

Foto Revista ACP

 

 

Em 1936, participa com o Bugatti no Circuito Internacional de Vila Real onde é 5º e no único circuito de Santarém, foi o vencedor.

 

Fotos Primeiro Arranque Vasco Calisto

 

Foto Circuito de Vila Real Anos 30

 

 

Em 1937 foi novamente 5º em Vila Real e 3º no Estoril.

Este Bugatti T 35C vermelho e branco pertenceu a Alfredo Marinho Júnior e tinha a matrícula N-12252.

Depois da guerra é novamente Campeão Nacional de Rampas em 1951 e 1952 com um Ford Ardum um automóvel reconstruído nas oficinas Palma e Morgado.

Em 1951 termina em segundo lugar em Vila Real e no ano seguinte abandona.

 A primeira experiência internacional em rali surgiu em 1949, como co-piloto de António Herédia em Riley  e em 1951 inverte a posição e com  Manuel Palma, classifica-se em 2º da geral no Rallye de Monte Carlo. A máquina utilizada foi um Ford 100CV, nada mais que um carro de serviço da Palma & Morgado, cujo prémio não chegou sequer para cobrir as despesas de participação, quanto mais o conserto do carro. 

Terminou a sua actividade desportiva por volta de1956 e a última corrida foi na Granja do Marquês em 1968 numa prova para veteranos onde venceu. 

Ainda o vamos encontrar por Vila Real como comissário desportivo nos anos sessenta como comissário desportivo.

 

Foto inserida no livro das corridas de Vila Real 1952

 

Foto inserida no livro das corridas de Vila Real 1966

 

Em 1966 no livro das corridas de Vila Real a foto do livro de 1958 foi inserida novamente, com o seguinte comentário:

 

 

Conde Monte Real

 

 

“Este distinto volante honrou o Circuito de Vila Real com a sua presença pela primeira vez em 1936, disputando as provas de Sport e Corrida, obtendo um notável 2º lugar nesta última prova. (Faltou acrescentar antes de abandonar ou então 5º).

Voltou a participar neste famoso Circuito em 1937, conseguindo, porém, nos anos de 1949 e 1951, as suas mais brilhantes actuações, empolgando o denso público que o aplaudiu com vibrante entusiasmo.

Conde de Monte Real, deixou nesta Região bem assinalada a sua notável presença, caracterizada não só pela finura do seu trato como ainda pelas suas actuações, sendo, por isso, considerado umm ídolo que o povo transmontano jamais esquecerá.” 

 

 


publicado por dinis às 01:58
link do post | comentar | favorito
Sábado, 2 de Janeiro de 2010

Ferrari, exemplar único em Vila Real - 1951

 

Ferrari 166 MM 1949 166 Inter Spider Corsa, 008/0012 M em Portugal

008/0012M 49

166 SC, RHD

Motor 0010M

 

Roberto Vallone, campeão italiano na classe 1100 procurava para 1949 um carro vencedor. A escolha recai num Ferrari para ser carroçado em Spider Corsa. No intuito de alinhar simultaneamente em Sport e Formula 2, opta por guarda-lamas e faróis amovíveis e inclui a roda suplente na traseira, numa estratégia para melhorar a aerodinâmica e diminuir o peso. O chassis 12M foi entregue a Touring pela Ferrari, com o caderno de encargos segundo os desejos expressos pelo seu proprietário.

 

23 de Abril de 1949 Mille Miglia - Roberto Vallone/ Sergio Sighinolfi

 A estreia foi o  Targa Florio, acompanhado por Sergio Sighinolfi, mas teve de abandonar com problemas de transmissão. Um total de 17 participações com vitórias em Nápoles, Umbria, Dolomites e Fasano, satisfaz o seu proprietário que não o chegua a usar em F2 por ter entretanto adquirido o novo 125 de F 1.

Em 1950, participa em quatro provas, mas não obtêm nenhum primeiro lugar.

Com doze provas em 1951, o carro é pertença do representante da Ferrari Franco Cornachia proprietário da Scuderia Guastalla, que o traz a Portugal para os circuitos da Boavista e de Vila Real.

17 de Junho4º - GP Portugal -Emílio Romano#18

15 de Julho  2º -Circuito de Vila Real - Conde Monte Real#18

No ano de 1952 faz quatro provas até ter terminado a sua carreira desportiva em 1955, utilizando a mesma carroçaria.

Com um percurso desconhecido até aos anos 60, foi encontrado à venda na revista Road Track com diversas mutações, entre elas uma carroçaria lembrando um 500 Testa Rossa e um motor de um 250GTE. 

De mão em mão chega a Europa onde o seu proprietário actual o encontrou depois de o ter reconhecido. Confirmados os números de chassis e suspeitando no do motor. Iniciada a sua reconstrução, surgiram pedaços da antiga cor azul, (intrigando Antoine Prunet historiador da marca), como no chassis utilizado por Raymond Sommer em 1948.O V 12 de dois litros original foi guardado e conservado pelo autor desta transformação, talvez consciente do trabalho então realizado. Foi a confirmação de que o chassis foi renumerado antes de ser carroçado e vendido novamente. 

 

 

 Foto inserida no livro das corridas de Vila Real 1952

 

Um excelente trabalho da revista Auto Retro de Novembro de 2009, um numero para coleccionar.

 

 

Palmares desportivo

 

1949

Participa em 17 provas, as mais importantes

19 de Junho Grande Premio de Nápoles -1º.

29 de Junho Giro dell á Umbria - Roberto Vallone /Meloni-1º.

17 de Julho Coupé dês Dolomites - Vallone /Franco Meloni-1º.

21 de Agosto rampa de Fasano – Selva -1º.

1950

Abril Syracusa - Cherubini - 2º

10 de Junho grande Premio de Roma abandono

6 de Agosto volta á Calabre – 6º

13 de Agosto Coupe de Taras - 2º

1951

17 de Junho - Grande Prmio de Portugal - Emílio Romano 4º

15 de Julho - Vila Real -  Conde Monte Real 2º

7 de Outubro - Coupé de Nissena - Pucci -1º

1952

Volta  à Sicília - Romano/ Tornetta -5º

1955

Grand Prix Supercortemaggiore – Ottavio Guarduchi –abandono

 

 


publicado por dinis às 00:57
link do post | comentar | favorito

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Maio 2021

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
14
15

16
17
18
19
20
21
22

23
24
25
26
27
28
29

30
31


.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.posts recentes

. Ferrari 166 Spider Corsa ...

. O primeiro Abarth ou o úl...

. Miniaturas de Vila Real M...

. Uma velha relíquia de Vil...

. Allard J 2 1950, TN-13-02...

. Ferrari 212 Export Vignal...

. Ferrari 166 MM Touring Ba...

. 10º Circuito Internaciona...

. FAP “Fiat-Adler-Palhinhas...

. Allard em Vila Real

. FERRARI 212 EXPORT VIGNAL...

. Circuito de vila Real 195...

. Dima e DM em Vila Real

. Conde de Monte Real

. Ferrari, exemplar único e...

.arquivos

. Maio 2021

. Abril 2021

. Março 2021

. Fevereiro 2021

. Janeiro 2021

. Dezembro 2020

. Novembro 2020

. Outubro 2020

. Setembro 2020

. Agosto 2020

. Julho 2020

. Junho 2020

. Maio 2020

. Abril 2020

. Março 2020

. Fevereiro 2020

. Janeiro 2020

. Dezembro 2019

. Novembro 2019

. Outubro 2019

. Setembro 2019

. Agosto 2019

. Julho 2019

. Junho 2019

. Maio 2019

. Abril 2019

. Março 2019

. Fevereiro 2019

. Janeiro 2019

. Dezembro 2018

. Novembro 2018

. Outubro 2018

. Setembro 2018

. Agosto 2018

. Julho 2018

. Junho 2018

. Maio 2018

. Abril 2018

. Março 2018

. Fevereiro 2018

. Janeiro 2018

. Dezembro 2017

. Novembro 2017

. Outubro 2017

. Setembro 2017

. Agosto 2017

. Julho 2017

. Junho 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Março 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

.tags

. todas as tags

SAPO Blogs
RSS
Em destaque no SAPO Blogs
pub