Terça-feira, 30 de Abril de 2024

Mercedes-Benz W196 sport  - Um olhar sobre as minhas miniaturas

Mercedes-Benz W196 sport  - Um olhar sobre as minhas miniaturas

1185ª – Mercedes 194 - 1954 RBA 

M. Fangio Mercedes-Benz W196 #18 vencedora italiano GP Fórmula 1 e novamente Campeão

Mercedes-Benz W196 de 1954 e 1955

Grand Prix – Mitos da Fórmula 1

Depois de ter visto uma foto da prova referente ao ano seguinte e com o mesmo número, fui comprar outro exemplar só que ele tem pelo menos uma abertura lateral no capot e depois de ver bem os números estão sobre o tradicional fundo branco. Não lhe toquei e anos mais tarde foi apresentado no fasciculo nº21 na serie Formula 1 - The car colection

A miniatura passou para a prateleira da Mercedes-Benz

328ª –  Mercedes Benz W 196 Streamlined Modelos 3J

https://manueldinis.blogs.sapo.pt/mercedes-benz-w-196-streamlined-um-1288848

782ª – Mercedes Benz W 196 Brumm

https://manueldinis.blogs.sapo.pt/mercedes-benz-w-196-sem-carenagem-um-1553070

1182ª – Mercedes 194 - 1954 RBA

https://manueldinis.blogs.sapo.pt/mercedes-f1-com-carrocaria-de-sport-um-1876231

Na primeira prova do Mercedes W196 no Grande Prêmio da França de 1954, no circuito Reims-Gueux, Juan Manuel Fangio venceu seguido de Kling, e os dois cruzaram a linha de chegada em formação, com apenas 0s1 os separando. Foi apenas uma amostra do poderio da Mercedes.

No GP da Itália de 1955 os Mercedes-Benz  tipo Sport voltaram novamente no Autódromo Nazionale Monza. bem como dois carros de rodas abertas. Fangio #18 e Moss #16 tinham os streamliners enquanto Kling #20 e Taruffi #14 dirigiam os carros de rodas abertas.

Mercedes controlaram os treinos e ocuparam a primeira fila do grid na ordem habitual de Fangio, Moss e Kling; Taruffi foi o 9º mais rápido.

A 11 de setembro de 1955, na partida  Moss assumiu a liderança. Atrás dele estavam Fangio, Taruffi vindo da quarta linha do grid e Kling. Quando o campo terminou a primeira volta, Fangio liderou o trem da Mercedes e pouco mudou nas voltas seguintes, exceto Kling ultrapassando Taruffi. As voltas foram contadas enquanto os carros passavam pelas curvas da Villa Reale até que Moss chegou aos boxes na volta 19 para pedir a substituição de seu pára-brisa quebrado. A mudança demorou apenas 39 segundos, mas num exemplo do esforço de Neubauer para maximizar as respostas a quaisquer eventualidades, na próxima vez que Moss entrou no seu Streamliner, ele tinha um novo botão no painel; ele ejetou o pára-brisa para que pudesse ser removido ainda mais rapidamente e uma tela substituta simplesmente presa no lugar. A mudança de tela não foi um grande problema por si só, mas ao cobrar para recuperar seu lugar na cauda de Fangio, o streamliner # 16 de Moss quebrou o motor e o tirou da corrida, não antes de ele marcar a volta mais rápida da corrida em Porém, 2m46,9s. Kling estava fazendo uma boa corrida em segundo lugar quando o eixo de transmissão de seu carro se soltou, embora alguns relatos afirmem que foi um problema na caixa de câmbio que o tirou da corrida. Tudo isso deixou Neubauer estendendo a placa “regular” do RG para Fangio, e um surpreso Piero Taruffi, indicando que eles deveriam manter a posição e proteger seus carros até o fim.

IMG_20240429_231645.jpg

IMG_20240429_231214.jpg

IMG_20240429_231224.jpg

IMG_20240429_231245.jpg

IMG_20240429_231317.jpg

IMG_20240429_231335.jpg

IMG_20240429_231348.jpg

IMG_20240429_231406.jpg

Modelo real

Miniatura

Interior detalhado

Sem suspensão.

As rodas são de plástico de acordo com as originais.

Fabricante IXO, RBA Collectibles,

Série Grand Prix – Mitos da Fórmula 1

Referencia nº 2 preço 1595$00

Material – zamac

Material da placa de base – plástico

A base está aparafusada à carroçaria

Apresentado em caixa de cartão com janela de visualização e expositor plástico.

País – Portugal, feito na China

 


publicado por dinis às 18:50
link do post | comentar | favorito
Segunda-feira, 29 de Abril de 2024

Delahaye 135 M Spider  Bugatti - Um olhar sobre as minhas miniaturas

Delahaye 135 M Spider  Bugatti - Um olhar sobre as minhas miniaturas

1184ª – Delahaye 135 M Spider 1939 Solido

Não há dois sem três. ou seja as corres que uma miniatura podiam ter ao longo da sua produção.

Mas, também havia colecções de um determinada marca ou por vezes de um só modelo. Agora um Delahaye 135 M Spider  Bugatti, não pensei.

514ª – Delahaye 135 Figoni Falaschi Solido

https://manueldinis.blogs.sapo.pt/delahaye-135m-1939-um-olhar-sobre-as-1409179

873ª – Delahye 135M 1935  Guisval

https://manueldinis.blogs.sapo.pt/1938-delahaye-135-coupe-des-alpes-um-1662704

1025ª – Delahaye – 135 M Spider  1939 Solido

https://manueldinis.blogs.sapo.pt/1772886.html

Emblemático da produção francesa

Modelo real

Além de automóveis, a empresa Delahaye produzia caminhões, caminhões, transportadores de encomendas para os correios, arados motorizados, carros de bombeiros e outros veículos comerciais e militares. Muitos dos veículos foram usados durante a Primeira Guerra Mundial

Projetado pelo engenheiro Jean François, lançaram dois emocionantes modelos Delahaye desportivos de 6 cilindros, ambos com motores push-rod ohv, suspensão dianteira independente, travões Bendix e caixas de velocidades sincronizadas ou Cotal; o Delahaye Coupe des Alpes de 3,2 litros tinha 110 cv e o Delahaye Type 135 de 3,5 litros 120 cv. Ambos eram capazes de atingir mais de 160 km / h na forma padrão, com variantes como o 135 Competition Speciale (135 CS), projetado especificamente para corridas. O 135 Sport e o 135 Coupe apresentavam um motor de 3,2 litros. O Sport produzia 96 cavalos de potência, enquanto o Coupe tinha 110 cavalos. 120 cavalos de potência foram produzidos pelo motor de 3,6 litros do Type 135 Competition. O motor do 135 CS era um motor simples operado por haste, emprestado do motor de caminhão Tipo 103 de 1927.

Um cabriolet Figoni & Falaschi  Delahaye Type 135 semelhante à apresentada no Salão Automóvel de Paris de 1935 e exibido no Concours d'Elegance de l'Auto foi entretanto vendido.

Vendido em 1946, teve a carroceria colocada num Bugatti Type 43 (chassi número 43308) para seu proprietário, Monsieur Bouvet, e o chassis original do Delahaye sido perdido logo após a troca da carroceria.

O Bugatti Delahaye cabriolet foi posteriormente vendido ao tenente-coronel Eric Richardson, da Califórnia, e residiu nos Estados Unidos pelos 39 anos seguintes.

Numa foto o Tenente-Coronel Eri Richardson aguarda a inspeção para o Golden Gate Concours d'Elégance em 1953.

O carro foi então exportado para a Inglaterra, onde a carroceria foi vendida a um novo proprietário que a modificou e modernizou incorretamente. Adquirido em 2000 e, após cinco anos de extensa pesquisa com uma equipa de especialistas na Europa, identificaram-no e restauraram-no como original.

IMG_20240429_182140.jpg

IMG_20240429_182204.jpg

IMG_20240429_182629.jpg

IMG_20240429_182632.jpg

IMG_20240429_182639.jpg

Miniatura

Interior detalhado

Sem suspensão.

As rodas são de plástico de acordo com as originais.

Fabricante Solido

Série L ´Age d´or

Referencia nº 4048 preço

Material – zamac

Material da placa de base – plástico

A base está aparafusada à carroçaria

Apresentado em caixa de cartão com janela de visualização e expositor plástico.

País – França

Anos de fabrico  a


publicado por dinis às 19:54
link do post | comentar | favorito
Domingo, 28 de Abril de 2024

Mercedes F1 com carroçaria de sport- Um olhar sobre as minhas miniaturas

Mercedes F1 com carroçaria de sport- Um olhar sobre as minhas miniaturas

1182ª – Mercedes 194 - 1954 RBA 

  1. M. Fangio Mercedes-Benz W196 #18 vencedora italiano GP Fórmula 1 Campeão

Mercedes-Benz W196 de 1954

Grand Prix – Mitos da Fórmula 1

328ª –  Mercedes Benz W 196 Streamlined Modelos 3J

https://manueldinis.blogs.sapo.pt/mercedes-benz-w-196-streamlined-um-1288848

782ª – Mercedes Benz W 196 Brumm

https://manueldinis.blogs.sapo.pt/mercedes-benz-w-196-sem-carenagem-um-1553070

Modelo real

Uma lacuna nos regulamentos, permitiu a Rudolf Úhlenhaut e 0s seus engenheiros, Hans Scherenberg, Ludwig Kraus, Manfred Lorscheidt, Hans Gassmann e Karl-Heinz Göschel, criarem uma carroçaria, altamente inovadora onde a Mercedes esperava ganhar preciosos segundos minimizando o arrasto, especialmente em circuitos de alta velocidade, colocando-se bem à frente de qualquer outra equipa de Grande Prémio.

A primeira carroçaria utilizada, tinha uma com carenagem cobrindo as rodas, como se fosse um protótipo, e posteriormente também participou com outra com as rodas salientes, mais parecido com os carros de Fórmula 1.

O motor, com cerca de 300 cavalos, a inovação era a utilização de injeção direta com válvulas sem molas, numa adaptação do sistema usado no caça Messerschmitt Bf 109E durante a Segunda Guerra Mundial.

Mas foi por causa do desenvolvimento da carenagem que a equipe alemã só estreou na F1 na quarta de oito corridas de 1954.

Na primeira prova do Mercedes W196 foi no Grande Prêmio da França de 1954, no circuito Reims-Gueux, onde foi utilizada a carroceria aerodinâmica totalmente envolvente.

Os Mercedes-Benz W196 atribuidos foram com o Nº 18 J.M. Fangio,  Nº 20 K Kling e Nº 22 H Hermann.

O argentino Juan Manuel Fangio e os alemães Karl Kling e Hans Herrmann, a Mercedes no veloz circuito de Reims, Fangio já fez a pole com um segundo de vantagem para Kling, enquanto Herrmann saiu em nono.

Fangio e Kling dispararam na frente, enquanto a Ferrari e Maserati ficavam pelo caminho ou simplesmente não conseguiam acompanhar as Mercedes.

Durante a recuperação, Hermann fez a volta mais rápida mas quebrou.

Na última volta, o director de provas Alfred Neubauer Alfred Neubauer ordenou que Fangio ficasse à frente de Kling, e assim os dois cruzaram a linha de chegada em formação, com apenas 0s1 os separando. Foi apenas uma amostra do poderio da Mercedes.

A versão do W196 com as rodas cobertas foi usada na prova seguinte, na Inglaterra, mas Fangio a danificou algumas vezes atingindo cones, e, por isso, a carenagem só foi usada em mais duas vezes, ambas na velocíssima pista de Monza, em 1954 e 1955. Daí surgir o apelido "Monza Type" para essa versão do W196.

Modificação na miniatura

Miniatura fotografada no seu local desde que foi adquirido

IMG_20240427_171823.jpg

IMG_20240427_171845.jpg

IMG_20240427_171918.jpg

IMG_20240427_172306.jpg

IMG_20240427_172436.jpg

IMG_20240427_172449.jpg

IMG_20240427_172512.jpg

Miniatura

Interior detalhado

Sem suspensão.

As rodas são de plástico de acordo com as originais.

Fabricante IXO, RBA Collectibles,

Série Grand Prix – Mitos da Fórmula 1

Referencia nº 2 preço 1595$00

Material – zamac

Material da placa de base – plástico

A base está aparafusada à carroçaria

Apresentado em caixa de cartão com janela de visualização e expositor plástico.

País – Portugal, feito na China

 


publicado por dinis às 18:57
link do post | comentar | favorito
Sábado, 27 de Abril de 2024

Porsche 356 - Um olhar sobre as minhas miniaturas

Porsche 356 - Um olhar sobre as minhas miniaturas

1182ª – Porsche 356 Mille Miglia 1952  Brumm

Porsche 356 do meu ano de nascimento e do qual não sei o nome dos pilotos 

Modelo real

Nas Mille Miglia realizadas a 4.5.1952 pelo Automobile Club di Brescia encontramos vários Porsche 356 mas com o nº 234 não se classificou.

Estiavam inscritos 502 entre muitas classes de veículos concorrentes, e com eles seis Porsche 356, entre eles nº 234 competia na classe Gran Turismo Internazionale 1500 o que indica que o carro tinha motor com capacidade de 1500 como é descrito como tal em vários lugares.

050 von Frankenberg / Wieselmann (D) Porsche 356 1100 Porsche Ss1.1

127 Polensky / Mijorini Porsche 356 1500 Porsche Ss1.5

314 D'Inca Levis / Facca  Porsche  356 1100 Porsche GT1.5

322 Della Favera / Artusi   Porsche 356 1500 Porsche GT1.5

234 TN+1.5

327 Lurani / Berklheim Porsche 356 SL Gmünd Coupé Porsche GT1.5 234

Dos 502 que participaram da competição o número indica que a sua prova começou cedo, às 2h34, como evidenciado pelo número inicial pintado à mão com tinta branca para todos os participantes no local.

A tripulação do carro apresentado não é conhecida e não esteve entre os 274 veículos classificados

IMG_20240427_193056.jpg

IMG_20240427_193100.jpg

IMG_20240427_193313.jpg

IMG_20240427_193356.jpg

Miniatura  

Interior detalhado

Sem suspensão.

As rodas são de plástico de acordo com as originais.

Fabricante Brumm

Série oro

Referencia nº 120 preço 2100$00

Material – zamac

Material da placa de base – plástico

A base está aparafusada à carroçaria

Apresentado em caixa de cartão com janela de visualização e expositor plástico.

País – Itália

Anos de fabrico  a

 


publicado por dinis às 19:43
link do post | comentar | favorito
Sexta-feira, 26 de Abril de 2024

Mc Laren Mercedes F1- Um olhar sobre as minhas miniaturas

Mc Laren Mercedes F1- Um olhar sobre as minhas miniaturas

1181ª – Mc Laren Mercedes MP/14 – 1999 RBA Coleccionables  

Grand Prix – Mitos da Fórmula 1

A primeira colecção de Miniaturas de Press disponibilizada em Portugal

McLaren MP 4-14 #1 1999 World Champion M.Hakkinen

O mundo da miniatura, iniciava uma revolução, modelos mais baratos e um fasciculo que nos ajudava e compreender e entender um pouco mais o modelo representado pela miniatura, era a sua vantagem,

Os fascículos e as respectivas miniaturas foram disponibilizadas nos Quiosque de Jornais, em Outubro de 2001 por intermedio da Editora espanhola R.B.A. fundada em 1981, em Barcelona, por Ricardo Rodrigo, Carmen Balcells e Roberto Altarriba.

As miniaturas rareavam ou eram extremamente caras e as colecções vendidas nos quiosques eram uma opção válida.

Modelo real

O vitorioso Mc Laren MP4/13 de 1998 foi melhorado por Adrian Newey que optou por redesenhar muitos dos aspectos básicos para o novo MP4/14 com aerodinâmica ainda mais avançada do que o vencedor MP4/13.

Adrian Newey elaborou um monolugar com um depuradíssimo estudo aerodinâmico, muito evoluído e com linhas que começaram a definir-se quando a equipa de 14 engenheiro aerodinâmicos passou a dispor do magnifico túnel de Vento da British Aerospace que MC Laren o aluga habitualmente.

Para melhorar o equilíbrio de massas assim como o centro de gravidade, centrou-se o habitáculo e colocou-se o piloto numa posição mais inclinada e mais baixa.

A caixa de velocidades de desenho próprio com 6 velocidades, ampliável a 7, e uma embraiagem acionada á mão parecia a antítese daquilo que um carro de corrida deveria dispor. A sua eficácia provou ser demolidora.

Terminado muito tarde, começou o Campeonato do Mundo sem as devidas afinações com Mika Hakkinen a ter uma primeira parte absolutamente modelar, mas, apos o acidente do seu rival, Schumacher em Silverstone, os ânimos arrefeceram.  Np final conquistou cinco grandes prêmios: GP Brasil, GP Espanha, GP Canadá, GP Hungria e no Grande Prémio do Japão garantir com apenas dois pontos de vantagem o segundo título, apesar do Campeonato de Construtores fosse para a Ferrari.

Modificação na miniatura

A publicidade às marcas de tabaco continua proibida e em vez do autocolante de West, está Mika, seguindo as normas internacionais, ainda me fez ponderar não fazer a coleção.  

IMG_20240426_210443.jpg

IMG_20240426_210449.jpg

IMG_20240426_210458.jpg

IMG_20240426_210503.jpg

IMG_20240426_210704.jpg

IMG_20240426_210854.jpg

Miniatura

Interior detalhado

Sem suspensão.

As rodas são de plástico de acordo com as originais.

Fabricante IXO, RBA Coleccionables ,

Série Grand Prix – Mitos da Fórmula 1

Referencia nº 1 preço

Material – zamac

Material da placa de base – plástico

A base está aparafusada à carroçaria

Apresentado em caixa de cartão com janela de visualização e expositor plástico.

País – Portugal, feito na China


publicado por dinis às 22:44
link do post | comentar | favorito
Quinta-feira, 25 de Abril de 2024

Bugatti 57C coupé longo - Um olhar sobre as minhas miniaturas

Bugatti 57C coupé longo - Um olhar sobre as minhas miniaturas

1180ª – Bugatti Atalante 57C Solido Transformado

Livro Jacques Conway Hugh e Greilsamer. Bugatti.

Bugatti 57C coupé Atalante de 1938 (chassis nº 57624, motor nº 448)

Modelo real

O Bugatti 57C coupé Atalante de 1938 com o chassis nº 57624, motor nº 448, era azul e preto, saiu da fábrica em dezembro de 1937 e ficou pronto em 28/01/1938.

Ele será exibido no Salão Automóvel de Genebra do mesmo ano, era azul e preto.

O motor é um 8 cilindros em linha de 3287 cc, duplo comando de válvulas no cabeçote e desenvolve, graças ao seu compressor, cerca de 160 CV. Com sua leve carroceria de alumínio, pode ir até 200 km/h!

Dos 685 Bugatti Type 57 construídos entre 1934 e 1939, apenas 34 cupês Atalantes foram fabricados no chassi 57 (com ou sem compressor) e 17 no chassi 57S (rebaixado).

A sua história é perfeitamente clara, teve a traseira modificada após um acidente e problemas na biela no final da década de 1950...

Recebeu o seu compressor em 1952, na fábrica da Bugatti que ainda existia.

 Participou até em ralis amadores no circuito de Le Mans.

Era azul e preto, e pintado de vermelho desde uma restauração em 1963.

Dos 685 Bugatti Type 57 construídos entre 1934 e 1939, apenas 34 cupês Atalantes foram fabricados no chassi 57 (com ou sem compressor) e 17 no chassi 57S (rebaixado).

O Bugatti 57C coupé Atalante de 1938 com o chassis nº 57624, motor nº 448, foi vendida durante o último salão Rétromobile (2018) pela Artcurial.

Modificação na miniatura

Depois de cortada a miniatura foi alargada e colada tendo a união sido feita com lata e tapado com barro plástico.

IMG_20240425_194859.jpg

IMG_20240425_194931.jpg

IMG_20240425_195146.jpg

IMG_20240425_195446.jpg

Miniatura

Interior detalhado

Sem suspensão.

As rodas são de plástico de acordo com as originais.

Fabricante Solido

Série Age d´or

Referencia nº 88 579 preço

Material – zamac

Material da placa de base – plástico

A base está aparafusada à carroçaria

Apresentado em caixa de cartão com janela de visualização e expositor plástico.

País - França

Anos de fabrico  a


publicado por dinis às 22:29
link do post | comentar | favorito

III Especial Sprint de Vila Real 2023 parte 5

III Especial Sprint de Vila Real 2023 parte 5

Final da 1º prova da Especial Sprint de Vila Real com a passagem de Pedro Alves.

IMG_1008.JPG

IMG_1009.JPG

IMG_1011.JPG

IMG_1012.JPG

IMG_1015.JPG

IMG_1016.JPG

IMG_1021.JPG

IMG_1022.JPG

IMG_1023.JPG

IMG_1026.JPG

IMG_1027.JPG

IMG_1028.JPG

IMG_1029.JPG

IMG_1030.JPG

IMG_1031.JPG

IMG_1032.JPG

IMG_1033.JPG

IMG_1035.JPG

IMG_1037.JPG

IMG_1038.JPG

IMG_1040.JPG

IMG_1041.JPG

IMG_1042.JPG

IMG_1043.JPG

 

IMG_1046.JPG

IMG_1048 (1).JPG


publicado por dinis às 01:31
link do post | comentar | favorito
Quarta-feira, 24 de Abril de 2024

500 Milhas ACP Clássicos 2022 parte 5 

500 Milhas ACP Clássicos 2022 parte 5 

Na passagem por Vila Real da equipa vila-realense João e Luís Cunha

IMG_0702.JPG

IMG_0703.JPG

IMG_0704.JPG

IMG_0707.JPG

IMG_0708.JPG

IMG_0711.JPG

IMG_0712.JPG

IMG_0714.JPG

IMG_0715.JPG

IMG_0716.JPG

IMG_0719.JPG

IMG_0720.JPG

IMG_0722.JPG

IMG_0724.JPG

IMG_0728.JPG

IMG_0729.JPG

IMG_0730.JPG

IMG_0731.JPG

IMG_0732.JPG

IMG_0733.JPG

IMG_0734.JPG

IMG_0735.JPG

IMG_0737.JPG

IMG_0740.JPG

IMG_0741.JPG

IMG_0746.JPG

IMG_0747.JPG

 


publicado por dinis às 23:59
link do post | comentar | favorito
Terça-feira, 23 de Abril de 2024

Triumph Spitfire - Um olhar sobre as minhas miniaturas

Triumph Spitfire - Um olhar sobre as minhas miniaturas

1179ª – Triumph Spitfire  Solido

Triumph Spitfire

335 ª – Triumph Spitfire Dinky Toys

https://manueldinis.blogs.sapo.pt/triumph-spitfire-um-olhar-sobre-as-1342661

Modelo real

O Spitfire é o nome de um famoso caça britânico da Segunda Guerra Mundial e foi posteriormente aplicado ao Triumph  Spitfire da Standard-Triumph para competir no mercado de pequenos carros desportivos contra o Austin-Healey Sprite, um automóvel do mesmo grupo.

Giovanni Michelotti, projetou a carroçaria do Herald, onde as janelas de abertura contrastavam com o Sprite e o Midget, que usavam cortinas laterais e uma capota composta pelo capot e guarda lamas que se abriam para frente para acesso ao motor.

A introdução do Spitfire foi adiada pelos problemas financeiros da sua empresa no início dos anos 1960 e foi posteriormente anunciada logo após a Standard Triumph ter sido adquirida pela Leyland Motors. Enquanto avaliavam sua nova aquisição, os funcionários da Leyland encontraram o protótipo de Michelotti sob uma camada de poeira em um canto da fábrica e rapidamente o aprovaram para produção.

O design de produção mudou pouco em relação ao protótipo: o para-choque traseiro de largura total foi substituído por dois para-choques parciais curvados em cada canto, com overriders. Mecânica derivada do Herald,

A carroceria foi aparafusada ao chassi do Herald muito modificado, os trilhos externos e os estabilizadores traseiros foram removidos; com soleiras externas estruturais para fortalecer o design geral.

Apresentado em 1962 no London Motor Show com a sua posição baixa e profunda, proporcionava a sensação de emoção que os compradores procuravam, com mais de 45.000 Spitfire  vendidos durante a sua produção entre 1962-1964.

A segunda versão do Spitfire foi fabricada entre 1965-1967 foi uma pequena atualização do Mark I.

IMG_20240423_174143 - Cópia.jpg

IMG_20240423_174208 - Cópia (1).jpg

IMG_20240423_174156 - Cópia.jpg

IMG_20240423_174148 - Cópia.jpg

Miniatura

Interior detalhado

Sem suspensão.

As rodas são de plástico de acordo com as originais.

Fabricante França

Série Sixties

Referencia nº 4539 preço

Material – zamac

Material da placa de base – plástico

A base está aparafusada à carroçaria

Apresentado em caixa de cartão com janela de visualização e expositor plástico.

País – França

Anos de fabrico  a


publicado por dinis às 21:32
link do post | comentar | favorito

Vila Real Gathering Super Cars 2024 parte 3

Vila Real Gathering Super Cars 2024 parte 3

A nossa Avenida Carvalho Araújo e as máquinas do Gathering Super Cars 2024

IMG_20240421_113448.jpg

IMG_20240421_113456.jpg

IMG_20240421_113529.jpg

IMG_20240421_113558.jpg

IMG_20240421_113640.jpg

IMG_20240421_113644.jpg

IMG_20240421_113709.jpg

IMG_20240421_113711.jpg

IMG_20240421_113729.jpg

IMG_20240421_113733.jpg

IMG_20240421_113736.jpg

IMG_20240421_113738.jpg

IMG_20240421_113809.jpg

IMG_20240421_113812.jpg

IMG_20240421_113817.jpg

IMG_20240421_113839.jpg

IMG_20240421_113841.jpg

IMG_20240421_113848.jpg

IMG_20240421_113854.jpg

IMG_20240421_113856.jpg

IMG_20240421_113919.jpg

IMG_20240421_113921.jpg

IMG_20240421_113927.jpg

IMG_20240421_113946.jpg

IMG_20240421_113948.jpg

IMG_20240421_114008.jpg

IMG_20240421_114011.jpg

IMG_20240421_114024.jpg

 


publicado por dinis às 21:19
link do post | comentar | favorito

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Maio 2024

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9

13
15
16
17
18

19
21
22
23
24
25

26
27
28
29
30
31


.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.posts recentes

. 53º Circuito Internaciona...

. O Rally de Portugal 2024 ...

. Wartburg A 311 coupé 1958...

. Rally de Portugal 2024 cl...

. Maserati 250F – 1957 F1- ...

. O Rally de Portugal 2024 ...

. Renault RE 20/23 René Arn...

. Cooper T 51 F1- Um olhar ...

. Tyrrell P34 1976 - Um olh...

. 175º Encontro de Clássico...

. Mc Laren F1 GTR - Um olha...

. Vanwall VW57 F1- Um olhar...

. Lotus 78 F1- Um olhar sob...

. Alfa Romeo 158 F1- Um olh...

. Mc Laren Mercedes F1- Um ...

. Mercedes-Benz W196 sport ...

. Delahaye 135 M Spider  Bu...

. Mercedes F1 com carroçari...

. Porsche 356 - Um olhar so...

. Mc Laren Mercedes F1- Um ...

. Bugatti 57C coupé longo -...

. III Especial Sprint de Vi...

. 500 Milhas ACP Clássicos ...

. Triumph Spitfire - Um olh...

. Vila Real Gathering Super...

. III Especial Sprint de Vi...

. 500 Milhas ACP Clássicos ...

. A última vitoria da Ligie...

. Vila Real Gathering Super...

. III Especial Sprint de Vi...

. 500 Milhas ACP Clássicos ...

. III Especial Sprint de Vi...

. 500 Milhas ACP Clássicos ...

. Vila Real Gathering Super...

. Circuito Internacional de...

. III Especial Sprint de Vi...

. 500 Milhas ACP Clássicos ...

. Branco no início e vermel...

. Minardi Ford M195B - Um o...

. Tyrrell Yamaha 024 - Um o...

. Williams Renault FW17 - U...

. Ferrari 412 T2 1995 - Um ...

. 174º Encontro de Clássico...

. Alfa Romeo 155 V6 TI DTM ...

. Mercedes Benz AMG C 180 D...

. Renault 5 Maxi Turbo - Um...

. BMW 502 Coupé - Um olhar ...

. Porsche 911 GT2 Irmãos Br...

. Mercedes-Benz 190E 2.5-16...

. 174º Encontro de Clássico...

.arquivos

. Maio 2024

. Abril 2024

. Março 2024

. Fevereiro 2024

. Janeiro 2024

. Dezembro 2023

. Novembro 2023

. Outubro 2023

. Setembro 2023

. Agosto 2023

. Julho 2023

. Junho 2023

. Maio 2023

. Abril 2023

. Março 2023

. Fevereiro 2023

. Janeiro 2023

. Dezembro 2022

. Novembro 2022

. Outubro 2022

. Setembro 2022

. Agosto 2022

. Julho 2022

. Junho 2022

. Maio 2022

. Abril 2022

. Março 2022

. Fevereiro 2022

. Janeiro 2022

. Dezembro 2021

. Novembro 2021

. Outubro 2021

. Setembro 2021

. Agosto 2021

. Julho 2021

. Junho 2021

. Maio 2021

. Abril 2021

. Março 2021

. Fevereiro 2021

. Janeiro 2021

. Dezembro 2020

. Novembro 2020

. Outubro 2020

. Setembro 2020

. Agosto 2020

. Julho 2020

. Junho 2020

. Maio 2020

. Abril 2020

. Março 2020

. Fevereiro 2020

. Janeiro 2020

. Dezembro 2019

. Novembro 2019

. Outubro 2019

. Setembro 2019

. Agosto 2019

. Julho 2019

. Junho 2019

. Maio 2019

. Abril 2019

. Março 2019

. Fevereiro 2019

. Janeiro 2019

. Dezembro 2018

. Novembro 2018

. Outubro 2018

. Setembro 2018

. Agosto 2018

. Julho 2018

. Junho 2018

. Maio 2018

. Abril 2018

. Março 2018

. Fevereiro 2018

. Janeiro 2018

. Dezembro 2017

. Novembro 2017

. Outubro 2017

. Setembro 2017

. Agosto 2017

. Julho 2017

. Junho 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Março 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

.tags

. todas as tags

SAPO Blogs
RSS
Em destaque no SAPO Blogs
pub